03/03/2011 19h15 - Atualizado em 14/07/2011 07h00

Pai de Pac-Man explica como o jogo ficou popular com garotas

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

A Game Developers Conference 2011 está em sua 25ª edição e os organizadores resolveram marcar o acontecimento falando sobre alguns dos jogos mais clássicos de antigamente. O primeiro deles foi o designer de Pac-Man, Toru Iwatani e as histórias incomuns que levaram à criação da gulosa bola amarela.

Pac-man (Foto: Divulgação)Pac-man (Foto: Divulgação)

Iwatani começa explicando sua inusitada motivação: “Os fliperamas na época eram sujos e fedorentos, território exclusivo de garotos e nós queríamos atrair as jogadoras. Você não podia jogar jogos em casa, você tinha que ir ao fliperama. então queríamos fazer as garotas irem a esses locais para que se tornassem mais limpos”.

Com este pensamento em mente, ele começou a analisar as possibilidades: “Garotas gostam de comer – como a minha esposa que gosta de comer muito. E isso me deu a idéia de Pac-Man comendo o tempo todo. Os fantasmas inimigos também foram feitos bonitinhos porque as garotas gostavam disso”.

Toru comentou que o coração de Pac-Man está na mecânica aleatória dos fantasmas. “Se o algoritmo para todos os fantasmas é o de perseguir Pac-Man, então todos eles o perseguiriam e não seria um jogo divertido. Todo o tempo você só precisaria se preocupar em prestar atenção atrás de Pac-Man“.

Com isso surgiu o conceito de cada fantasma ter seu próprio estilo de jogo. Blinky, o vermelho, agressivo, sempre persegue Pac-Man, Pinky, a rosa, está sempre de tocaia para emboscadas e não costuma agir sozinha, Inky, o azul, movia-se de maneira simétrica ao jogador e por fim, Clyde, o laranja, era aleatório e seu nome original japonês, Otoboke, se traduziria para “idiota”.

Todas essas diferenças entre cada fantasma permitia que nunca uma partida de Pac-Man fosse igual à outra, tornando um mísero jogo de 24 Kb um dos maiores de todos os tempos.

Via Edge

Promoção Starcraft 2 (Foto: Divulgação)
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares