Sistemas Operacionais

17/10/2011 19h21 - Atualizado em 17/10/2011 19h29

Conheça 5 alternativas à interface Unity do Ubuntu

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Um dos principais destaques da nova versão do Ubuntu é a sua interface Unity, que desperta um mix de elogios e críticas entre os usuários. E, para aqueles que não estão satisfeitos, apresentamos neste post cinco alternativas de interface para a distribuição Linux, que são interessantes, rápidas e fáceis de instalar.

Para utilizá-las, basta efetuar a instalação (através das respectivas linhas de comando indicadas em cada segmento), fechar a seção do sistema, e, após adicionar o nome de usuário e senha, escolher a nova interface.

1. Interface Gnome Shell

GNOME Shell (Foto: Reprodução)GNOME Shell (Foto: Reprodução)

A Gnome Shell possui a qualidade de se integrar muito melhor no novo GNOME 3, e permite explorar ao máximo as novas funções do Ubuntu 11.10.

Para instalar, use a linha de comando:
sudo apt-get install gnome-shell gnome-tweak-tool gnome-themes-standard

2. A versão mais simples do Unity, em 2D

Unity 2D (Foto: Reprodução)Unity 2D (Foto: Reprodução)

Se o seu problema é que você não pode (ou não quer) usar os efeitos gráficos do Unity, mas gosta de sua aparência e funcionalidades, o Unity 2D é uma alternativa mais leve, e que não exige ter as propriedades 3D nas suas propriedades gráficas.

Para instalar, use a linha de comando:
sudo apt-get install unity-2d

3. O desktop clássico (Fallback Mode)

Fallback Mode (Foto: Reprodução)Fallback Mode (Foto: Reprodução)

Para os mais nostálgicos, que sentem falta do GNOME 2, existe uma opção bem parecida (pelo menos na aparência), sem necessidade de mudar nada. O Fallback Mode foi originalmente pensado para interfaces que não possuem suporte 3D, contando com a típica estética do GNOME 2. É necessário instalar o GNOME Shell para poder usar esse desktop.

4. Uma simples troca por uma interface que já acompanha o Ubuntu

Interface LXDE (Foto: Reprodução)Interface LXDE (Foto: Reprodução)

Ainda que muitos usuários do Ubuntu custem a acreditar, o GNOME não é a única interface disponível. Há outras, com mais funcionalidades e características bem diferentes. As mais usadas são a KDE, com o esquema Plasma, a XFCE, que é leve e bem completa, e a LXDE, que é a mais leve de todas, e muito útil para máquinas com poucos recursos.

Para instalar, use as linhas de comando abaixo:
sudo apt-get install kubuntu-desktop
ou
sudo apt-get install xubuntu-desktop
ou
sudo apt-get install lubuntu-desktop

5. Designs gráficos sem áreas de trabalho

Fluxbox (Foto: Reprodução)FluxBox (Foto: Reprodução)

É possível usar um esquema gráfico sem utilizar um gerenciador de desktop para consumir recursos. A solução é usar diretamente um gestor de janelas. O mais usado deles é o OpenBox, que é mais leve, e com alto nível de personalização. O FluBox é outra alternativa interessante, também bem leve, e com as mesmas vantagens do OpenBox.

Para instalar:
OpenBox: sudo apt-get install openbox openbox-themes obconf obmenu
FluBox: sudo apt-get install fluxbox

Via Ubuntu a Fondo

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares