06/02/2012 16h12 - Atualizado em 06/02/2012 16h12

Entenda WEP e WPA, protocolos de segurança de rede Wi-Fi

Gustavo Ats
por
Para o TechTudo

Uma das vantagens de utilizar uma rede sem fio é a facilidade de conexão. No entanto, por ser tão prática, essa tecnologia pode não garantir a segurança ideal.

A fim de garantir a proteção dos consumidores de rede Wi-Fi e impedir que usuários não autorizados tenham acesso a essas redes, foram criados alguns protocolos de segurança.

O TechTudo preparou uma lista com alguns desses protocolos e suas respectivas definições.

Protocolos de segurança de rede Wi-FI (Foto: Divulgação)Protocolos de segurança de rede Wi-FI (Foto: Divulgação)

WEP

Wired Equivalent Privacy  (Privacidade equivalente aos fios) foi o primeiro protocolo de criptografia lançado para redes sem fio. O WEP é um sistema de criptografia adotado pelo padrão IEEE 802.11. Ele utiliza uma senha compartilhada para criptografar os dados e funciona de forma estática. Além de fornecer apenas um controle de acesso e de privacidade de dados na rede sem fio.

As chaves de acesso utilizam 64 ou 128 bits e o algoritmo RC4 para criptografar os pacotes, que são transmitidos pelas ondas de rádio. Além disso, faz uso de uma função detectora de erros para verificar a autenticidade e dados.

Poucos anos após ter sido lançado, várias vulnerabilidades foram encontradas no uso do protocolo, até que o WPA foi lançado. O uso de WEP contribuiu para a invasão da rede da empresa T.J. Pai Maxx.

WEP2 ou WPA

Wi-fi Protected Access  (Wi-Fi de acesso protegido) é uma versão melhorada do WEP. Também é conhecido como TKIP (Temporal Key Integrity Protocol). O recurso surgiu em 2003 para aumentar a segurança do protocolo WEP. As principais mudanças foram no algorítimo de criptografia.

WPA 2 ou 802.11i 

O WPA2 é considerada a versão final o WPA. A principal diferença entre o WPA e o WPA2 é a forma com a qual ele criptografa os dados. Enquanto o WPA utiliza o TKIP como algoritmo de criptografia, o WPA2 utiliza o algoritmo AES (Advanced Encryption Standard). O algoritmo AES é consideravelmente mais pesado que o TKIP. Por conta disso, as placas mais antigas não suportam o WPA2, nem com um firmware atualizado.

O AES é o padrão de criptografia utilizado pelo Governo Norte-americano

O TechTudo apoia o Brasil Sem Vírus, movimento que dissemina práticas de segurança e distribui antivírus gratuitamente. Estima-se que 80% dos brasileiros já estiveram com os computadores ameaçados por vírus e ataques de hackers. Você pode ajudar sua rede de amigos enviando uma vacina para eles. Seja voluntário!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares