iOS 11 em detalhes: conheça 11 novidades do futuro sistema do iPhone

Expectativa é de que a Apple libere a nova versão em setembro; especialistas em tecnologia já testam versão prévia do sistema


Por Paulo Alves, para o TechTudo

A Apple reserva várias novas funções para o iOS 11, próxima versão do sistema operacional para iPhone, iPad e iPod Touch. No anúncio do software, a empresa destacou o uso de espaço para economizar memória, a App Store reformulada e um novo dock para iPad. No entanto, há muitos recursos que prometem deixar os dispositivos da maçã melhores.

A seguir, veja 11 novidades do novo iOS, cuja versão de testes foi liberada para desenvolvedores de aplicativos. A expectativa é de que o iOS 11 chegue à versão final e seja liberado para todos, como uma atualização grátis, em setembro. O iPhone 5 e o iPhone 5C – tão populares no Brasil – estão na lista de dispositivos que não vão receber a novidade.

Central de Controle foi renovada para o iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) Central de Controle foi renovada para o iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Central de Controle foi renovada para o iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

1. Gravação de tela nativa

O iOS 11 permitirá gravar vídeo da tela do celular com o toque de um botão, assim como já faziam modelos da Samsung. A captura em vídeo era um recurso até então só possível com ajuda do computador ou recorrendo ao jailbreak, mas estará presente de forma nativa no novo sistema. Para usar a função, bastará tocar no atalho da nova Central de Controle.

Gravação da tela, com vídeo e áudio, no iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) Gravação da tela, com vídeo e áudio, no iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Gravação da tela, com vídeo e áudio, no iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Ainda não se sabe como a função vai se comportar quando o usuário tentar gravar telas de aplicativos com conteúdo sensível, como é o caso do Snapchat e do Instagram (por causa das mensagens diretas). No teste feito pela redação, não foi possível gravar a tela do aplicativo da Netflix, que apresentou a mensagem "Não é possível reproduzir o vídeo; a tela que foi conectada não é suportada". Existe a possibilidade de que outros apps adotem esse tipo de proteção.

2. Conectar a uma rede Wi-Fi sem senha

No iOS 11 não será preciso compartilhar sua senha do Wi-Fi para deixar um amigo se conectar na rede de casa. Com um novo recurso de compartilhamento oculto, bastará tocar um iPhone no outro para conceder acesso a alguém, desde que os aparelhos já estejam atualizados com a nova versão do sistema. O recurso utilizará a tecnologia NFC, a mesma que permite os pagamentos móveis pelo Apple Pay.

3. Escrever para a Siri

Siri está mais inteligente no iOS 11 (Foto: Divulgação/Apple) Siri está mais inteligente no iOS 11 (Foto: Divulgação/Apple)

Siri está mais inteligente no iOS 11 (Foto: Divulgação/Apple)

A Siri estará mais rápida para entender comandos de voz e ainda vai aceitar texto escrito. Em locais silenciosos, será possível digitar perguntas para a assistente pessoal do iPhone para obter ajuda sem precisar falar em voz alta. O recurso poderá ser utilizado para editar algo dito e entendido errado pela inteligência artificial, o que promete também torná-la mais esperta com o tempo.

App do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no celular

4. Integração com a nuvem de outras empresas

Outra função presente no Android há tempos enfim chegará ao iOS. Na proxima versão, o iPhone, o iPad e o iPod Touch ganharão um gerenciador de arquivos nativo para acessar fotos, vídeos, PDFs e downloads como em um computador. O novo app (chamado de Files em inglês, ou Arquivos em português) que acompanha o iOS 11 também oferece acesso rápido às pastas do usuário na nuvem, com conexão a serviços como Google Drive, Dropbox, iCloud.

App Store também teve visual renovado no iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) App Store também teve visual renovado no iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

App Store também teve visual renovado no iOS 11 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

5. Remoção automática de apps

Para economizar memória e liberar espaço, o iOS 11 poderá desinstalar automaticamente apps pouco usados. De forma inteligente, o sistema avaliará programas usados pela última vez há muito tempo e que podem não fazer falta.

O descarte só envolverá o app em si, mantendo os dados para uso posterior caso você precise reinstalar. Um app de notas removido, por exemplo, poderá recuperar anotações ao ser reinstalado via App Store. O mesmo poderá acontecer com jogos e outros programas excluídos temporariamente para liberar armazenamento de forma automática.

6. Central de Controle personalizada

A Central de Controle mudará completamente. Quando o usuário deslizar o dedo de baixo para cima, irá encontrar todos os botões em uma tela só, como se fosse o controle remoto do smartphone. Cada controle tem seu bloco separado que poderá expandir ao ser pressionado com força (3D Touch). O melhor será a possibilidade de personalização, dando ao usuário o poder de escolher quais controles aperecerão ali por meio dos Ajustes do iOS 11.

Central de Controle comportará mais ícones; usuário poderá personalizar funções por meio dos Ajustes do telefone (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) Central de Controle comportará mais ícones; usuário poderá personalizar funções por meio dos Ajustes do telefone (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Central de Controle comportará mais ícones; usuário poderá personalizar funções por meio dos Ajustes do telefone (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

7. Modo Escuro

Nas configurações de acessibilidade haverá um novo Modo Escuro criado para pessoas com deficiência, mas que facilite o uso do celular em ambientes com pouca luz. Ao contrário da inversão de cores comum, que afeta também imagens, a nova opção mudará basicamente cores de letras e menus. Para habilitar será preciso ir até Ajustes > Geral> Acessibilidade > Acomodações de Tela > Inverter Cores.

8. Suporte a QR Code na câmera

O aplicativo de câmera nativo do iPhone reconhecerá QR code automaticamente. Sem ajuda de apps de terceiros, o iOS 11 identificará códigos e exibirá o resultado da leitura na tela do celular. A função já está presente em rivais do iPhone, como o recém-lançado Moto Z2 Play, e dispensa apps como o Google Goggles.

9. Teclado para uma mão só

Teclado do iPhone tem modo para uma mão (Foto: Divulgação/Apple) Teclado do iPhone tem modo para uma mão (Foto: Divulgação/Apple)

Teclado do iPhone tem modo para uma mão (Foto: Divulgação/Apple)

O teclado do novo iOS ganhará um modo de digitação com uma mão, que deve facilitar a vida de quem tem um iPhone 7 Plus. O recurso deslocará as teclas para a direita ou para a esquerda, e permitirá escrever facilmente sem precisar das duas mãos, mesmo em celulares com displays maiores.

10. Gerenciamento de senhas do iCloud Keychain

Ao atualizar o iPhone, será possível gerenciar as senhas do iCloud Keychain, que guardam nomes de usuário, senhas numéricas e dados de cartão de crédito. Antes só era possível alterar essas informações pelo navegador do computador, restringindo o acesso de quem tem o celular como seu único computador. Além disso, a Apple aproveitou para anunciar novos preços do seu serviço de armazenamento online.

11. Box de volume reformulado

A Apple mudará o visual do controle de volume do iOS para não atrapalhar mais a visualização. O box, que antes ocupava o centro da tela, passará a ficar discreto no canto sempre que houver um vídeo em reprodução. Finalmente será possível ajustar o som sem precisar pausar uma série da Netflix, por exemplo.

iPhone 8 vai chegar com tela infinita? Comente no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo