Internet

14/10/2011 17h48 - Atualizado em 14/10/2011 18h51

Microsoft incorpora o Skype em definitivo e lança atualizações

Isadora Díaz
por
Da redação

A Microsoft acaba de ganhar um grande aliado. A Skype Technologies agora é uma nova divisão da companhia de Bill Gates, o que dá a companhia direitos sobre um dos softwares de comunicação mais populares do mundo. Aos usuários, reflexos diretos já foram vistos nesta sexta-feira (14): a barra do Google, que vinha junto do Skype, foi retirada.

Skype para Windows Phone 7.5 (Foto: Divulgação)Skype para Windows Phone 7.5 (Foto: Winrumors)

A nova divisão será liderada pelo próprio CEO do Skype, Tony Bates. A compra põe fim a rumores que pairavam na indústria da tecnologia desde maio, quando a Microsoft revelou interesse em adquirir a empresa. E os números do Skype são justificativa suficiente para a negociação. Somente em 2010, foram mais de 170 milhões de usuários conectados, responsáveis por 207 bilhões de minutos de conversas de voz e vídeo.

Sob cifras de US$ 8,5 bi, a negociação deve trazer benefícios diretos para os usuários das diversas plataformas Windows e dos programas desenvolvidos pela Microsoft. Já está prevista a integração, por exemplo, do Skype com produtos como o XBox e o seu Kinect, o Outlookm e o Windows Phone. Apesar do foco em produtos com a assinatura da Microsoft, o suporte ao software em outras plataformas não será descontinuado. Dessa forma, usuários de smartphones com iOS X, Android e BlackBerry OS também terão garantidas as suas versões do comunicador e atualizações frequentes.

O CEO da Microsoft, Steve Ballmer, ressaltou as possibilidade abertas pela compra. "Skype é um produto fenomenal e uma marca que é amada por centenas de milhões de pessoas ao redor do mundo. Nós estamos ansiosos para trabalhar com o time do Skype para criar novas forma para que as pessoas se conectem com a família, amigos, clientes e colegas." E a expectativa do grupo, aliás, é alta. Os planos estão traçados para que o Skype alcance 1 bilhão de usuários conectados.

A primeira mudança, embora tímida, já apareceu. Pouco após o anúncio, o Skype recebeu uma atualização para a versão 5.6. Até agora, nenhuma alteração além da remoção da barra de ferramentas do Google, que vinha incluída na instalação do softaware, foi notada. É sinal de que o Skype e a Microsoft realmente tornaram-se um.

Via WinRumors

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares