Internet

28/10/2011 12h26 - Atualizado em 28/10/2011 12h26

Google+ cria seu próprio Trending Topics e abre para usuários do Google Apps

Rafael Silva
por
Do Tecnoblog

O Google anunciou na última quinta-feira mais novidades para a sua recém-lançada rede social Google+, como forma de não perder toda a atenção conquistada nos últimos meses. Algumas delas, como o “What’s hot”, foram certamente inspiradas em funcionalidades de redes sociais como o Twitter, mas outras são únicas e bem interessantes, como o Google+ Ripples.

Google Plus One (Foto: Divulgação)Google Plus One (Foto: Divulgação)

What’s hot é a versão do Google para os Trending Topics do Twitter. Nesse campo, que é exibido abaixo do stream central, serão mostrados alguns dos posts que estão sendo mais compartilhados no Google+, variando sempre. Também é possível ver um stream dedicado a esses posts clicando em “What’s hot” na barra lateral.

Já por meio dos chamados Ripples será possível para um usuário ver a sequência de compartilhamento de um post seu no Google+. O termo foi derivado da expressão “ripple effect”, que em bom português quer dizer “efeito cascata”. Ele mostra graficamente e em tempo real quantas pessoas estão compartilhando determinado post, além de exibir também uma linha do tempo que mostra os compartilhamentos à medida que foram acontecendo. Para acessá-lo basta ir na seta superior à direita de um post e clicar em “View Ripples”.

Aliado aos dois, o Google também lançou uma nova ferramenta chamada Creative Kit, que permite que membros do Google+ editem fotos direto no site, colocando filtros, legendas ou efeitos sobre elas.

Além disso o Google também anunciou que usuários do Google Apps para domínios próprios poderão acessar o Google+. A empresa avisa, no entanto, que por causa da estrutura do serviço, um administrador do Google Apps poderá modificar e acessar dados do Google+ como bem entender.

Via Blog Oficial Google

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares