Internet

28/02/2012 11h32 - Atualizado em 28/02/2012 11h32

Facebook é usado 135x mais que o Google+, diz comScore

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Empresa de pesquisa e marketing online, comScore, divulgou em um relatório a dimensão do domínio do Facebook em relação aos adversários diretos. O infográfico, representado abaixo, mostra o que os usuários de PCs gastam, em média, 405 minutos no Facebook por mês, contra 89 minutos no Tumblr e no Pinterest. Já no Twitter são 21 minutos, 17 minutos no LinkedIn, oito minutos no MySpace e apenas três minutos no Google+. Esses dados foram registrados em janeiro de 2012.

Relatório da comScore revela que internautas gastam 405 minutos por mês no Facebook (Foto: comScore/WSJ)Relatório da comScore revela que internautas gastam 405 minutos por mês no Facebook
(Foto: comScore/WSJ)

Se engana quem imagina o Twitter como uma sólida segunda posição entre as redes sociais. Na segunda posição, tem um empate entre o Tumblr e o Pinterest, serviços mais completos que o microblog. O Twitter recebe o terceiro lugar no relatório, seguido pelo LinkedIn, MySpace e Google+.

O relatório, publicado no site do The Wall Street Journal, analisa os dados registrados apenas no acesso pelos navegadores de Internet nos desktops. Vale lembrar que o Twitter é mais utilizado em dispositivos móveis, como celulares, smartphones e tablets, já o Tumblr e o Pinterest estão mais presentes nos desktops.

Outro ponto da pesquisa está ligado ao Google+. No mês passado, o serviço do Google apresentou mais de 90 milhões de novos usuários no mundo. Em um mês, eles conseguiram aproximadamente 10% de todos os 845 milhões do Facebook. Mesmo assim, os usuários passam pouco tempo no serviço.

Vale ressaltar que o Google conta como usuário do Google+ aquele que se cadastrou no serviço. Já no Facebook, o processo é diferente. Será um usuário ativo quem visitar a página pelo menos uma vez a cada 30 dias. A conclusão é que o número do Google+ deve ser muito baixo, se considerado o relatório da comScore. A pesquisa mostra que, mesmo com uma perspectiva de crescimento para o Google+, ele não significa uma ameaça para o Facebook a médio prazo. 

Via ZDNet

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares