Fabricantes

29/12/2010 19h36 - Atualizado em 14/07/2011 07h08

Mozilla também sofre com vazamento de logins e senhas

Thássius Veloso
por
Do Tecnoblog

Depois da Gawker Media, é a vez da Mozilla passar por maus bocados por conta de vazamento nas informações de seus usuários. Uma falha no sistema da organização fez com que os arquivos com logins e senhas de usuários do site de extensões do Firefox fossem publicados na internet, para qualquer um ver. Cerca de 44 mil pessoas tiveram seus dados expostos, infelizmente.

FirefoxFirefox (Foto: Divulgação)

A boa notícia é que a falha não foi amplamente divulgada. De acordo com a Mozilla, somente uma pessoa teve acesso aos dados, que permitiram se logar no serviço de download de extensões. Depois de fazer uma auditoria nos registros de acesso aos dados, a Mozilla chegou à conclusão de que a pessoa que viu as informações é a mesma que alertou para o problema, o que minimizou um pouco a gravidade da situação.

De qualquer forma, a organização imediatamente zerou as senhas dos 44 mil usuários afetados, que já devem estar recebendo e-mails solicitando que uma nova senha seja cadastrada. A Mozilla agiu rápido para evitar maiores estragos, e ainda está recomendando que essas pessoas troquem suas senhas em outros serviços, caso a combinação seja a mesma do Mozilla Add-ons. Essa é uma camada extra de proteção, considerada até mesmo dispensável por algumas pessoas.

A empresa de segurança Sophos aconselhou que a Mozilla passe a armazenar as senhas dos usuários usando o método de criptografia conhecido como SHA-512. Esse método é bem mais seguro e moderno que o MD5, que protegia as senhas cadastradas no site da Mozilla anteriores a abril de 2009. As senhas posteriores a essa data já são armazenadas de forma mais segura, tanto que não foram reveladas durante a falha.

Via: Naked Security

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares