Video game

03/03/2011 10h44 - Atualizado em 09/07/2013 11h48

Hackeie o Kinect e use-o além dos jogos

 Alessandro Iglesias
por
Para o TechTudo

Desde antes de seu lançamento em novembro de 2010, a Microsoft já havia conseguido chamar atenção do mercado gamer com sua revolucionária promessa: disponibilizar um sistema de controle de jogos livre de joysticks. Com a chegada do Kinect, a empresa abocanhou imediatamente uma enorme fatia do mercado e despertou interesse não só de usuários do Xbox 360.

Perecebeu-se então que esse interesse levou diversas classes profissionais a cogitar possíveis novas utilidades para o acessório. Com isso, foi dada a largada para a corrida de hacking do Microsoft Kinect.

Microsoft Kinect (Foto: Reprodução)Microsoft Kinect (Foto: Reprodução)

Graças a sua câmera e sensor infravermelho que acompanha os movimentos do corpo, inúmeras novas aplicações foram desenvolvidas para o Microsoft Kinect, em áreas distintas de atuação, como em fins médicos, aprendizado de linguagens ou apenas para ampliar a diversão em uma festa aberta. Se esses novos usos despertaram seu interesse, pode-se dar uma olhada no que o Kinect é capaz através dos exemplos interessantes em blogs e sites como o KinectHacks.

Para expandir as potencialidades do Microsoft Kinect, deve-se hackear o sistema por meio de uma interface de programação relativamente aberta, possibilitando ao usuário customizar o novo uso do Kinect de acordo com suas necessidades.

Como já era esperado, esse hacking do Kinect não é legitimado pela Microsoft. Seu usuário certamente perderá o direito à trocas e consertos oficiais inclusos na garantia da marca. Entretanto, tendo em vista o potencial de customização do Kinect, esse é um risco que vale a pena e, comparando-se seu valor de mercado ($149 dólares), com as possibilidades dessa interface, essa preocupação fica quase diluída.

Via: Wired

Quer ganhar pontos e outras vantagens nos jogos, sem fazer esforço algum? Baixe Cheat Engine!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares