Sistemas Operacionais

16/10/2015 08h00 - Atualizado em 16/10/2015 08h00

Dual Boot: entenda o que acontece ao instalar dois sistemas no PC

Paulo Alves
por
Para o TechTudo

Há vários cenários que podem levar uma pessoa a querer mais de um sistema operacional no computador e, por isso, existe o recurso dual boot. Com ele, é possível instalar dois ou mais sistemas no HD e, na hora de ligar, escolher qual você desejar inicializar. 

Como fazer dual boot com Windows 7 e Windows XP

Confira todos os pontos positivos e negativos do dual boot e descubra o que é preciso para ter dois sistemas operacionais no PC. Vale lembrar que o procedimento é indicado para usuários avançados do Windows

Tenha cuidado ao instalar duas versões diferentes do Windows (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Tenha cuidado ao instalar duas versões diferentes do Windows (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Cenários de uso

A primeira coisa que você deve fazer antes de instalar um segundo sistema no PC é verificar se a solução para o seu problema é mesmo um dual boot, ou se uma simples máquina virtual atende às suas necessidades.

Se você precisa instalar o Linux, Chrome OS, Mac OS ou outro sistema somente para um teste rápido de algum programa específico, as chances são grandes de que uma virtualização dê conta do recado.

Opte pelo dual boot se você realmente precisa de todo o poder do hardware do PC para jogos pesados do Windows, por exemplo, mas quer usar o Ubuntu para atividades do dia a dia. Nessa etapa, vale a pena listar todas as atividades que você pretende realizar no seu segundo sistema operacional para ver se vale a pena comprometer parte do seu HD para o boot múltiplo.

Pense primeiro se uma máquina virtual daria conta da sua necessidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Pense primeiro se uma máquina virtual daria conta da sua necessidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Desvantagens

É importante saber as inconveniências que envolvem ter dois sistemas com dual boot. Para trocar de sistema, você deverá sempre reiniciar o PC, algo que pode tomar muito tempo se essa mudança ocorrer com muita frequência. Além disso, programas instalados em um lado não são acessíveis do outro, o que pode gerar custos extras em apps como Photoshop e Microsoft Word, por exemplo.

Acostume-se a reiniciar o PC caso opte pelo dual boot (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Acostume-se a reiniciar o PC caso opte pelo dual boot (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Incompatibilidades

Se você pretende, por qualquer razão, ter no computador duas versões do Windows, certifique-se com segurança de que você irá instalar por último a versão mais recente do sistema. Caso inverta essa ordem, instalando o Windows 7 depois do Windows 10, por exemplo, há grandes chances de tudo ir por água abaixo. Um Windows antigo pode interpretar mal pastas novas do software e, por engano, substitui-las por versões antigas, corrompendo os dois sistemas instalados.

Espaço disponível

Certifique-se de que seu disco tem espaço suficiente sobrando. Analise qual o uso que você vai aplicar a cada sistema – se vai rodar jogos pesados, armazenar muitas fotos e vídeos e baixar programas grandes – e separe gigabytes com folga para cada lado. O Windows requer cerca de 20 gigabytes para funcionar, mas é importante reservar bem mais do que isso para evitar problemas. Se seu HD for de 1 TB, por exemplo, vale a pena reservar ao menos 100 GB para o sistema da Microsoft.

Verifique se há bastante espaço disponível no HD (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Verifique se há bastante espaço disponível no HD (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Crie outra partição

Se você já é familiarizado com a criação de partições no Windows, esse passo não será de todo complicado. Porém, caso você nunca tenha ouvido falar no procedimento, vale ficar atento: é importante criar outra partição no HD enquanto há somente um sistema operacional instalado, e alocar os espaços corretamente. Aprenda a fazer no Windows 7.

Aprenda a criar uma nova partição no disco (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Aprenda a criar uma nova partição no disco (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Removendo o dual boot

A maneira mais segura de remover um dos sistemas operacionais já instalados no seu computador é excluindo a partição inteira onde ele está localizado. Para isso, você deve acessar o gerenciador de partições a partir de outro sistema e formatar o setor do HD onde o sistema indesejado se encontra.

Dessa maneira, você consegue não só se livrar realmente de todos os traços de um Windows antigo, por exemplo, mas também pode recuperar o espaço em disco que voltar a sobrar, realocando-o para o sistema operacional em utilização.

Formate a partição para excluir um dos sistemas (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Formate a partição para excluir um dos sistemas (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Como criar uma conta de convidado no Windows 10? Comente no Fórum do TechTudo.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Guilherme Ferreira
    2017-02-04T16:38:40  

    Se eu dividir a partição ainda pode corromper o win 10 se eu instalar o win 7 depois ?

    recentes

    populares

    • Guilherme Ferreira
      2017-02-04T16:38:40  

      Olá Guilherme! Você obteve essa resposta? Eu também tenho o Win10 e quero instalar o Win7 em outra partição

  • Sandro Almeida
    2016-08-27T17:57:36  

    Na parte de "Incompatibilidade" não ficou claro qual sistema devo instalar primeiro, o Windows 7 ou 10? Obrigado!

    recentes

    populares

    • Sandro Almeida
      2016-08-27T17:57:36  

      Sandro, o certo é instalar primeiro o SO mais antigo e, depois o mais novo. Assim o mais novo reconhece o antigo e não causa problemas. Se vc instalar ao contrario, o SO antigo pode corromper dados do SO mais novo.