16/04/2013 18h20 - Atualizado em 16/04/2013 18h20

Como se prevenir do vírus que altera boletos bancários

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

Recentemente, foi divulgado um novo tipo de vírus que altera boletos bancários e faz com que, ao invés de pagar suas contas, o usuário transfira dinheiro para contas de criminosos virtuais. Por isso, o TechTudo entrevistou os especialistas em segurança online Jefferson Pita e Ícaro Martins, da Kinetics Mobile e, com as dicas deles, preparamos um tutorial para te ajudar a se prevenir deste tipo de malware.

Entenda o novo vírus que modifica boletos bancários

Boleto alterado, com destaque para as diferenças na linha digitável e no código de barras (Foto: Reprodução)Boleto alterado, com destaque para as diferenças na linha digitável e no código de barras (Foto: Reprodução)

“Os emissores de boleto online são os maiores interessados em dificultar este tipo de ação, pois além de perder o pagamento, acabam tendo sua marca arranhada graças a ação destes bandidos. Nem sempre o consumidor vai entender que foi vítima de um golpe, e que terceiros inseriram um vírus em seu computador. O consumidor irá sempre responsabilizar a empresa que ofereceu o serviço ou produto”, afirmam os especialistas.

Para os internautas:

Passo 1. Mantenha sempre o seu antivírus e o seu sistema operacional atualizados. Outros softwares como browsers, e plug-ins como Java e Flash também devem ser atualizados regularmente. Com isso, você cria uma barreira de proteção no seu PC. Tanto para este vírus como para outros tipos de malware.

Passo 2. Ao receber um boleto bancário para pagamento online, é importante também checar se o código do banco confere com o logotipo da instituição financeira. Em testes realizados em uma máquina infectada com o vírus, foram gerados boletos de diversos bancos, mas os códigos de pagamento eram sempre do mesmo banco. Portanto, o dinheiro usado no pagamento do boleto, na verdade, era transferido para outro local e não para o que, teoricamente, estava cobrando a fatura.

Passo 3. Boletos criados por computadores infectados com este malware apresentam também os códigos de barras com espaçamentos incomuns, que não podem ser lidos automaticamente. Assim, o usuário acaba tendo que digitar um código alterado e realiza o pagamento errado. Não deixe de verificar se os espaços entre números estão corretos.

Para empresas:

Se você trabalha ou é dono de uma empresa que gera boletos online, é bom ficar atento as dicas também. Segundo os especialistas, há companhias que podem ter sido contaminadas com este vírus. Para eles, essas empresas têm que tomar cuidado, porque “este vírus pode trazer consequências devastadoras”. Sendo assim, é recomendada a aplicação de todas as medidas de segurança possíveis.

Passo 1. A linha digitável pode (e deve) ser composta por imagens, e não texto. Isso dificulta bastante a ação de qualquer vírus, já que assim fica bem mais complicado do cibercriminoso identificar e trocar o código de barras nas imagens.

Passo 2. Outro método de segurança é somente inserir a linha digitável na página para impressão via javascript. Este recurso também tem o intuito de dificultar a identificação e alteração dos números do código.

Passo 3. O mais simples método de garantir a segurança do boleto, entretanto, é o de disponibilizar no próprio boleto gerado um código javascript que verifique, por si mesmo, se a linha digitável mostrada na tela confere com os dados desejados.

Aprenda a usar criptografia e salvar seus dados de hackers

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Raimundo Dias
    2013-04-17T06:30:41  

    É muito simples saber se o boleto que você está pagando irá para outra conta. Basta verificar se o campo do boleto " agen/cod.cedente" consta no código de barras com os mesmos números.

    recentes

    populares

    • Raimundo Dias
      2013-04-17T06:30:41  

      Na verdade não. Alguns metodos mantem o CEDENTE, AGENCIA E CONTA inalterados, trocando SOMENTE A LINHA DIGITAVEL que é o que valida a transferencia. tanto é que ao pagar um boleto, voce só precisa digitar a linha digitavel do mesmo. O IDEAL seria conferir os 3 primeiros digitos DO CODIGO DE BARRAS e ver se o banco de destino confere com o banco da empresa a qual voce está pagando. Mas isso é dificil em muitos casos, mas é a principal validação nesses casos de fraude. O 3 primeiros DIGITOS DO CODIGO DE BARRAS se REFEREM AO CODIGO DO BANCO.

    recentes

    populares

    • Raimundo Dias
      2013-04-17T06:30:41  

      Negativo, vide minha resposta acima sobre analise do boleto fraudulento.

  • Luiz Monteiro
    2015-05-19T11:27:52

    Gastei 2 horas do meu tempo hoje conversando com a POLICIA CIVIL do estado DE MINAS GERAIS pra basicamente, NADA! A delegacia de crimes cibernéticos nao atende telefone por aqui. É inclusive possível ver que eles tiram o telefone do gancho se passar alguns minutos lá com eles! E o 197 se quer se dá o trabalho de INICIAR A OCORRENCIA para encaminhar para a delegacia especializada, o que é totalmente incabível para uma policia receber informacoes clara e nem ao menos abrir um CHAMADO para posterior sequencia de uma futura investigacao. Estamos mesmo é ferrados nesse país.

  • Luiz Monteiro
    2015-05-19T11:25:44

    E geralmente os golpistas abrem contas ou em banco publico ou cooperativas onde a análise do cadastro é bem fraca, possibilitando abertura de contas em nome de laranjas ou com dados roubados. OU seja, por mais que você CONSIGA os dados da conta que recebeu o dinheiro desviado, eles podem ser inuteis. E o tempo que se leva pra chegar ate esses dados permite que os golpistas SAQUEM o dinheiro antes de voce chegar até a conta deles!

  • Flavio Muniz
    2013-04-16T22:49:57  

    Pegar virus hoje em dia é ser muito burro.

    recentes

    populares

    • Flavio Muniz
      2013-04-16T22:49:57  

      Jonattan Gamboa Cara, desculpa, mas você não sabe do que esta falando. Hoje em dia ta muito claro como se proteger de virus e etc, se você ainda consegue pegar um virús, por qualquer meio, ou email, ou clicando num link X ou até mesmo fazendo um download, você é um burro sim.

    recentes

    populares

    • Flavio Muniz
      2013-04-16T22:49:57  

      É lógico que é muito mais fácil pegar vírus hoje em dia...Para de falar besteira

  • Fábio Prado
    2013-04-17T10:05:28  

    Eu queria saber: afeta só IE e Windows ou só Windows (tipo, pega no FF e no Chrome também?) Como eu uso Linux, eu estou imune?

    recentes

    populares

    • Fábio Prado
      2013-04-17T10:05:28  

      Eles não podem responder a essa pergunta.

  • Sanbel Guria
    2013-04-16T22:44:57  

    Cara, basta ir ao banco, solicitar o nome, endereço e tudo o mais do dono da conta. Que coisa mais tosca. O POLICIA FEDERAL, VAMOS PARAR DE VER SALVE JORGE E VAMOS TRABALHAR DIREITO.

    recentes

    populares

    • Sanbel Guria
      2013-04-16T22:44:57  

      Sanbel, é muito ilógico seu comentário. Imagina eu que trabalho com contas a pagar, e pago cerca 300 boletos por mês. Vou lá em cada banco (itaú, caixa, bradesco, banco do brasil, banco real, santander, etc) para conferir cada boleto????

    recentes

    populares

    • Sanbel Guria
      2013-04-16T22:44:57  

      Larissa e Hector, o que ele quer dizer é para a policia ir no banco verificar que é o dono da conta falsa e dar prisão perpetua para o dono da conta até ele devolver em dobro tudo que foi roubado e devolver o prejuízo para as vitimas.

  • Luiz Carmo
    2013-04-16T20:49:08

    ESPERO NUNCA CAIR NESSE TRUQUE