29/06/2012 16h13 - Atualizado em 29/06/2012 16h13

Pesquisadores criam novo padrão de cooler até 30% mais eficiente

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

A Sandia Laboratories desenvolveu um novo tipo de dissipador de calor para processadores. O interessante no modelo é que ele une as virtudes dos heatskins e dos coolers em um único componente. O dissipador age como um cooler, e, ao girar, potencializa a capacidade de refrigeração de um chip. O produto foi batizado com o nome de Sandia Cooler e já pode ser licenciado por fabricantes interessados na sua produção comercial.

Basicamente, Sandia criou um dissipador giratório que é muito mais eficiente que um cooler normal (Foto: Divulgação)Basicamente, Sandia criou um dissipador giratório que é muito mais eficiente que um cooler normal (Foto: Divulgação)

As soluções de refrigeração para microchips atuais são divididas em dois grandes grupos: as passivas, em que o trabalho é feito por dissipadores e pastas térmicas, e ativas, onde o uso de coolers e exaustores aumenta a capacidade de refrigeração de um chip. O que a Sandia fez foi criar um híbrido entre esses dois grupos.

O produto adota um princípio de funcionamento muito interessante: o topo giratório, que roda a mais de duas mil rotações por minuto, fica suspenso da base do cooler por uma fina camada de ar hidrodinâmica. Basicamente, para melhorar a troca de calor, a Sandia criou um dissipador que não é baseado na ideia de contato entre metais.

Segundo os criadores do novo cooler, ele é 30% mais eficiente que os coolers tradicionais, pois, além de necessitar de menos energia para funcionar, é fabricado com menos partes, mais leve, menor e mais silencioso que qualquer cooler do mercado.

Outra vantagem mencionada pelos inventores é o fato de o Sandia Cooler não juntar poeira: ele está sempre girando a 2000 RPM, o que evita que partículas sedimentem-se nos espaços entre as lâminas e, além disso, a força centrifuga gerada pelo equipamento expele qualquer sujeira.

Via Extreme Tech e Sandia Laboratories

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares