Edição e criação

21/06/2016 09h00 - Atualizado em 21/06/2016 09h00

Como editar vídeos no celular com Quik e Splice, dois apps da GoPro

Melissa Cruz Cossetti
por
Da redação

A GoPro está investindo em software e para isso comprou dois aplicativos editores de vídeo para celular: Quik e Splice. Com soluções de edição para Android e iPhone (iOS), a expectativa da fabricante da câmera de ação mais famosa do mundo é diminuir barreiras para que usuários possam eternizar suas gravações em vídeos pós-produzidos com belas transições, vinhetas, textos e outros recursos pouco comuns na edição de vídeo em dispositivos móveis. Saiba como editar vídeos feitos na GoPro ou no seu próprio celular com os dois aplicativos poderosos de edição, que agora são grátis.

Qual tipo de cartão de memória usar na GoPro? Veja dicas

Em fevereiro, a GoPro anunciou a aquisição dos dois melhores aplicativos de edição de vídeo para celulares, Replay e Splice. O objetivo era dar aos usuários de GoPro opções para editar os vídeos feitos com a action cam no smartphone, sem precisar recorrer ao computador com recursos caros, complexos e exclusivos dos desktops como os programas Adobe Premiere Pro, Avid, Final Cut Pro ou Sony Vegas.

Splice e Quik: saiba como editar vídeos no celular com dois apps da GoPro (Foto: Melissa Cruz / TechTudo)Splice e Quik: saiba como editar vídeos no celular com dois apps da GoPro (Foto: Melissa Cruz / TechTudo)


Nos últimos meses, os apps passaram por mudanças e agora chamam-se Quik e Splice (que manteve o seu nome). Com imagens gravadas na própria GoPro ou em outros aparelhos, a dupla de apps transformas clipes e fotos em vídeos editados com trilha sonora, transições e até efeitos animados.

A diferença, porém, é que o Quik, mais democrático, tem versões Android e iOS. Enquanto o Splice é exclusivo do iOS, com versões compatíveis com iPad, iPhone e iPod touch. Vale notar que, embora comprados pela GoPro, podem ser usados com vídeos obtidos com qualquer outro aparelho. Para usar as imagens da sua GoPro, basta sincronizar o celular com o GoPro App para baixar os clipes da câmera. Ou, ainda, conectar o cartão de memória (micro SD) usado na action cam ao seu celular.

Como editar vídeo no celular com o Quik

O Quik tem algumas funções automáticas que analisam e buscam o que app entende como melhores, adiciona transições e efeitos, "sincando" os movimentos com a batida da música escolhida. Mas, você pode refinar esses detalhes escolhendo corte, efeitos, temas de transições e duração do vídeo.

Passo 1. Abra o Quik no celular e toque sobre o botão "+", em azul;

Passo 2. Lá, escolha quais fotos e/ou clipes vão compor o seu vídeo. Não se esqueça de incluir nenhum clipe, pois não há opção de voltar a essa etapa no meio da edição do seu vídeo;

Abra o Quik e toque em adicionar um projeto; escolha todos os clipes do seu vídeo (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)Abra o Quik e toque em adicionar um projeto; escolha todos os clipes do seu vídeo (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)



Passo 3. Os clipes selecionados terão um sinal de visto, em azul. Ao finalizar a seleção, o app pede para dar um nome ao seu projeto. Esse nome vai aparecer na introdução do vídeo, como um título. Caso não queira que isso apareça, basta excluir essa peça durante a edição dos clipes gravados;

Escolha um nome para o projeto do seu vídeo no Quik e escolha suas transições (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)Escolha um nome para o projeto do seu vídeo no Quik e escolha suas transições (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)


Passo 4. A timeline de edição será aberta no seu smartphone, lá quatro opção são destacadas no Quik: padrão das transições (são 28 no total), música, edição dos clipes de vídeo, efeitos diversos. 

Padrão das Transições

O app oferece vários padrões de transições que vão dar identidade ao seu vídeo, basta escolher esse padrão será aplicado a todos os clipes de vídeo, com variações já programadas pelo app.

Música

A trilha sonora do seu vídeo é toda sua. Você pode escolher entre música oferecidas pelo Quik, faixas que você já baixou no seu celular (incluindo narrações), ou mesmo deixar o vídeo mudo. Vale notar que o app não oferecer mais de uma linha de aúdio, portanto, não é possível mixar voz e música.

No menu do Quik é possível editar clipes, colocar música, efeitos e outros recursos (Foto: Melissa Cruz / TechTudo)No menu do Quik é possível editar clipes, colocar música, efeitos e outros recursos (Foto: Melissa Cruz / TechTudo)


Edição dos clipes

Nesta área é possível pressionar e arrastar, mudando a ordem em que os clipes serão exibidos, incluir novos títulos e entretítulos, além de editar capa clipe com corte, recorte, áudio mudo, duplicação do clipe (útil para emendar diferentes trechos do mesmo clipe, em ordem diferente), ou remoção total.

Efeitos

Neste último item do menu, é possível dizer ao app qual a duração esperada para o vídeo (curta, media ou longa), abusando dos recursos de edição automatizada e inteligente. Também existe a opção de escolher o formato (quadrado ou cinema), ajustar o início da música com as imagens, incluir filtros parecidos com os do Instagram, escolher uma paleta de cores para as transições e mudar a fonte.

Com o vídeo terminado, o Quik avisa quando tudo estiver pronto para compartilhar (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)Com o vídeo terminado, o Quik avisa quando tudo estiver pronto para compartilhar (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)

Feitos todos os ajustes, basta tocar sobre o botão publicar. O Quik vai salvar o seu vídeo em alguns segundos e ele estará pronto para compartilhar com a nuvem, redes sociais, e-mail ou outro recurso.

Observação 1: Tudo acontece com preview automático. Portanto, o app precisa de tempo para processar todos os comandos. Tenha calma e dê um passo de cada vez para obter o melhor resultado.

Observação 2: O Quik guarda apenas o seu último projeto salvo, sem término da edição. 

Como editar vídeo no celular com o Splice

Pronto para um controle mais manual das suas edições? O Splice, apenas para iPhone e iPad, é ideal para transformar momentos épicos com efeitos em slow motion, usar mais de uma faixar de aúdio entre outros ajustes. O app oferece uma enorme variedade de trilhas sonoras livres, além do que você já tem na sua biblioteca do iTunes. É possível misturar várias faixas, incluindo música e voz, narração, além de ajustar o volume do áudio e adicionar efeitos sonoros divertidos e dinâmicos nas suas gravações.

Passo 1. Abra o Splice no celular e toque sobre o botão "+", no topo da tela;

Passo 2. O app vai mostrar conteúdo do rolo da câmera, fotos e vídeos. Escolha as mídias. Diferente do Quik, é possível inserir novas fotos e novos vídeos no meio da edição sem nenhum problema;

Inicie um novo projeto no Splice com as fotos e vídeos de sua preferência (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)Inicie um novo projeto no Splice com as fotos e vídeos de sua preferência (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)

Passo 3. Antes de começar a editar, o Splice pede que você escolha uma trilha, sugerindo uma série de estilos musicais e conexão com o iTunes;

Passo 4. Escolhida a trilha, você poderá completar a fixa do seu vídeo com nome, formato, cor do fundo, transição padrão, duração da transição, dos clipes/fotos e outros detalhes. Depois, basta dar OK;

Defina algumas informações sobre o seu vídeo no Splice antes de começar (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)Defina algumas informações sobre o seu vídeo no Splice antes de começar (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)


Passo 5. O app vai abrir a timeline de edição. Esta, muito parecida com um software de edição para desktops. Em vídeo, você verá cada clipe e as transições separadas, podendo ajustar cada um. Em aúdio, o app oferece várias linha, podendo incluir música, narração ou mesmo gravar sua voz;

É possível inserir novos vídeos e fotos no meio da edição com o Splice (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)É possível inserir novos vídeos e fotos no meio da edição com o Splice (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)


Com menos recursos automáticos e ajuste fino, o Splice é um editor de vídeo mais completo. No início, pode ser mais complicado que o Quik para concluir os vídeos, mas oferece um resultado ainda melhor.

Observação: O Splice salva todos os projetos não terminados. Você também pode desativar a publicidade (bumper) no final do vídeo desmarcando a opção "saída ativa" ao final do vídeo.

Ao final, você pode optar por tirar a marca da GoPro do final do vídeo já editado (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)Ao final, você pode optar por tirar a marca da GoPro do final do vídeo já editado (Foto: Reprodução/Melissa Cruz)


Ficou com alguma dúvida sobre o GoPro, Quik ou Splice? Pergunte no Fórum do TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Lucas Poletti
    2016-06-21T16:07:11

    Show de bola, boa matéria... Estava fazendo falta umas matérias boas e sobre Gopro. Valeu!