Câmera

04/10/2016 07h00 - Atualizado em 04/10/2016 07h00

Confira sete melhores tripés para sua câmera fotográfica por até R$ 400

Barbara Mannara
por
Para o TechTudo

O usuário que deseja registrar fotos mais estáveis, principalmente noturnas, pode investir em um tripé para a câmera. No Brasil, estão à venda boas opções com cabeça hidráulica, design em alumínio ou até versões com corpo “flexível”, ideal para quem gosta de esportes radicais.

Canon T5i ou T6i: veja em qual câmera DSLR investir 

Há versões maiores, com cerca de 1,5 m de altura para uso profissional, ou as mais compactas para carregar para onde preferir, compatível com câmeras DSLR, compactas ou action cam, ao estilo da GoPro. Está procurando um tripé e não quer gastar muito? Então confira esta lista com sete modelos com preço de até R$ 400.

Veja a lista dos melhores tripés vendidos no Brasil com preço de até R$ 400 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Veja a lista dos melhores tripés vendidos no Brasil com preço de até R$ 400 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)











Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

1) Tripé Targus TG-5060TR

O modelo é um dos tripés com bom custo-benefício à venda no mercado nacional, oferecendo design em alumínio com peso de apenas 930 g. A cabeça é projetada com três posições ajustáveis, com nivelador bolha. A elevação mínima é de 43 cm, com altura máxima de 127 cm, e o acessório aguenta câmeras com peso até 1,15 kg, para o registro de fotos e vídeos. São quatro seções de apoio com três travas e o controle é feito via alavanca. Há compatibilidade com câmeras que tenham conector tradicional para tripé (rosca). O preço é de R$ 89,90 em lojas online.

Tripé tem melhor custo-benefício com design em alumínio (Foto: Divulgação/Targus)Tripé tem melhor custo-benefício com design em alumínio (Foto: Divulgação/Targus)









2) Tripé Greika WT3750

Para quem não quer pagar muito caro, o tripé da Greika é vendido com preço a partir de R$ 151 no mercado nacional e oferece bons recursos para fotógrafos amadores. O design é em alumínio anodizado, que suporta câmeras de até 3,5 Kg. A elevação mínima é de 61 cm e máxima de 160 cm, com encaixe tradicional de tripé em rosca. O destaque está na cabeça com tecnologia hidráulica, que promete uma movimentação mais suave durante o uso e gravação de cenas. O nivelador é em bolha, o controle por uma manivela e há trava de segurança.

Tripé Greika oferece cabeça hidráulica com design em alumínio (Foto: Divulgação/Greika)Tripé Greika oferece cabeça hidráulica com design em alumínio (Foto: Divulgação/Greika)











3) Tripé Prima Photo Phkv002

O tripé é equipado com uma cabeça hidráulica, para movimentos mais suaves, integrada com dois eixos (Pan e Tilt). O modelo aguenta equipamentos com peso de até 5 Kg e os pés de borracha (ideais para não arranhar pisos internos) podem ser removidos para pontas de metais, para melhor fixação em terreno arenoso. O tripé oferece altura mínima de 60 cm e máxima de 163 cm, com coluna central equipada com trava de segurança. O controle de filmagem ou para fotos é feito com uma alavanca e o modelo tem compatibilidade com diversas câmeras, contendo conector de tripé tradicional. O design é em liga de alumínio e o equipamento é vendido a partir de R$ 329.

Tripé Prima Photo aguenta equipamentos com até 5 kg (Foto: Divulgação/Prima)Tripé Prima Photo aguenta equipamentos com até 5 kg (Foto: Divulgação/Prima)











4) Tripé Manfrotto Compact Light

A Manfrotto é uma das marcas mais conhecidas no mercado de tripés e quem quer ter um desses sem pagar muito caro pode conferir o modelo Campact Light. Ele tem conector tradicional (em rosca de 1/4), compatível com câmeras amadoras e profissionais. O design compacto é ideal para viajantes, com peso de apenas 920 g, projetado em alumínio e tecnopolímero. O tripé suporta equipamentos com peso de até 1,5 Kg e oferece altura mínima de 39,5 cm e máxima de 1,31 metro. As pernas têm raio ajustável em 16,5 cm (mínimo) e 36 cm (máximo). A cabeça pode ser inclinada em 90º e há trava de controle. O preço fica a partir de R$ 360 no varejo nacional.

Tripé Manfrotto tem design compacto e leve, compatível com diversas câmeras (Foto: Divulgação/Mranfrotto)Tripé Manfrotto tem design compacto e leve, compatível com diversas câmeras (Foto: Divulgação/Mranfrotto)











5) Tripé Flexível Joby Gorillapod SLR A1EN

O destaque do tripé é que ele oferece pernas flexíveis e dobráveis. E isso permite que ele seja fixado em locais extremos, como em aberturas de rochedos, para fãs de esportes radicais. O modelo é compatível com câmeras de ação ou profissionais (foto e vídeo), desde que tenham um encaixe de tripé profissional. Projetada em aço inox, plástico e TPE, o tripé suporta equipamentos de até 3 kg e tem altura de 5 cm (mínimo) e 22 cm (máximo). O acessório compacto é ideal para levar em viagens, sendo vendido com preço a partir de R$ 372 em lojas nacionais.

Tripé Gorillapod tem design flexível e aguenta câmeras de até 3 Kg (Foto: Divulgação/Gorillapod)Tripé Gorillapod tem design flexível e aguenta câmeras de até 3 Kg (Foto: Divulgação/Gorillapod)











6) Tripé Velbon EX-440

O tripé é projetado em materiais de alumínio e plástico, para uso profissional ou amador. O design é portátil e leve, com peso é de apenas 900 g, ideal para registrar fotos externas. Ele oferece altura mínima de 55 cm e máxima de 1,55 m e aguenta equipamentos de até 1,5 Kg com suporte de tripé tradicional (em rosca). É possível ajustar a abertura das pernas em 31 cm (mínimo) e 96 cm de diâmetro máximo. A cabeça de três vias oferece movimento em 90 graus, com manivela para controle. O preço é de R$ 379 em lojas nacionais.

Tripé Velbon EX-440 oferece movimento em 90 graus e altura ajustável (Foto: Divulgação/Velbon)Tripé Velbon EX-440 oferece movimento em 90 graus e altura ajustável (Foto: Divulgação/Velbon)










7) Tripé Digipod A3230

O tripé aguenta câmeras com peso de até 12 Kg, interessante para um uso mais profissional. O tubo é projetado em fibra de carbono (mais leve) e as ponteiras de borrada podem ser ajustadas. O controle da base é feito por meio de uma alavanca, permitindo estabilizar o peso em caso de lentes grandes. O design oferece absorção de vibração, o que ajuda a registrar fotos com maior estabilidade. É possível ajustar as posições das pernas, apertando ou afrouxando as travas com segurança. Pode ser usado para câmeras de foto ou vídeo, com conector para tripés tradicional (em rosca). O preço é de R$ 395 em lojas nacionais.

Tripé Digipod A3230 aguenta equipamentos de até 12 Kg (Foto: Divulgação/Digipod)Tripé Digipod A3230 aguenta equipamentos de até 12 Kg (Foto: Divulgação/Digipod)

Canon ou Nikon: qual câmera é a melhor? Comente no Fórum do TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares