Jogos simuladores

04/06/2012 17h21 - Atualizado em 04/06/2012 19h29

EA divulga trailer de novo SimCity na E3 2012

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

A Electronic Arts divulgou um novo trailer do seu mais novo simulador de cidades em produção, SimCity. O vídeo foi apresentado durante a conferência da empresa na E3 2012, e mostra as diversas novidades que o game tem em relação às edições anteriores.

SimCity (Foto: Divulgação)SimCity (Foto: Divulgação)

O destaque vai para um modo multiplayer, que aparece na série pela primeira vez em forma cooperativa. Ou seja, é possível construir cidades com a ajuda de outros jogadores pela internet.

Além disso, o título apresenta mais opções e uma flexibilidade maior na hora de construir prédios, ruas ou rodovias. Será possível selecionar o posicionamento das construções, assim como a possibilidade de construir livremente ferrovias ou rodovias, sem as limitações de curvas ou entraves que os outros games da série apresentavam.

As novidades vão também para a parte gráfica, que sofreu um grande aprimoramento. Será possível ver os pedestres e carros pelas ruas, em um novo esquema de modelagem em 3D e visual estilizado.

SimCity chega em fevereiro 2013, exclusivamente para o PC.

 

 

Conheça a história de SimCity

Uma das clássicas séries da Eletronic Arts traz um reboot da franquia, mas não significa que tenha esquecido todo o seu marcante passado. Quando o game foi lançado em 1989 para computadores Amiga e Macintosh, era o primeiro produto do estúdio Maxis, e foi o que tornou seu criador, Will Wright, mais famoso.

SimCity (Foto: Divulgação) (Foto: SimCity (Foto: Divulgação))SimCity (Foto: Divulgação) (Foto: SimCity (Foto: Divulgação))

Com ideias revolucionárias para sua época, muitas empresas não tinham certeza se ele daria certo, e apesar do jogo ter sido concebido em 1985, a produtora levou quatro anos para ter coragem de publicá-lo.

Após a grande aclamação de crítica e público, SimCity foi lançado para várias plataformas, como o Commodore 64, Atari ST, ZX Spectrum e até mesmo teve uma versão para o Super Nintendo.

Alguns anos depois, em 1993, já vinha SimCity 2000, uma sequência que expandiu o original em todos os sentidos, inaugurando também os gráficos isométricos que se tornaram marca registrada da série. A primeira versão foi para o sistema operacional Macintosh, mas logo chegou a outros computadores, como Amiga, DOS e Windows.

A primeira versão da série já havia brincado com a ideia de vir para os videogames, mas foi SimCity 2000 que realmente se espalhou por eles. Este capítulo teve lançamentos para o Super Nintendo, PlayStation One, Nintendo 64, Sega Saturno e até mesmo para GameBoy Advance.

Em 1997, a Electronic Arts comprou a Maxis, seguido pelo lançamento de SimCity 3000 em 1999. Este capítulo foi basicamente uma expansão, com suas próprias ideias, mas nada tão chamativo quanto o segundo. O estúdio já preparava-se para ser dissolvido e reclamavam que Will Wright gastava seu tempo com um projeto sem futuro: The Sims.

Quando The Sims atingiu um novo sucesso inesperado, o estúdio permaneceu com certa independência dentro da EA, mas agora voltado para sua nova franquia. Somente em 2003, vimos um novo capítulo da série, com SimCity 4, que voltou às suas raízes para PC e Mac. O jogo foi bem recebido, porém, mais uma vez, foi visto pelo público como apenas uma atualização.

E3 (Foto: Reprodução)
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Tomas Vinhal
    2012-06-05T16:26:57

    Mas quem escreveu esse texto? Muitas informações erradas...

  • Jefferson Bonilha
    2012-06-04T19:07:53  

    Legal, legal. O título do negócio indica que existe um trailer novo pro jogo, e não botam nem um link se quer. Vlw vlw (y)

    recentes

    populares

    • Jefferson Bonilha
      2012-06-04T19:07:53  

      Como assim brother, o vídeo tá aí na página