27/09/2012 15h33 - Atualizado em 28/09/2012 09h16

Como usar o Aida64 (aplicativo que substituiu o Everest)

Edivaldo Brito
por
Para o TechTudo

O Aida64 é o novo nome do aplicativo que antigamente se chamava Everest, ele é uma ferramenta avançada de diagnóstico e monitoramento de PCs que mostra detalhes sobre os componentes de sistema e exibe quais são os itens instalados em um computador.

Mas o Aida64 faz muito mais que exibir informações sobre seu computador. Se você quer explorar esse programa ao máximo e descobrir tudo sobre seu equipamento, acompanhe esse tutorial do TechTudo e descubra como se faz.

Descobrindo informações sobre o computador e baixando drivers

Passo 1. Se você ainda não tem, baixe o Aida64 no TechTudo downloads, instale-o e depois execute-o;

Passo 2. No quadro do lado direito da tela, clique no item “Computador” e depois na opção “Sumário”, no mesmo quadro será exibida uma listagem de cada componente do computador;

Acessando o sumário de informações sobre o computador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acessando o sumário de informações sobre o computador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 3. Procure pelo componente que deseja descobrir informações e se o campo “Valor” correspondente estiver com as letras na cor azul, clique nele. Será exibido um menu com opções;

Acessando o menu com opções sobre o compenente (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acessando o menu com opções sobre o componente (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 4. Para saber mais detalhes sobre esse componente, no menu que aparece, clique na opção “Informação sobre o produto”. Será aberta a página com as informações do componente no site do fabricante;

Página com informações sobre o compenente selecionado (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Página com informações sobre o componente selecionado (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 5. Para escolher o arquivo de driver desse componente, clique a opção “Download do controlador” no menu que aparece. Será aberta a página de suporte do componente no site do fabricante;

Página de suporte do compenente selecionado (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Página de suporte do componente selecionado (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 6. Para baixar uma atualização do arquivo de driver desse componente em um serviço de busca de driver, clique na opção “Atualização de controlador (driver)” no menu que aparece. Será aberta a página do serviço DriverAgent;

Página do serviço de busca de drivers DriverAgent (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Página do serviço de busca de drivers DriverAgent (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 7. Para ver mais detalhes sobre cada componente, dê um clique duplo sobre o ícone dele que fica na primeira coluna do quadro do lado direito da tela.

Clique duplo sobre o ícone do compnente leva a mais informações (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Clique duplo sobre o ícone do compnente leva a mais informações (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Emitindo um relatório sobre o computador

Passo 1. Clique no menu “Relatório” e depois na opção “Assistente de Relatórios…”;

Acesando o Assistente de Relatórios (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Acesando o Assistente de Relatórios (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 2. Na primeira tela, clique no botão “Próximo”;

Passo 3. Na janela “Perfil do relatório”, selecione a opção de detalhamento do relatório que você quer e depois clique no botão “Próximo”;

Escolhendo o perfil de detalhamento do relatório (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Escolhendo o perfil de detalhamento do relatório (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 4. Na próxima tela, escolha o formato de saída do relatório e clique no botão “Finalizar” para emiti-lo. Aguarde um pouco e o relatório aparecerá na tela. Depois disso, você poderá salvá-lo em arquivo, enviar por e-mail ou imprimi-lo;

Escolhendo o formato de saída do relatório (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Escolhendo o formato de saída do relatório (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Testando o computador

Passo 1. Para testar o desempenho de um disco rígido do computador (Atenção! este disco não pode conter dados, pois ele será apagado), clique no menu “Ferramentas” e na opção “Benchmark de Disco”. Na janela da ferramenta, clique no menu “Options” e escolha a opção “Write tests”. Você será alertado sobre o risco de perder os dados do disco a ser testado, portanto, só confirme se tiver certeza do que está fazendo;

Verificando o desempenho do disco (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Verificando o desempenho do disco (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 2. Para testar o desempenho das memórias e do cache, clique no menu “Ferramentas” e na opção “Benchmark de Memória e Cache”. Na janela que aparece, clique no botão “Start Benchmark” para iniciar;

Testando o desempenho das memórias e do cache (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Testando o desempenho das memórias e do cache (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 3. Para testar seu monitor, clique no menu “Ferramentas” e na opção “Monitor de diagnósticos”. Dentro da janela de testes, marque os testes que deseja fazer e depois clique no botão “Auto Run Selected Tests” para iniciar os testes;

Testando o monitor (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Testando o monitor (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 4. Para testar a estabilidade do computador, clique no menu “Ferramentas” e na opção “Teste de Estabilidade do Sistema”. Na janela que aparece, marque os testes que deseja fazer e depois clique no botão “Start” para iniciar o teste;

Testando a estabilidade do computador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Testando a estabilidade do computador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 5. Para saber mais detalhes sobre a CPU do computador, clique no menu “Ferramentas” e na opção “AIDA64 CPUID”. Será mostrada uma janela com as informações sobre a CPU, se as informações demorarem a aparecer apenas aguarde um pouco mais.

Descobrindo mais detalhes sobre a CPU do computador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Descobrindo mais detalhes sobre a CPU do computador (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Pronto. Tudo que foi visto é basicamente a mesma coisa no antigo Everest, no AIDA32 (versão para sistemas de 32 bits) e no atual AIDA64 (para sistemas de 64 bits). Agora que você já sabe usar o programa, dificilmente será preciso abrir o computador para saber informações sobre seu hardware.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares