Internet

08/05/2012 12h34 - Atualizado em 30/07/2013 12h39

Depois do Instagram, Facebook compra Glancee, startup especializada em geolocalização

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

Algumas semanas após anunciar a compra do Instagram, o Facebook adquiriu mais um serviço que vinha fazendo sucesso na Internet móvel: o Glancee. O app, que indica novos contatos de acordo com a sua localização mostrada no GPS, conquistou milhares de usuários, especialmente nos Estados Unidos, e por isso chamou a atenção da maior rede social do planeta.

Comunicado no site do Glancee anuncia a compra pelo Facebook (Foto: Reprodução)Comunicado no site do Glancee anuncia a compra pelo Facebook (Foto: Reprodução)

O anúncio oficial da “parceria” foi feito pelo site oficial do Glancee. A empresa publicou um comunicado em sua página, junto com uma grande imagem em comemoração ao acordo: “Glancee is joining Facebook” (Glancee está se juntando ao Facebook).

“Estamos muito animados para anunciar que o Facebook adquiriu o Glancee e que iremos nos juntar ao time em Menlo Park para construir grandes produtos para os 900 milhões de usuários do Facebook em todo o mundo. Gostaríamos de agradecer demais aos usuários por terem feito parte da comunidade Glancee”, diz a mensagem.

Para quem não conhece, o Glancee é uma espécie de “radar”, que utiliza o GPS do seu smartphone e dados obtidos por meio de contas do Facebook para lhe recomendar contatos com os mesmos interesses e que estejam próximos de você. A rede foi criada em 2010 e alcançou muitos milhares de usuários. A prova deste sucesso, é claro, é justamente esta negociação com o Facebook. Os valores não foram revelados, mas depois do bilhão gasto na compra do Instagram, Mark Zuckerberg e companhia já mostraram que dinheiro não é problema.

Via Mashable

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares