TechTudo

03/10/2013 10h00 - Atualizado em 03/10/2013 10h00

Total War Rome 2: como jogar o modo campanha

Felipe Velloso Para o TechTudo

Total War: Rome 2 é um jogo de estratégia que mistura uma campanha gigantesca em turnos com batalhas épicas entre exércitos da antiguidade em tempo real. Para ser bem sucedido neste jogo, você terá de um eficiente administrador nas suas províncias, um verdadeiro diplomata entre os seus aliados e um general brilhante no campo de batalha, tudo isso ao mesmo tempo.

O modo Campanha

O mapa de campanha de Rome 2 é belíssimo (Foto: Divulgação)O mapa de campanha de Rome 2 é belíssimo (Foto: Divulgação)

Por melhor general que você seja, é durante a fase de campanha que você irá ganhar o jogo. Se seu Império se estagnar, seus exércitos passarem fome, seus inimigos formarem uma coalizão ou suas rotas de comércio secarem, você certamente será derrotado. Mesmo se tudo o que você quiser fazer seja guerrear, é impossível manter exércitos e frotas sem se preocupar em como pagar os seus preços de custo mensal. Desta maneira, para guerrear eficientemente você deverá usar o dinheiro recolhido em impostos, comércio, extração de recursos e até mesmo se preocupar em não permitir que a corrupção fuja de controle nas suas províncias.

A Economia

Use esta tabela para averiguar os rendimentos da sua província (Foto: Divulgação)Use esta tabela para averiguar os rendimentos da sua província (Foto: Reprodução / Felipe Velloso)

A sua economia é oriunda da soma de seus rendimentos, despesas, recursos, etc. Basicamente todo turno você deverá equilibrar uma delicada balança que inclui o comércio, os impostos sobre construções e províncias e o dinheiro que você recebe de suas práticas extrativistas (como mineração, por exemplo) com suas despesas, como o custo de manutenção de seus exércitos, frotas, agentes mercenários e por aí vai.

Manter um saldo positivo é vital, pois esta é a única maneira de criar novas unidades, fazer construções, contratar novos agentes e mercenários, usar o ouro em ações diplomáticas e tratados comerciais, além de pagar exércitos mais fortes para mantê-los longe de suas terras.

Sempre tenha um saldo final positivo de dinheiro. Mais ou menos por volta dos turnos 30 / 50 você já terá uma boa quantidade de riquezas reservadas para emergência. Caso você não as tenha, pode ser uma boa prova que você esteja se excedendo no tamanho de seu exército. Uma boa regra é lembrar que o custo total do exército e de sua marinha reunidos não deve ultrapassar entre a metade e dois terços de sua renda oriunda apenas dos impostos. Todo o resto deve ser gasto em construções, recrutamentos e outras mehorias.

Comida

Uma alta de alimentos pode trazer efeitos muito positivos (Foto: Divulgação)Aumente a comida (Foto: Reprodução/Felipe Velloso)

Outro aspecto fundamental sobre Total War: Rome 2 é o funcionamento da sua produção de comida. Cada uma das suas cidades tem um nível de produção de comida. Este medidor influencia em duas coisas que são vitais: o tamanho de sua cidade e a reposição das suas tropas.

Com um bom investimento em comida, você terá cidades maiores, que por sua vez, podem ter mais prédios diferentes que lhe renderão diversos bônus. O alto investimento também agilizará o processo de reposição de tropas do seus exército, fazendo com que novos soldados se juntem às fileiras de seus comandantes.

Várias construções são responsáveis por gerar mais comida, como as Fazendas, Cercas de Animais, Delicacys e templos relacionados à alimentação. Há também cidades com características inatas de fornecimento de comida, como vilarejo de pescadores.

Ordem Pública

A felicidade dos cidadãos é vital para manter a Ordem Pública (Foto: Reprodução Techtudo)A felicidade dos cidadãos é vital para manter a Ordem Pública (Foto: Reprodução / Felipe Velloso)

Outro fator importante para se mantar atento durante a campanha é a Ordem Pública, ou a felicidade geral de seus cidadãos. Maus governos sofrem muito mais nas mãos de uma população que luta contra eles, seja com rebeliões, revoltas ou mesmo causando prejuízos à cidade e diminuindo os imposto e o crescimento da província como um todo.

O nível de Ordem Pública é sempre igual para todas as cidades de uma província. Se este número for positivo ele pode trazer benefícios reais para o seu Império (+ 8% de imposto e até +6% de crescimento por turno), enquanto a insatisfação resulta no efeito oposto (chegando a -16% de imposto e -8% de crescimento), se em algum momento o valor de Ordem Pública chegar a -100 uma rebelião automaticamente se inicia na cidade.

Para manter a Ordem Pública elevada você deverá construir diversos templos e locais de entretenimento para a população, como um Coliseu ou um circo. Impostos também podem lhe ajudar a controlar a ordem pública. Se você excluir uma província da coleta de impostos, ou reduzir significativamente o valor cobrado, o nível de felicidade da região aumentará. Desta maneira, impostos são excelentes recursos a serem usados para evitar rebeliões e desordens similares em seu território.

Dicas para o modo Campanha

Escolher o melhor terreno para enfrentar uma tropa inimiga é uma estratégia vital.  (Foto: Reprodução / Techtudo) (Foto: Escolher o melhor terreno para enfrentar uma tropa inimiga é uma estratégia vital.  (Foto: Reprodução / Techtudo))Escolher o melhor terreno para enfrentar uma tropa inimiga é uma estratégia vital (Foto: Reprodução / Felipe Velloso)

Confira algumas dicas importantes para se sair bem na campanha de Total War: Rome 2:

1 Nunca ataque com apenas um exército, a não ser que você tenha 100% de certeza quanto à fraqueza do inimigo e as suas habilidades de combate.
2 Nunca resolva uma batalha no modo automático, pois mesmo que você vença, as baixas de seu exército serão maiores do que se você jogasse a partida. Ainda mais importante é nunca usar este recurso em território inimigo, já que a reposição de tropas é muito mais difícil nestas situações.
3 Um grande exército deve ser sempre seguido por uma força menor, mas ainda considerável, para que seja possível reabastecer suas fileiras com novos soldados quando for preciso.
4 Use seus espiões para envenenar os exércitos inimigos antes de atacá-los. Diminuindo assim sua força e sua moral em combate.
5 O seu exército principal deve ter pelo menos de 4 a 6 unidades que lutem corpo-a-corpo, as demais unidades podem ser compostas por arqueiros e outros atiradores.
6 Sempre que conquistar uma nova cidade, escolha a opção de tomar escravos. Também aproveite e reduza os impostos da nova província para que seu crescimento seja estimulado.

Opine no fórum TechTudo: Qual o melhor jogo de estratégia?

  • imprimir
  • Compartilhar no Orkut
  • Enviar para um Amigo
140 caracteres

Verificação de segurança

Gênero

  • Elber Cerqueira
    2013-10-04T17:21:12

    Estou a ter umas dificuldades a comecar a jogar, isso falando do Rome "1". Como aumentar exercito, pois as tropas das cidades a serem conquistadas no inicio já são superiores a minha '-'

    COMPARTILHAR

    Imagem do usuário
  • Elber Cerqueira
    2013-10-04T17:21:12

    Estou a ter umas dificuldades a comecar a jogar, isso falando do Rome "1". Como aumentar exercito, pois as tropas das cidades a serem conquistadas no inicio já são superiores a minha '-'

    COMPARTILHAR

    Imagem do usuário

TechTudo.com.br © Copyright 2010-2014 Globo Comunicação e Participações S.A. Política de Privacidade