Jogos de aventura

21/07/2015 07h00 - Atualizado em 21/07/2015 07h00

Yume Nikki, Illbleed e mais: conheça 10 jogos de terror 'esquisitos'

Tais Carvalho
por
Para o TechTudo

Além de filmes, livros e grandes clássicos, o gênero terror também deixou sua marca no mundo dos games. Seja com criaturas aterrorizantes ou manifestações da mente humana, títulos como Silent Hill e Resident Evil se tornaram ícones desse mundo repleto de histórias grotescas e horripilantes. Porém, jogos como Phantasmagoria e Deadly Premonition conseguiram ultrapassar as barreiras da estranheza e do bizarro, gerando sucessos e grandes fracassos. Confira alguns dos games de terror mais "esquisitos".

Silent Hill: conheça alguns dos jogos mais obscuros da série de terror

Yume Nikki e Illbleed: conheça alguns dos jogos de terror mais esquisitos (Foto: Divulgação)Yume Nikki e Illbleed: conheça alguns dos jogos de terror mais "esquisitos" (Foto: Divulgação)

Deadly Premonition

Deadly Premonition certamente está na lista dos jogos mais bizarros dos últimos tempos. Lançado para Xbox 360, PlayStation 3 e PC, o título consegue ser tão estranho que chega a se tornar “bom” e cativante. Com gráficos e jogabilidade, no mínimo, peculiares, o game conta a trajetória do excêntrico agente especial do FBI Francis York Morgan e seu trabalho para desvendar um assassinato brutal de uma jovem na cidade de Greenvale.


Apesar de ter recebido notas baixas da crítica especializada, o título encantou muitos jogadores com diálogos hilários e uma atmosfera bem bizarra. Não é mesmo, Zach?

Yume Nikki

Sonhos e pesadelos são temas muito recorrentes nos games de terror, porém, Yume Nikki foi capaz criar uma aventura surreal através desses dois mundos. O título, criado para PC no programa RPG Maker, coloca os jogadores no papel de Madotsuki, uma jovem que explora cenários bizarros e quase infernais dentro de seus sonhos. A atmosfera do game inspirou diversas adaptações, teorias e continuações feitas por fãs.


Phantasmagoria

Phantasmagoria ficou famoso por conta da sua jogabilidade diferente e seu conteúdo mais perturbador e adulto. No entanto, a “estranheza” desse clássico alcançou níveis mais reais. Lançado em 1995 para PC, o título marcou o ápice dos "vídeos interativos" na época e ficou conhecido por ser o primeiro game a trazer um ator real como protagonista.


A trama gira em torno de Adrienne, uma mulher que se muda para uma mansão mal-assombrada com seu marido Don. Phantasmagoria também foi alvo de polêmicas por combinar cenas de violência sexual e possessões demoníacas. E, apesar de ser banido de certas regiões por seu conteúdo, ele se tornou um dos grandes sucessos da época.

Shadow Man

Shadow Man pode ser descrito como um Mario 64 com vodu e assassinos em série. O jogo foi lançado em 1999 para Nintendo 64, PlayStation, Dreamcast e PC, baseado na série de quadrinhos de mesmo nome. A bizarra trama gira em torno de Michael LeRoi, um ex-estudante que se transformou em poderoso guerreiro vodu e agora deve caçar assassinos entre dois mundos.


O game conta com elementos de ação e aventura e mistura uma atmosfera sombria com uma boa dose de humor negro. Seus cenários e criaturas são alguns dos elementos perturbadores que fizeram deste clássico um dos jogos favoritos entre os jogadores.

Juggernaut

Juggernaut segue a linha dos "vídeos interativos" com uma história macabra e jogabilidade bizarra em primeira pessoa. Lançado para PlayStation em 1999, o game coloca o jogador no papel de um homem sem nome, cuja namorada foi possuída por forças demoníacas. Com ajuda de um padre, ele entra na mente da jovem e acaba dentro de uma mansão.


Entre os estranhos sons e cenários que acompanham o game, o jogador deve passar sua alma para diversos corpos para se transportar entre as áreas do jogo.

Sanitarium

Sanitarium não é apenas um jogo estranho em termos de atmosfera, mas é também uma aventura perturbadora no melhor estilo “point-and-click”. O jogo foi lançado em 1998 para PC e conseguiu atingir as emoções dos jogadores ao colocá-los no papel de um homem que, por um acidente de carro, acaba sem memória e com o rosto todo desfigurado.


Qual o melhor jogo de terror? Comente no Fórum do TechTudo.

Quando acorda, o homem percebe que se encontra em um sanatório que mais parece o Inferno na Terra. A partir daí, o jogador deve explorar cenários sombrios e estranhos que parecem desafiar o tempo e o espaço. Com quebra-cabeças desafiadores, Sanitarium é mais do que bizarro, mas é também um dos grandes clássicos do gênero.

Saya No Uta

Saya no Uta é uma Visual Novel lançada para PC, daquelas inspiradas em animações japonesas, envolvendo certa dose de romance e drama. Porém, o desfecho dessa história de amor acaba por ser bem macabro e o game apresenta o terror na forma de um mundo grotesco e perverso, repleto de sangue e órgãos humanos.


O título foi desenvolvido pela pela Nitro+, um estúdio bem conhecido por seus jogos com temática erótica e de terror. Saya no Uta narra a história de Fuminori Sakisaka, um estudante que sofreu um acidente de carro. O acontecimento lhe causa uma lesão na cabeça e ele passa a ver o mundo como um lugar bizarro e cheio de sangue. E, no meio desse inferno, ele conhece Saya, um garota que deixa sua vida ainda mais insana.

Corpse Party

Corpse Party pode não ser tão assustador como outros títulos do gênero, mas o jogo com certeza consegue causar sensações bem perturbadoras com sua coleção de cenas e finais bizarros. A primeira versão do game foi desenvolvida para RPG Maker no PC, porém, sua trama peculiar também o levou para os portáteis no PSP.


No game, um grupo de estudantes realiza um misterioso ritual na escola. Em consequência disso, o local é tomado por espíritos malígnos. Com finais diferentes e sons macabros, Corpse Party consegue ser tão estranho quanto chocante com suas cenas de pavor e violência.

Illbleed

Illbleed é um jogo de sobrevivência que mais parece um filme B de terror, lançado para Dreamcast em 2001. Tudo no título pode ser considerado estranho, desde os cenários até a jogabilidade. Mas a estranheza foi demais, tanto para os jogadores como para a mídia especializada, e nem o senso de humor do game o salvou do fracasso.


Ainda assim, Illbleed tem cenários e personagens bizarros que fogem da realidade. O jogo provavelmente traz um pouquinho de cada filme de terror, principalmente dos mais esquisitos. Ele narra a história de um grupo de estudantes que são convidados para o parque temático Illbleed, com teatros, palhaços, monstros e muita violência gratuita.

Joshikousei Nigeru! Shinrei Puzzle Gakuen

Como um dos maiores games de sucesso para mobile, Candy Crush já “inspirou” uma série de outros títulos. Só que de todas as temáticas possíveis, ninguém iria imaginar que a desenvolvedora Success Corp. criaria um Candy Crush de terror. E o nome dele é Jeshikousei Nigeru!, um jogo de terror com quebra-cabeças lançado para Nintendo DS.


Para derrotar os inimigos, o jogador deve realizar pequenos puzzles no estilo Candy Crush, com olhos e outros ícones bizarros no lugar de doces e coisas coloridas.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Ulisses Flores
    2015-07-21T11:48:17

    Faltou o clássico dos clássicos: Blood