28/04/2011 19h55 - Atualizado em 14/07/2011 06h52

Relógio de parede Nooka

Renato Galisteu
por
Para o TechTudo

Abandone logo aqueles seus velhos relógios de parede que mais parecem apetrechos da casa da sua avó. Essas coisas são antiquadas demais para a realidade dos tempos atuais e, por mais que essa frase pareça de velho, é uma realidade.

Nooka, relógio de parede (Foto: Divulgação)Nooka, relógio de parede (Foto: Divulgação)

Para quem ainda não conhece a New York Fashion Design Company, chamada de Nooka, se trata de uma empresa especializada em desenvolver novos aparelhos, equipamentos e, no geral, redesenhar coisas que existem para um modelo mais tecnológico e novo, principalmente quando se trata de relógios.

E, falando nisso, a Nooka lançou esses novos modelos de relógios de parede que são muito bacanas e estilosos, perfeitos para quem curte novidades e gadgets alternativos. Esse lançamento era esperado pelos viciados nos produtos da empresa desde quando foi anunciado o primeiro relógio de pulso da marca.

Desenvolvidos por Matthew Waldman, proprietário da Nooka, os relógios foram desenvolvidos em diferentes designs e modelos, que variam entre US$ 25 e US$ 10 mil!

O modelo mais barato mostra apenas as horas e conta com um desenho mais simples e menos sofisticado entre eles. O mais caro disponibiliza os dias da semana, os meses e a conta os segundos através de barras digitais. Bem legal!

A única parte que não é tão funcional assim é quanto a visualização das horas mesmo, o que, de certo modo, torna todo o resto um pouco desnecessário, já que você tem que chegar realmente perto do gadget para poder ver as que horas são. Acordar de madruga e correr para o relógio não é uma boa opção. Para quem gosta, eis mais um aparelho bacana para a coleção!

Via: Yanko Design

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares