TechTudo

22/05/2012 08h05 - Atualizado em 22/05/2012 11h30

Aprenda a criar funks com programas gratuitos

Rafael Moco Para o TechTudo

Quem disse que só os grandes DJs e MCs podem criar funks de sucesso? A equipe do TechTudo preparou um passo a passo para quem deseja criar suas próprias músicas, e sem precisar gastar nada. Tudo o que você precisa está disponível gratuitamente na internet, desde samples a programas de edição. Interessou? Então fique ligado nas nossas dicas e seja você também um verdadeiro MC.

Você vai precisar de apenas dois programas no PC: um para edição de áudio e outro para o arranjo da sua música. O primeiro é bem conhecido por quem faz gravações caseiras. Ele se chama Audacity, e está disponível para Windows, Mac e Linux. É ele que nos permitirá gravar samples em loop (repetindo eles ao longo da música) e também melhorar a qualidade final do arquivo de áudio. Você também vai precisar de um plugin chamado LAME, que salva seus arquivos no formato MP3. Com o programa de edição em mãos, chegou a hora de editar seus samples.

Os samples servirão como base para o nosso Funk. Para consegui-los, basta fazer uma busca rápida no próprio Google com as palavras-chave “Sampler de Funk”, “Batida de Funk para Download” ou “Base Funk Download”. Lembre-se: o objetivo aqui é justamente conseguir uma “batida” para a sua música, que ela deverá ser colocada em loop (ou seja, repetindo até o fim). Se você preferir, dá pra usar a batida de uma música que você goste. É pra isso que o Audacity serve.

A interface do programa é bem simples, assim como o seu funcionamento. Para extrair um loop de uma música, basta arrastar o arquivo dessa música MP3 direto para a janela do Audacity. Uma vez carregado, você vai precisar apurar seu "ouvido musical": o que você precisa fazer é identificar em que momento a batida começa e termina, sem ser interrompido por vozes ou por outras variações. Feito isso, basta selecionar esta parte como na imagem abaixo, clicando no ponto inicial e arrastando até o final, deixando cinza somente a área que você deseja extrair da música. Para facilitar, é possível ouvir a seleção em loop pressionando Shift + barra de espaço. Se você tiver alguma dificuldade em encontrar o ponto certo onde a batida começa e termina, basta aumentar ou diminuir o zoom, como mostramos nos ícones abaixo.

Audacity_1Audacity (Foto: Reprodução)

Depois de conferir o loop e verificar se ele funciona mesmo tocando uma vez após a outra, chegou a hora de exportá-lo como um novo arquivo. Tudo o que você precisa fazer é clicar em "Ficheiro", seguido de "Exportar Seleção". Com isso, uma nova janela se abrirá, permitindo que você escolha o local onde o arquivo será salvo, além do seu tipo. Durante o tutorial nós trabalharemos com arquivos no formato MP3, então basta escolhê-lo na lista e continuar com a exportação do som. Vale lembrar que é possível fazer isso com qualquer parte das músicas, e é exatamente desta forma que os MCs profissionais fazem remixes de músicas famosas; misturando partes conhecidas com a batida de funk.

Depois de conseguir todos os sons de que você precisa, chegou a hora de finalmente montar a sua música. Para isso, nós utilizaremos um software gratuito chamado Audio Editor Myna. A vantagem é que não é necessário instalar qualquer programa: ele roda diretamente do seu browser, em qualquer sistema, seja no Windows, Mac ou Linux. Outro grande diferencial é que ele nos permite editar sons em mais de uma faixa (fica mais fácil para arranjar os efeitos sonoros, a batida, e é claro, o vocal).

Myna_1Myna (Foto: Divulgação)

Antes de começar a montar sua música, é recomendável que você faça o cadastro no site clicando no botão Login. Apesar de gratuito, apenas usuários logados no Myna podem exportar suas músicas em MP3, ou compartilhar em outros serviços como o Sound Cloud.

Tudo pronto? Então vamos à edição.

Assim que carregar o Myna, você verá que ele possui várias tracks diferentes. Neste tutorial utilizaremos somente duas, uma para a batida e outra para a voz, mas você pode utilizar quantas tracks quiser, adicionando sons extras e incrementando ainda mais o seu funk.

Para carregar os samples é bem fácil. Tudo o que você precisa fazer é clicar na opção "File" – na interface do Myna, e não no browser de internet – e em seguida "Import Audio". Uma janela aparecerá, onde você deverá indicar onde está o arquivo de som que será utilizado (o mesmo que você pegou antes, com a batida). O Myna aceita arquivos de várias extensões, incluindo Wav, Aif, Wma e Ogg, mas indicamos o uso do MP3 por ser um formato mais leve, ocupando menos espaço. Escolhido o arquivo, basta pressionar o botão "Next" até que o upload inicie.

myna_2Myna (Foto: Reprodução)

Uma dica importante: dependendo da velocidade da sua internet, pode ser que o upload demore um pouco. De qualquer maneira, como você está logado no site todos os arquivos salvos no programa ficarão disponíveis caso você o feche; uma facilidade extra para edições de músicas mais complexas e longas.

Agora que você importou o arquivo, basta arrastá-lo para canal chamado Track 1. Se você quiser é possível renomear a faixa para um nome da sua preferência. Aqui no tutorial, utilizaremos o nome Batida, pois é alí que todos os arquivos deste tipo ficarão, para isso, basta clicar no nome Track 1 e digitar o nome correto.

Agora é que vem a parte divertida: montar a música. Com os loops em mãos, basta arrastá-los para o canal Batida, de forma que eles se agrupem uns após os outros, formando aos poucos o ritmo do seu funk. Para conferir como a música está ficando, basta pressionar o botão Play, na parte inferior da interface.

Nessa etapa, o ideal é que você intercale o ritmo com loops diferentes, mas que sejam semelhantes. Outro ponto importante é verificar se eles estão no tempo correto e se encaixam bem uns nos outros. Caso contrário, será necessário voltar ao Audacity e melhorar seus loops, selecionando partes maiores ou menores da música original. Não esqueça de salvar seu trabalho frequentemente, clicando em "File" e depois em "Save".

myna_3Myna (Foto: Reprodução)

Chegou a hora do principal: gravar a sua voz! Ela ficará na segunda track, na qual renomearemos para Vocal. O processo é bem simples. Basta clicar no botão "Record", localizado na parte inferior da interface. Importante: é necessário que o microfone esteja conectado no computador antes que o processo se inicie, ou é possível que o programa não reconheça que ele esteja em uso. Caso apareça uma mensagem com o botão Allow, basta clicar nele. Antes de começar a gravar, não esqueça de marcar a opção “Play other tracks while recording”. Assim será possível ouvir as batidas em um volume mais baixo, enquanto você estiver cantando.

myna_4Myna (Foto: Reprodução)

Finalizada a gravação, chegou a hora de incluí-la na música. Tudo o que você precisa fazer é parar a gravação e clicar no botão “Import to Project”. Uma tela aparecerá pedindo que você dê um nome para o arquivo. Nós o chamaremos de "vocal". Em seguida, um processo de upload terá início, e quando terminar a gravação com a sua voz estará disponível na coluna da direta, da mesma forma que aconteceu com o sampler da batida. Assim, basta clicar no som “Vocal” e arrastar para a trilha com o mesmo nome.

Myna_5Myna (Foto: Reprodução)

Seu funk está praticamente pronto. Tudo o que você precisa fazer agora é exportar o seu trabalho. Para isso, basta salvar o projeto e clicar no botão Mixdown, que fica na parte superior direita da interface do Myna.

Depois que arquivo for processado, o site permitirá que você ouça a sua música completa e baixe ela a MP3, prontinha para uso. Também é possível compartilhar sua criação direto em suas redes sociais, como o Twitter, Facebook e o MySpace. Outra excelente opção é a exportação para um serviço chamado SoundCloud, um site onde você pode hospedar gratuitamente suas músicas. Para isso, basta marcar a caixa SoundCloud, na opção Public Now.

Myna_6Myna (Foto: Reprodução)

Viu como é fácil? Com apenas dois programas é possível criar loops utilizando suas músicas preferidas, montando batidas e gravando sua própria voz. Você também pode tentar acrescentar outros efeitos sonoros, utilizando tracks extras no Myna. O processo continua o mesmo: fazer o upload do arquivo, incluí-lo na posição correta dentro da track específica e gravar sua voz em cima do som.

De início, vale fazer uma busca na internet por samples e batidas já prontas, facilitando bastante o seu trabalho para colocar a voz em suas músicas. Preparado para tornar-se um MC de sucesso? Quando tiver uma composição, posta o link aqui nos comentários.

  • imprimir
  • Compartilhar no Orkut
  • Enviar para um Amigo
140 caracteres

Verificação de segurança

Gênero

  • Tiago Silva
    2012-05-22T08:28:24

    Eu fechei com o monstro Dj...

    COMPARTILHAR

    Imagem do usuário
  • Barkley Serafim
    2012-12-26T14:21:51

    não consigo acha o myna do jeito q mostra nesse tutorial

    COMPARTILHAR

    Imagem do usuário
  • Tiago Silva
    2012-05-22T08:28:24

    Eu fechei com o monstro Dj...

    COMPARTILHAR

    Imagem do usuário
  • Barkley Serafim
    2012-12-26T14:21:51

    não consigo acha o myna do jeito q mostra nesse tutorial

    COMPARTILHAR

    Imagem do usuário

TechTudo.com.br © Copyright 2010-2014 Globo Comunicação e Participações S.A. Política de Privacidade