Internet

21/12/2012 15h08 - Atualizado em 21/12/2012 15h08

Netflix testa novo software de streaming para filmes com resolução 4K

Raquel Freire
por
Para o TechTudo

A Eye IO, startup parceira da Netflix que desenvolve inovações em processamento de vídeo, anunciou nessa sua segunda geração de tecnologia, eficiente o bastante para fornecer vídeo Ultra HD na Internet. Para isso, ela utiliza uma revolucionária abordagem de inteligência artificial, que faz com que seu software codifique 45% mais rápido, reduza a taxa de trasmissão de bits em 26% e melhore os dados de vídeo, em várias frentes, em mais de 50%.

Parceira da Netflix anuncia nova tecnologia para filmes em 4K na Internet (Foto: Reprodução)Parceira da Netflix anuncia nova tecnologia para filmes em 4K na Internet (Foto: Reprodução/Engadget)

As melhorias, que vieram para possibilitar uma nova experiência com as recentes filmes 4K, permitirão também à Netflix manter seus consumidores sob seu ISP. Apesar disso, a Netflix, que até então é a única entre os clientes da Eye IO com nome divulgado, ainda não disse quando irá mudar sua plataforma.

A adaptação, contudo, não deve demorar muito para acontecer, já que o a próxima eyeOS UNIX OS 4K, destinada à companhias, chega ao mercado americano já em março de 2013, juntamente com suporte para o padrão H.265. Vale lembrar que a Netflix acaba de assinar um acordo para transmitir conteúdo Co. Walt Disney, o que a deixa na posição de interessada em assumir a vanguada da tecnologia de ponta.

A suíte de produtos também melhorou a velocidade e eficiência dos estúdios HD e Full-HD 3D, fazendo com que haja ganho de qualidade também nos aparelhos 2D, computadores e dispositivos móveis. O mecanismo opera automaticamente e elasticamente, localmente ou na nuvem, e reduz os custos de infra-estrutura e complexidade operacional, alcançando um novo nível de estabilidade de produção.

De acordo com a Eye IO, a tecnologia foi testada com sucesso em centenas de dispositivos H.264. Mais de 65 bilhões de frames de vídeo foram produzidos sem qualquer registro de falhas de software. Esta não é a primeira vez que a Eye IO implementa uma mudança tecnológica significativa usada pelo Netflix. Sua primeira geração de produtos já foi a responsável por reduzir a largura de banda necessária, tornando desnecessário a opção “X-High” para vídeos full HD (1080p).

Tem alguma dúvida sobre o Netflix? Comente no Fórum do TechTudo!

Via Engadget

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Helmer Pinheiro
    2016-02-18T14:42:33

    Quando a Netflix vai disponibilizar conteúdo 3D no Brasil?

  • Caio Rodrigues
    2012-12-26T05:24:55

    Discordo da seguinte sentença: "Sua primeira geração de produtos já foi a responsável por reduzir a largura de banda necessária, tornando desnecessário a opção “X-High” para vídeos full HD (1080p)." O fato de eles terem liberado um stream 1080p com bitrate 20% menor, não quer dizer que não sintamos falta de um stream com qualidade X-High/HD.