16/04/2012 17h26 - Atualizado em 16/04/2012 17h58

Qual a diferença entre Core 2 Quad e Quad Core?

Julio Monteiro
por
Para o TechTudo

Core 2 Quad é uma linha de processadores lançados pela Intel que dispõe da tecnologia de processamento de múltiplos núcleos conhecida como Quad Core. A diferença é que enquanto o Core 2 Quad é uma linha de processadores de um fabricante, o Quad Core é a tecnologia específica que nomeia esta linha.

Principais características

O Intel Core 2 Quad foi uma linha de processadores lançada junto com a então nova família da Intel chamada Core 2. Este substituiu totalmente os processadores elaborados com a arquitetura Netbrust, a mesma utilizada no famoso Pentium 4, que já possuiam seus modelos de multiprocessamento. É o caso do Pentium D, o qual nada mais era que uma junção de dois núcleos de Pentium 4.

O Petium D é um modelo de múltiplos núcleos Dual Core da Intel (Foto: Divulgação)O Petium D  (Foto: Reprodução)

Os Quad Core vieram mais ou menos na mesma época dos Dual Core. A diferença básica entre esses dois tipos de unidades de processamento é o número de núcleos. O segundo possui dois núcleos físicos de processamento, enquanto que o primeiro, os Core 2 Quad, possuem quatro. Seus nomes fazem referência a isso, pois Quad quer dizer quatro e, Duo, de Core 2 Duo, quer dizer dois.

Assim, já fica claro que os Core 2 Quad são processadores com quatro núcleos. Mas o interessante é que, para obter esse conjunto são usados dois núcleos de Core 2 Duo.

Esses processadores foram produzidos com a microarquitetura de 45 nm, que diminui mais ainda os componentes, e gerou maior desempenho, eficiência e menor cosumo de energia, bem como menor produção de calor e barulho.

Os Core 2 Quad vinham com até 12 MB de memória cache L2 compartilhado e barramento frontal de 1333 MHz. Tanta memória e velocidade significou acesso mais rápido às funções e aplicativos mais usados, pois a memória cache grava os dados dentro do processador.

Os processadores de quatro núcleos Core 2 Quad são formados por dois Core 2 Duo(Foto: Divulgação)Processadores de quatro núcleos  (Foto: Reprodução)

Foram incrementadas também mais algumas funcionalidades nesse chip Quad Core. São elas: otimização do uso da largura de banda de dados disponível, a aceleração de uma variedade de arquivos multimídia, desempenho melhorado dos recursos de edição e codificação de vídeo em alta definição, bem como aumento da capacidade de instruções por ciclo de clock, que acarreta em um consumo de energia mais eficiente.




O que é Hyperthreading

Os processadores de múltiplos núcleos não são a única forma de alcançar o multiprocessamento, há outros recursos que desenvolvem essa capacidade, é o caso do Hyperthreading. Este, no entanto, não representa um núcleo físico presente no processador. E, sim, uma simulação de um.

O que o Hyperthreading faz, na realidade, é “enganar” o sistema, levando o processador físico a trabalhar como se fosse duas CPUs lógicas. De qualquer forma, não são dois núcleos reais e, por isso, o HT não oferece ganhos significativos de velocidade, que ficam entre 10% e 30%, dependendo da aplicação processada.

Pentium Extreme Edition, por exemplo é a versão com HT do Pentium D, isto é, seria um Quad Core simulado, porque teria dois núcleos reais do Pentium 4 e cada um com a capacidade de simular mais um núcleo.

O que esse recurso realmente trouxe de bastante benéfico foi o aproveitamento de seções ociosas do processador para executar programas em paralelo, mesmo sem dobrar a velocidade.

Principais uso desses processadores

O objetivo dessa linha de processadores foi dar suporte a aplicativos que necessitam de alta capacidade de processamento de dados, como programas de edição de imagens e vídeos ou de elaboração de gráficos em três dimensões.

A Intel afima que aplicações empresariais de design, como o CAD e softwares para desenhos técnicos e renderização 3D, foram os alvos desse processador. Além da realização de cálculos complexos como Monte Carlo e Black-Scholes.

É interessante notar que um Quad Core não é necessariamente melhor que um Dual Core. A otimização de alguns programas pensados para dois núcleos, às vezes, é mais importante do que a presença de quatro núcleos que não serão usados devidamente pelo código do software.

Os 'Quad Cores' atuais

O Intel Core i7 é um dos modelos atuais de processador Quad Core (Foto: Divulgação)O Intel Core i7 (Foto: Reprodução)

Os Quad Cores mais atuais são algumas versões do processador Intel Core i7, que são configurados com quatro núcleos e ainda têm o Hyperthreading. Isto é, simulam mais quatro núcleos, totalizando oito. A versão Extreme Edition desse modelo tem múltiplos núcleos, mas dois a mais, sendo um Hexa Core.

 

  • imprimir
Seja o primeiro a comentar


Imagem do usuário
Sair

Quer realmente sair da globo.com?

Imagem do usuário

recentes

populares