Internet

31/01/2012 18h39 - Atualizado em 19/03/2012 15h19

Site do Bradesco sai do ar e banco nega ataque hacker

Thássius Veloso
por
Do Tecnoblog

O site do Bradesco permaneceu fora do ar por diversas horas desde o início da manhã de hoje, estendendo-se até cerca das 16 h, para alguns usuários. Durante o intervalo não foi possível acessar a página para realizar transações bancárias ou pagar contas por meio do banco online. Há a suspeita de que um grupo de hackers brasileiros tenha atacado o site, informação que o banco nega.

Bradesco (Foto: Reprodução)No Twitter do Anonymous Brasil, o alerta de
ataque ao site do Bradesco(Foto: Reprodução)

Por meio do Twitter, usuários ligados ao coletivo hacker Anonymous anunciaram que tirariam o site do Bradesco do ar nesta terça-feira. Entre as reinvindicações do grupo está o envolvimento do BNDES em negócios grandiosos, como a construção da usina hidrelétrica de Belo Monte.

Uma representante do Bradesco negou que o banco tenha sofrido ataque de hacker. O banco afirma oficialmente que verificou um alto volume na quantidade de acessos durante a manhã, o que ocasionou intermitência. Devido a isso, clientes não puderam acessar a página do banco nem de outras empresas ligadas ao grupo, como o braço de seguros do Bradesco. Ainda em resposta oficial o banco diz que não tem conhecimento sobre ataque de hackers anunciado por meio de Twitter.

Na segunda-feira (30/01), o site do Itaú também permaneceu offline por instantes. Novamente, existe a suspeita de que o mesmo grupo de hackers brasileiros tenha procedido com o ataque como forma de protesto.

O TechTudo apoia o Brasil Sem Vírus, movimento que dissemina práticas de segurança e distribui antivírus gratuitamente. Estima-se que 80% dos brasileiros já estiveram com os computadores ameaçados por vírus e ataques de hackers. Você pode ajudar sua rede de amigos enviando uma vacina para eles. Seja voluntário!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Ieso Nagata
    2012-01-31T20:52:50

    os sites não são necessariamente hackeados, um determinado grupo que se reúnem geralmente em salas IRC, agendam horários específicos para acessar um determinado site ao mesmo tempo, e se utilizam de softwares que enviam múltiplas requisições num pequeno período de tempo, sobrecarregando assim o servidor e este não consegue responder à todos os clientes/usuários; ou seja, há uma especie de super engarrafamento e tudo para!