03/03/2011 17h39 - Atualizado em 14/07/2011 07h00

Eizo ColorEdge CG275W: monitor LCD de alto nível

 Alessandro Iglesias
por
Para o TechTudo

A Eizo, marca japonesa especializada na fabricação de displays de alto nível para computadores, amplia sua série profissional de monitores ColorEdge, pensando nos consumidores que necessitam calibração perfeita de cores e boas condições de trabalho.

Os upgrades são inúmeros e em relação à melhorias visuais, o novo CG275W apresenta tela de 27 polegadas com resolução 2560×1440; taxa de contraste de 850:1 e 270 cd / m² de potência de brilho e novo painel IPS, que proporciona angulação de até 178 graus. Sua conexão é via DVI-D, DisplayPort ou entrada Mini DisplayPort.

ColorEdge (Foto: Reprodução)ColorEdge CG275W  (Foto: Reprodução)

Mas as novidade não ficam somente nos upgrades visuais. Há também um sistema de autocalibragem, como em seu irmão mais velho, o CG245W, via OSD ou software ColorNavigator. Isso faz com que o CG275W se autocalibre em horários específicos configurados, mesmo estando desligado ou desconectado do computador. Conta também com um sensor interno, localizado em sua borda inferior, projetado para auxiliar a calibragem.

Em relação à imagens, o CG275W, responde bem às mais altas exigências em relação a paleta de cores. Com capacidade para reproduzir com precisão até 97% das cores oferecidas pelo Adobe RGB Color Space, o modelo revela-se top e dedicado aos exigentes usuários que trabalham no segmento visual, seja editando fotos, vídeos HD ou animação. O modelo conta também com um tipo de capota, que visa reduzir o volume de incidência luminosa na tela, melhorando a qualidade e conforto na realização de trabalhos.

O CG275W tem previsão de lançamento para o final de março. Até agora, não houve posicionamento da Eizo em relação ao preço do produto.

Via: Electronista

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares