Notebook

14/10/2011 11h04 - Atualizado em 14/10/2011 11h32

Venda de Macs cresceu 20 vezes mais rápido que de PCs no 3º trimestre

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo
MacBook Air 2011 (Foto: Divulgação)MacBook Air 2011 (Foto: Divulgação)

De acordo com os últimos relatórios publicados pela Gartner, a venda de computadores Mac no mercado norte-americano estão em uma clara fase de crescimento, com a proporção de 20 Macs para um PC.

Os números são contrastantes com aqueles que foram divulgados por Tim Cook, CEO da Apple, na ocasião da apresentação do iPhone 4S. Na época, Cook informou que as vendas de Macs sobre os PCs era aproximadamente seis vezes maior, em um ano fiscal encerrado em junho, e que os Macs haviam superado os PCs em volume de vendas a cada trimestre nos últimos 5 anos.

De acordo com os relatórios da Gartner e do IDC, o Mac mostra crescimento de vendas no mercado de computadores por 22 trimestres consecutivos, ou seja, 7 anos e três meses. De acordo com o release de imprensa apresentado pela Gartner, "o estudo inicial da Gartner mostra que a Apple registrou o maior crescimento entre os principais fornecedores no mercado de PCs dos Estados Unidos. As vendas de computadores Apple cresceram 21,5% no terceiro trimestre de 2011. O forte crescimento do MacBook Air ajudou no crescimento da Apple no mercado norte-americano".

A pesquisa sobre as vendas de PCs exclui o iPad. (Foto: Divulgação)A pesquisa sobre as vendas de PCs exclui o iPad. (Foto: Divulgação)

A Gartner aponta que a participação da Apple no mercado de PCs dos EUA no terceiro trimestre de 2011 é de 12,9%, e na pesquisa da IDC, essa margem é de 11,3%, deixando a empresa atrás da Hewlett-Packard (HP), que é líder no país, com 28,6%, e da Dell, que possui 21,9%. Obviamente, esses números seriam bem diferentes se os institutos de pesquisa considerassem o iPad como um computador. Tanto a Gartner como o IDC reconhecem em seus relatórios que a venda de iPads influencia nas vendas dos PCs - pelo menos entre os concorrentes da Apple.

A Gartner diz que a popularidade dos "dispositivos não-PCs", incluindo os tablets multimídia, como o iPad e smartphones, estão afastando os consumidores dos PCs. E David Daoud, do IDC, refere-se ao fenômeno como "a canibalização do iPad".

Via: CNN Fortune

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares