Notebook

28/10/2013 14h35 - Atualizado em 28/10/2013 14h35

Como usar o OS X Mavericks para aumentar a vida útil da bateria do Mac

Marvin Costa
por
Para o TechTudo

O Mac OS X Mavericks foi desenvolvido pela Apple repleto de recursos para melhorar o desempenho e duração da bateria dos seus MacBooks. Além das novas ferramentas que reduzem automaticamente o consumo de energia, o OS X Mavericks possui mecanismos de estatísticas de consumo no processamento de dados, que podem ser utilizados para visualizar processos e softwares ligados sem necessidade. Confira três dicas da Apple;

OS X Mavericks tem 43 papéis de parede escondidos; encontre no Mac

Como usar o OS X Mavericks para aumentar a vida útil da bateria do Mac (Foto: Reprodução/Cult of Mac)Como usar o OS X Mavericks para aumentar a vida útil da bateria do Mac (Foto: Reprodução/CultofMac)

Um bom exemplo da potência do OS X Mavericks foi comentado durante a apresentação do sistema. Segundo o vice-presidente da Apple, Craig Federigh, a atual geração do MacBook Air ganha uma hora a mais de bateria se tiver o novo softwares instalado, mesmo sem tomar qualquer medida para otimizar o consumo de energia. Ou seja, tomando algumas medidas simples, seu computador poderá ter um rendimento ainda melhor, com mais horas de carga.

Quando um aplicativo não está sendo utilizado, o consumo de energia reconhece e o coloca em segundo plano - uma espécie de estado ocioso -, o que reduz o processamento da CPU. Reorganizando os processos da CPU, o processador poderá ficar em estado ocioso por mais tempo, o que o fará consumir menos energia, e manter-se ligado por mais horas que antes. 

1) Use o App Nap

Monitor de Atividade do Mac OS X Mavericks (Foto: Reprodução/Marvin Costa)Monitor de Atividade do Mac OS X Mavericks (Foto: Reprodução/Marvin Costa)

Um novo recurso do Mavericks muito importante para reduzir o consumo de energia é o App Nap. Com funcionamento em segundo plano, o recurso busca aplicativos que não estão sendo utilizados e reduz os recursos do sistema voltados para que eles funcionem bem.

Para ver o status do App Nap, basta entrar no monitor de atividade e clicar sobre a aba “Energia”. A maneira mais rápida de entrar no monitor de atividade é utilizando a ferramenta de busca do sistema, o Spotlight. Escreva "Monitor de Atividade" e clique sobre o aplicativo.

Feito isso, o usuário poderá visualizar os aplicativos que o App Nap está monitorando. Além do recurso em si já reduzir o consumo de energia, é interessante também utilizá-lo para saber quais aplicativos e mecanismos estão abertos sem serem utilizados; para poder desligá-los.

2) Monitore o status da bateria

Status de bateria do Mac OS X Mavericks (Foto: Reprodução/Wired)Status de bateria do Mac OS X Mavericks (Foto: Reprodução/Wired)

O monitor de atividade é uma ferramenta do sistema que normalmente não é utilizada pela maioria dos usuários de Mac. Por este motivo, a Apple adotou, na barra de status da bateria, uma versão reduzida da ferramenta. Lá, o aplicativo expõe os três softwares que estão consumindo mais energia no momento. No entanto, não é mostrado em gráficos ou números a quantidade exata de processamento que estes aplicativos estão utilizando no computador.

Mesmo assim, a ferramenta pode ajudar bastante quando o assunto é auxiliar o usuário a tomar conhecimento sobre a carga e a vida útil da bateria. É recomendável ainda que o usuário sempre consulte o status de bateria ou o monitor de atividade para evitar o alto consumo desnecessário do processador e procurar utilizar apenas os apps necessários.

3) Utilize o Safari

Safari 7 do Mac OS X Mavericks  (Foto: Reprodução/Apple)Safari 7 do Mac OS X Mavericks (Foto: Reprodução/Apple)

A Apple adicionou recursos de economia de energia na versão mais recente de seu navegador. As abas do Safari 7.0, por exemplo, podem ajudar reduzir o consumo. Cada aba aberta possui seu sistema próprio para neutralizar o processamento de abas que não estão sendo utilizadas. O mesmo acontece com aplicativos e serviços online que, quando não ativos, têm seu consumo de memória reduzido. A função já é conhecida no Google Chrome.

O recurso Safari Power Saver impede a utilização de plugins Flash, Java e Silverlight que exibem propagandas indesejadas em páginas da web. Vale lembrar que, caso o usuário queira executar estes plugins, basta clicar sobre seu conteúdo. O Safari reconhece os sites mais utilizados e cria uma lista de permissões de plugins, reduzindo o consumo de processamento ao exibir esse tipo de conteúdo e, consequentemente, o consumo de energia.

Conclusão

Na maioria das vezes, quando falamos sobre otimizar a carga da bateria e aumentar sua vida útil, inevitavelmente, nos referimos ao hardware. Como um grande exemplo, podemos citar os chips Haswell da Intel que podem colaborar com o consumo da bateria de notebooks por até 12 horas. No entanto, mesmo que você esteja utilizando um MacBook mais antigo, o OS X Mavericks poderá melhorar a vida útil da bateria do computador, seguindo esses passos.

Via Wired

Atualizar o Mac OS X faz com que a máquina seja formatada? Descubra no Fórum TechTudo!

 


 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares