Video game

12/07/2011 09h33 - Atualizado em 14/07/2011 06h37

Top 10 Remakes para o Wii U

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

Quando a Nintendo anunciou seu novo videogame, o Wii U, a empresa criou um paradigma diferente do que esperar de um console, assim como fez com o Nintendo DS e com o Nintendo Wii. Com a tela do seu “controle tablet”, o Wii U vai criar novas possibilidades e maneiras de jogar.

Porém, enquanto essas novas idéias não chegam, vamos dar uma olhada em como uma nova tecnologia poderia alterar algumas velhas idéias, melhorando jogos que já conhecemos, adicionando uma pitada de novo no que pensávamos já estar estabelecido. 

Este é o Top 10 remakes para o Wii U

10 - F-Zero GX (GameCube) 

Muitos jogos de corrida são intensos, mas nenhum deles chega perto de F-Zero no GameCube. Com tantos competidores na pista querendo sua cabeça, F-Zero é um dos poucos jogos de corrida onde saber o que está acontecendo atrás de você pode realmente salvar sua vida.

F-Zero GX no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)F-Zero GX no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)

Imagine controlar o volante através do controle do Wii U, utilizando o giroscópio do controle, e ainda ter na tela uma visão do seu retrovisor, vendo o que está acontecendo logo atrás de você.

Talvez essa função até fosse mais útil em Mario Kart, mas vamos ser sinceros, quem não quer ver F-Zero GX de novo em toda sua glória em alta definição?

9 - Metroid: Other M (Nintendo Wii)

A principal característica de Metroid: Other M era a mudança de visão entre terceira e primeira pessoa, algo que funcionava muito melhor na teoria do que na prática, já que você tinha que apontar o Wii Remote para a tela e ficar imóvel no jogo. Isso quando não estava se movendo com o desconfortável direcional digital.

Metroid: Other M no Wii U  (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)Metroid: Other M no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)

Imagine então se você pudesse ter as duas visões ao mesmo tempo e ainda por cima com a ajuda de um Circle Pad para controlar Samus? Enquanto a televisão mostrasse seu progresso em terceira pessoa, bastaria apontar para ela com a telinha do controle do Wii U para ver a cena em primeira pessoa!

Infelizmente esse era um dos menores problemas de Metroid: Other M, e consertar a jogabilidade não resolveria todos os outros defeitos do jogo.

8 - Super Smash Bros. Melee (GameCube) 

Divertido, com certeza, mas quem não pode afirmar que Super Smash Bros. Melee é também um tanto quanto caótico? A maioria dos jogadores não consegue acompanhar tudo que está acontecendo na tela e se a Nintendo deseja expandir seus jogos para esses jogadores, ela precisa dar um jeito de consertar isso.

Super Smash Bros. Melee no Wii U  (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)Super Smash Bros. Melee no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)

E se enquanto muita coisa está acontecendo à sua volta você pudesse se fechar no seu pequeno mundinho dentro da tela do controle, vendo apenas uma parte de toda essa ação? Muitas vezes as lutas ficam longe demais e seria mesmo interessante ter como dar um zoom no que realmente interessa.

Não é a solução ideal, mas com certeza uma simplificação de toda essa loucura começaria a trazer novos fãs para o jogo.

7 - Battalion Wars (GameCube) 

Battalion Wars no Wii U (Foto: Reprodução)Battalion Wars no Wii U (Foto: Reprodução)

No GameCube, Battalion Wars era a versão de ação da série Advance Wars, o qual até teve uma versão para o Nintendo Wii, mas ela era bem sólida, então o original merece mais ser retrabalhado.

Havia um problema sério para um jogo de ação com base em uma série de estratégia. Você tinha seu grupo de personagens e podia controlá-lo para ações específicas, porém, mesmo que abrisse a tela de mapa, você não podia selecionar unidades e ordenar para onde elas deveriam ir ou o que fazer.

O controle do Wii U poderia oferecer uma boa saída para esse problema.

6 - Sonic Generations (Xbox 360 e PlayStation 3) 

Apesar de já haver algumas conversas sobre trazer Sonic Generations para o Wii U, a data de lançamento do jogo e do console dariam um espaço muito grande, a ponto do interesse se perder, pois todos que quiserem jogar já terão comprado a versão para Xbox 360 ou PlayStation 3.

Sonic Generations no Wii U (Foto: Divulgação)Sonic Generations no Wii U (Foto: Divulgação)

Imagine, porém todo o conceito do Sonic clássico em 2D e do Sonic moderno em 3D, sem precisar escolher com qual você quer jogar! Assim poderia ser um Sonic para Wii U, você poderia jogar na tela grande em 3D e na tela pequena em 2D, sem precisar escolher um estilo e ficar preso a ele.

Assim como Super Mario Galaxy, reacende a possibilidade de um modo cooperativo entre Sonic e Tails, algo que nunca vimos ser realmente bem feito desde Sonic 2, já que o segundo jogador sempre fica relegado a tarefas secundárias.

5 - Elite Beat Agents (Nintendo DS) 

Elite Beat Agents no Wii U (Foto: Reprodução)Elite Beat Agents no Wii U (Foto: Reprodução)

Às vezes grandes jogos com uma atmosfera incrível simplesmente não apelam ao público certo ou não recebem uma chance dos jogadores para impressioná-los nos portáteis. Elite Beat Agents é um exemplo disso, provavelmente um dos jogos mais divertidos do Nintendo DS, quase sem atenção.

Não mais! É hora de trazer os agentes para uma experiência completa nos consoles, utilizando a tela de toque do Wii U para trazer a jogabilidade direto do Nintendo DS para o mundo da alta definição.

Por que não aproveitar e inserir também um modo de dança como Just Dance? Agents are go!

4 - The Legend of Zelda: Four Swords Adventures (GameCube) 

A Nintendo já perdeu a oportunidade de trazer este para o Nintendo Wii. A empresa tentou lançar seu The Legend of Zelda multiplayer na época do GameCube, onde cada jogador precisava de um GameBoy Advance e fios para conectá-lo ao console, era uma dor de cabeça e era difícil encontrar quatro pessoas para jogar.

The Legend of Zelda: Four Swords Adventures (Foto: Reprodução)The Legend of Zelda: Four Swords Adventures 

Apesar de tudo, os poucos que conseguiram, sabiam que era um jogo divertidíssimo, que utilizava muito bem a idéia da tela individual, e a Nintendo marcou bobeira de não trazê-lo para o Nintendo Wii, sendo que agora mais gente do que nunca tinha o Nintendo DS e a comunicação entre os consoles era sem fios. A oportunidade já passou, mas a empresa ainda pode se redimir no Wii U.

Imagine poder usar o controle do Wii U, um Nintendo DS ou mesmo um Nintendo 3DS para ser a segunda tela de ação e controle dos jogadores. Diferente da época do GameBoy Advance, agora um único jogador pode ter todos os aparatos necessários.

3 - Mario Paint (Super Nintendo) 

Quem não se lembra da ferramenta de criação para o Super Nintendo estrelando o encanador? Em Mario Paint você podia desenhar, compor músicas e até jogar minigames, tudo com o mouse incluso no pacote do jogo.

Mario Paint no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)Mario Paint no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)

Já é um mistério a franquia estar sumida desde a época do Nintendo 64, mas talvez os controles anteriores não fossem muito adequados para comportarem o jogo, por falta de precisão, mas o Wii U oferece o ambiente perfeito para o retorno de toda essa aura de arte e criação.

2 - Pokémon Snap (Nintendo 64) 

Uma das mais divertidas séries paralelas baseadas em Pokémon, neste jogo você não lutava contra os monstrinhos, mas sim se aventurava pelo seu mundo para tirar fotos, como se fosse um fotógrafo da National Geographic. Conseguir uma boa foto exigia muito trabalho e timing.

Pokémon Snap no Wii U (Foto: Divulgação)Pokémon Snap no Wii U (Reprodução: Rafael Monteiro)

Imagine como poderia ser utilizar o controle do Wii U como uma máquina fotográfica, apontando-o para a tela e checando o enquadramento. Se o Pokémon saísse da tela, não era problema, bastava continuar acompanhando-o com a câmera.

Seria interessante ver jogos como Fatal Frame II utilizarem essa idéia também, mas aí o controle do Wii U precisaria de uma capa de silicone como a do Wii Remote para protegê-lo de quedas provenientes de sustos.

Super Mario Galaxy (Nintendo Wii) 

Uma unanimidade entre crítica e público, por que um jogo praticamente perfeito precisaria ser revisitado? Super Mario Galaxy não se aproveitaria muito das novas proezas gráficas do console, pois é facilmente um dos jogos mais belos do Wii, tendo sido comparado aos seus irmãos de alta definição na época.

Super Mario Galaxy no Wii U  (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)Super Mario Galaxy no Wii U (Foto: Reprodução: Rafael Monteiro)

Há, porém uma última coisa que Shigeru Miyamoto, criador do personagem tenta colocar no jogo desde Super Mario 64, mas não consegue: Multiplayer cooperativo. Agora é a hora com o Wii U, Mario e Luigi poderão finalmente interagir, com cada jogador em uma tela.

Além do mais… já está na hora de Luigi ganhar um pouquinho de destaque, não?
 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares