Video game

28/04/2011 16h33 - Atualizado em 14/07/2011 06h52

Japão tem estações interativas para o 3DS

Arthur Figueiredo
por
Para o TechTudo

As vendas do Nintendo 3DS estão atualmente abaixo do esperado no mundo todo – principalmente se compararmos com os números do PSP. Os analistas explicam que é devido à falta de jogos realmente atraentes para os consumidores do portátil, apesar do avançado hardware. Além disso, como experimentar os jogos e atestar a diferença que o efeito 3D oferece, se anúncios na TV não tem o efeito?

Estações interativas para o 3DS (Foto: Divulgação)Estações interativas para o 3DS (Foto: Divulgação)

Para quem já comprou um, mas ainda está decepcionado com os games de lançamento, o Japão oferece uma alternativa interessante: Estações interativas do Nintendo 3DS podem ser vistas dentro de inúmeras lojas do país recentemente, na forma de terminais com dois grandes displays que mostram anúncios de jogos e informações diversas sobre os produtos da Nintendo. Não somente os donos de 3DS, mas das versões anteriores do portátil podem ser usados para se conectar aos terminais via wi-fi para baixar demos e outros tipos de conteúdo ou atualizações de sistema, tudo de graça.

A tela aparentemente não apresenta efeitos 3D, mas promete ter uma interface de fácil uso, no mesmo nível de acessibilidade dos últimos consoles da empresa. O DSi e o 3DS possuem memória interna, mas resta saber o nível de compatibilidade do DS original e do DS Lite ou se qualquer informação será apagada quando o sistema for desligado.

Mais importante que isso: quando um equipamento como esse chegará nas Américas e na Europa? Não parece algo particularmente caro e a experimentação com certeza atrairá novos compradores para o portátil mais vendido da história.

Via Übergizmo

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares