Antivírus

17/01/2013 12h23 - Atualizado em 17/01/2013 12h23

Antivírus da Microsoft falha em teste de certificação pela segunda vez

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

A AV Test conduz testes mensais dos principais antivírus do mercado. Pela segunda vez, o Microsoft Security Essentials, software de proteção que acompanha o Windows, foi reprovado no teste. Para passar no teste, um antivírus precisa atingir 11 pontos nos 18 possíveis. No recente fracasso, o MSE alcançou apenas 10 pontos.

Opção gratuita da MIcrosoft deixa a desejar na hora de encontrar vírus (Foto: Reprodução)Opção gratuita da MIcrosoft deixa a desejar na hora de encontrar vírus (Foto: Reprodução)

O teste avalia a capacidade dos aplicativos de identificarem, caçarem e eliminarem vírus. Além disso, as capacidades de reparação e a usabilidade dos antivírus também são analisadas. No caso do Microsoft Security Essentials, seu maior ponto fraco foi na pontuação referente à proteção contra ameaças imediatas, aquelas que surgem e se alastram em questões de horas.

O MSE conseguiu bloquear com sucesso apenas 78% das infecções dessa modalidade, enquanto a média da indústria é de até 92%. Outra falha do MSE foi na identificação de malwares com dois ou três meses de vida, marcando apenas 90% das infecções dessa natureza, ao passo que a média dos competidores bate a casa dos 97%.

A gratuidade do MSE não chega a ser desculpa pelos fracos resultados. Opções grátis, como o AVG, ZoneAlarm e Panda Cloud conseguiram a pontuação para passar no teste de certificação de dezembro. A Microsoft divulgou nota dizendo que, em seus testes particulares, o MSE atinge níveis satisfatórios de identificação e eliminação de pragas virtuais.

Via Neowin e Softpedia

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Bruno César
    2013-01-17T16:01:54

    A dois anos não uso antivírus.

  • Paulo Cesar
    2013-01-18T18:29:40

    Impressionante como a Microsoft com a estrutura e a grana que tem nunca conseguiu fazer um antivirus decente.

  • Bruno César
    2013-01-17T16:03:14

    Há*