Video game

21/02/2012 09h20 - Atualizado em 21/02/2012 09h20

Hack faz Kinect ser utilizado com sensor de estacionamento

Emerson Alecrim
por
Para o TechTudo

Definitivamente, o Kinect não se limita mais ao universo do Xbox 360. Prova recente disso vem das mãos do estudante Gibson Hu, da Universidade de Tecnologia de Sidney, na Austrália, que criou um hack que utiliza o dispositivo da Microsoft como sensor de estacionamento para carros.

No hack, o Kinect é instalado no para-choque do carro (Foto: Reprodução/Emerson Alecrim)No hack, o Kinect é instalado no para-choque do carro (Foto: Reprodução/Emerson Alecrim)

No sistema criado pelo estudante, os sensores do Kinect são instalados no para-choque traseiro do veículo e se comunicam com uma tela LCD de 4 polegadas sensível ao toque localizada no painel, ao lado do volante. Com isso, o motorista pode não só visualizar as imagens capturadas pelo dispositivo como também dar comandos. Observe o vídeo a seguir:

A princípio, uma câmera é suficiente para ajudar na tarefa de estacionar o carro, mas as imagens podem dar uma noção errada da localização de um obstáculo. O Kinect consegue superar esta limitação por causa da já mencionada capacidade de calcular distâncias: ao perceber que o veículo está perigosamente próximo de uma parede ou de outro carro, por exemplo, emite avisos imediatamente.

E tem mais: ao estacionar, o veículo se orienta pelas imagens capturadas pelo Kinect, o motorista pode enfrentar dificuldades em ambientes com pouca iluminação. Em casos assim, os sensores infravermelhos do dispositivo ajudam na formação das imagens.

O interessante é que o sistema pode ser utilizado não apenas para estacionar o veículo em ré (como em estacionamentos), mas também a partir de manobras laterais (comum nas ruas). Neste caso, o sistema fornece parâmetros que ajudam o motorista a se orientar e novamente emite alertas quando a distância mínima de segurança, de 0,5 m, é atingida. Assim, o condutor sabe que é o momento de tentar outra manobra.

Para desenvolver o projeto, Gibson Hu utilizou, além do Kinect, o sistema operacional Ubuntu e as bibliotecas OpenCV e OpenKinect/libfreenect. O estudante trabalha agora em uma versão do sistema que permite o envio das imagens capturadas a aparelhos com Android.

Solução nada barata

Vale ressaltar que usar o Kinect como sensor de estacionamento é curioso, mas nada econômico. Em uma pesquisa no site da Amazon, o preço do Kinect é de US$ 129, enquanto um sensor de estacionamento tradicional para carros custa cerca de US$ 30.

Via Next at Microsoft e PCWorld.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Fernando Marinho
    2012-02-24T16:05:09

    Cadê o vídeo?