Internet

28/06/2011 18h55 - Atualizado em 27/02/2014 12h23

Mozilla diz que Firefox não foi feito para empresas

Rafael Silva
por
Do Tecnoblog

Como a maior parte das empresas no mundo utiliza o Windows no seu ambiente corporativo, elas adotam o Internet Explorer para suas tarefas relacionadas à web. Mas algumas preferem o Firefox, seja por sua melhor compatibilidade com os padrões web ou maior segurança. A Mozilla, porém, não acha que essa seja uma boa escolha.

Essa imagem é um papel de parede do Firefox, disponível para download no BaixaTudo (Foto: Divulgação)Firefox (Foto: Divulgação)

Em um post no blog oficial da empresa a Mozilla disse que por causa da mudança no ritmo de atualizações do Firefox, ele não é o navegador ideal para empresas. Esse aviso se fez necessário depois que gerentes de TI que adotam o Firefox nas suas empresas criticaram a Mozilla por ter atualizado o navegador da versão 4 para a 5 em um intervalo de apenas três meses. Isso gera problemas porque a cada nova atualização é necessário certificar novamente aplicativos, sites e add-ons para que funcionem sem problemas na nova versão do navegador e essa certificação pode levar semanas ou até meses.

Asa Dotzler, diretor da Mozilla, disse que o desenvolvimento do Firefox não é e não deve ser focado para o ambiente corporativo e sim para o usuário final. Ele defende que o novo passo dado às atualizações vai “ajudar a manter os usuários mais seguros e ao mesmo tempo permitir que eles experimentem uma web mais rica”.

Ainda assim, a empresa diz que está disposta a achar uma solução boa para as duas partes. Para isso, eles dizem que estão em constantes discussões com a comunidade de Software Livre e outros grandes desenvolvedores para criar um Firefox que possa ser constantemente atualizado mas que não gere complicações para empresas.

Via: Blog da Mozilla

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares