29/04/2011 14h48 - Atualizado em 20/03/2013 10h37

Vivitar DVR 790HD, uma câmera que grava em 3D e não custa os olhos da cara

Renato Galisteu
por
Para o TechTudo
Vivitar DVR 790HD (Foto: Divulgação)Vivitar DVR 790HD (Foto: Divulgação)

Você que é apaixonado por vídeos e adora sair por aí filmando todas as suas atividades, amigos e familiares, vai se surpreender com a Vivitar DVR 790HD, que também grava em 3D!

O novo gadget da empresa tem 5.1 megapixels de resolução, zoom digital de 4x, display LCD de 2,7 polegadas, saída HDMI, sistema anti-vibração e grava imagens a 720p, com 25 frames por segundo. Além disso, o equipamento é vendido em várias cores, como vermelho, azul, preto, rosa e laranja. Tem para todos os gostos.

O grande diferencial da câmera vai muito além das especificações que, para os parâmetros atuais, são bem básicos. O grande lance da Vivitar DVR 790HD é que ela custará menos que a da sua concorrente direta, a Sony HDR-TD10, que também filma em 3D. Aliás, a máquina da Sony custa US$ 1.500 e, mesmo sem ter divulgado o preço, espera-se que o equipamento da Vivitar seja mais em conta pelo simples fato de que a marca usualmente lança gadgets mais baratos.

Claro que não podemos comparar as duas marcas, já que a Sony é, de longe, uma das melhores e mais qualificadas empresas de desenvolvimento tecnológico do mundo, e a Vivitar é uma iniciante perto dela. Mas, para quem quer experimentar novos horizontes no âmbito das filmagens e abusar da tecnologia 3D, a alternativa aos equipamentos da empresa japonesa sempre serão bem-vistos.

Vamos esperar a máquina pousar em território nacional e ver quanto a Vivitar pode surpreender o mercado.

Via: Chip Chick

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Pedro Alcamim
    2011-05-02T10:02:50

    A Sony não deixa por menos. Certamente que o grande diferencial vai ser mesmo o preço e a qualidade final do equipamento, digamos que a durabilidade dos produtos sony sejam mais duradouros, mas o conteúdo pode ser igual e durar, fazer sucesso e surpreender tanto quanto. Isso abre mais espaço para a criatividade dos menores em poder aquisitivo. Ainda, acho até que a marca Vivitar pode estar sendo subsidiada pela Sony para que depois de experimentado a tecnologia, o usuário empolgado invista na marca Sony. É uma boa extratégia.