24/07/2013 11h05 - Atualizado em 24/07/2013 11h05

Cinco apps brasileiros concorrem na TheNextWeb 2013; conheça as apostas

Aline Jesus
por
Para o TechTudo

A edição latino-americana da conferência de tecnologia The Next Web terá cinco representantes brasileiros disputando o título de "startup do ano". A lista completa, composta por 16 finalistas, foi revelada nesta quarta-feira (24). Todos os candidatos terão a oportunidade de se apresentarem diante de um público engajado com tecnologia, nos dias 28 e 29 de agosto, em São Paulo.

Entre os 16 finalistas da TNW Startup Rally, cinco são brasileiros (Foto: Divulgação)Entre os 16 finalistas da TNW Startup Rally, cinco
são brasileiros (Foto: Divulgação)

Na disputa, os brasileiros entram na briga com apps de moda, educação, anúncios em vídeos, monitoramento de gastos e gerenciamento de restaurantes.

O TNW Startup Rally teve 150 inscrições nesta edição, mas apenas 16 startups passaram pelas três etapas de avaliação. Um juri de especialistas avaliará cada startup e definirá o grande vencedor, que será anunciado no final do segundo dia do evento.

Conheça os brasileiros na disputa

O primeiro concorrente brasileiro é o Dujour, aplicativo já famoso entre os amantes da moda. Disponível para iOS e Android, seu grande atrativo é estimular os usuários a compartilharem seus "looks do dia". Dá para interagir com outras pessoas, seguir blogueiras, marcar suas roupas, criar editoriais e feeds personalizados, além de compartilhar tudo em outras redes sociais.

Dujour é um app de moda que mostra look do dia (Foto: Divulgação) (Foto: Dujour é um app de moda que mostra look do dia (Foto: Divulgação))Dujour é um app de moda que mostra look do dia (Foto: Divulgação)

O EasyAula, por sua vez, tem como objetivo estimular o aprendizado. A página oferece um sistema onde qualquer pessoa pode fazer um cadastro para dar aula de um determinado curso. Se a ideia for boa, abrem uma turma, fecham um acordo e disponibilizam ela na Internet, onde as pessoas interessadas em serem alunas, em cursos online ou presenciais, podem se inscrever. O serviço é bem prático e qualquer usuário pode se cadastrar até utilizando o Facebook.

Já o Meia Bandeirada é um aplicativo voltado para o mercado corporativo, e tem como objetivo auxiliar as empresas na fiscalização dos gastos de seus empregados com táxis. Com o app instalado, o celular de quem entrou no veículo passa a ter validação geográfica dos deslocamentos, propõe roteiros mais econômicos e ainda oferece, para quem administra as contas, um tipo de painel com visão rápida e analíticas dos gastos.

Outro serviço brasileiro que luta pelo prêmio de melhor startup na conferência do TNW é o Samba Ads, um serviço de anúncios. Ele é bem simples, para anunciantes e publishers: o primeiro pode colocar seus comerciais em vídeos e o segundo oferecerá os vídeos para receber publicidades. Assim, todos ganham: o anunciante divulga sua marca com o publisher, que recebe para isso, e o Samba Ads, é claro, recebe a sua parte por intermediar o negócio.

u.sit é um aplicativo de gestão de filas de espera e de reserva (Foto: Divulgação) (Foto: u.sit é um aplicativo de gestão de filas de espera e de reserva (Foto: Divulgação))u.sit é um aplicativo de gestão de filas de espera e de reserva (Foto: Divulgação)

Por último, mas não menos importante, vem o U.Sit, um sistema de inteligência para restaurantes. Ele é um app para gerenciar listas de espera e reservas, com opções para criar e gerenciar bancos de dados dos clientes, e entregar análises detalhadas da operação do local, como o tempo médio de espera, mesas reservadas, ocupadas ou canceladas, dentre outras estatísticas. Bom para os clientes e para os restaurantes, que tem como aliado um "gerente virtual" cuidando do seu estabelecimento.

Os concorrentes gringos

A missão dos brasileiros não é fácil. Há 11 concorrentes de peso na disputa. Depois do Brasil, o Chile vem com quatro aplicativos: GiveO2, que mede dados do uso de carbono de meios de transporte; Easy Vino, um auxiliar para escolher um bom vinho em restaurantes; FirstJob, que, como diz o nome, tenta ajudar estudantes e recém-graduados a encontrarem os primeiros empregos; e o CityHeroes, cujo objetivo é estimular denúncia e solução de problemas em cidades pelos próprios cidadãos.

Entre os outros participantes do TNW Startup Rally, encontram-se os uruguaios do TellMi, um “WhatsApp” para interações entre companhias e clientes, e os mexicanos com o Carrot, um app de compartilhamento de carros, com o intuito de diminuir o trânsito. O Contratan.do, da Colômbia, é um buscador de empregos que atua por toda a América Latina. Da Espanha vêm o Floqq, um buscador de cursos em vídeos, e o Monolibre, app de prática de pronúncia em espanhol para não-nativos. A Argentina tem o Nubelo, para busca de freelancers e gerenciamento de projetos, e os Estados Unidos saiu com um novo conceito de comunicação, com troca de informações sobre habilidades e conhecimento por SMS, o PeopleHunt.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Diogo Neto
    2013-07-24T11:51:25  

    Como eu poderia me inscrever para mandar meu projeto e poder participar nas proximas??

    recentes

    populares

    • Diogo Neto
      2013-07-24T11:51:25  

      Vá em frente, boa sorte Diogo.

    recentes

    populares

    • Diogo Neto
      2013-07-24T11:51:25  

      Bruno Alves Vlw Bruno, melhor nem ficar perdendo tempo com pessoas assim!!

  • Anna Heim
    2013-07-24T16:56:49

    Tem um errinho, por enquanto o MonoLibre é para ajudar usuários a melhorar seu sotaque em inglês, não em espanhol ;)