Internet

10/02/2011 10h41 - Atualizado em 14/07/2011 07h03

Twitter virtual ajuda pesquisadores na análise de comportamento dos usuários

Pedro Zambarda
por
Para o TechTudo

Pesquisadores da Telefônica criaram uma simulação de rede social para estudar comportamentos humanos. Chamado Social Network Generator (SONG), é um gerador de informações que simula a replicação de tweets na rede de microblogs mais famosa do mundo.

Pássaro do Twitter (Foto: Reprodução)Twitter (Foto: Reprodução)

A equipe reuniu 12 mil tweets escritos por 2,4 milhões de pessoas entre 25 de novembro e 4 de dezembro de 2008, cortando 75% dos usuários que enviaram um tweet único durante o período de 19 dias e spammers. O conjunto final de textos foi produzido por cerca de 350 mil usuários do Twitter.

Eles descobriram, com os usuários estudados, que os níveis gerais de tuítes se acumulam durante o dia para, então, morrer durante a noite e na madrugada Os pesquisadores também descobriram que o período de tempo entre os tuítes de um indivíduo e a variação entre os perfis frequentes e os usuários não-ativos, seguem um modelo padrão matemático chamado a distribuição log-normal.

Os testes foram feitos em uma rede com 16 computadores, mas os estudos apontam que o aumento de tuítes que ocorre atualmente sobrecarregará o sistema de pesquisa deles.

Os pesquisadores planejam lançar um código aberto do SONG para que outros estudiosos testem Trending Topics regionais e possam explicar o surgimento de determinadas hashtags curiosas em locais remotos, e como elas interferem nas tendências mundiais. Os cenários de possibilidades que o simulador traz para os usuários podem ser tão variados que, finalmente, teremos uma visão mais clara do que as pessoas andam fazendo no Twitter.

Via NewScientist
 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares