Internet

21/08/2014 00h00 - Atualizado em 21/08/2014 10h09

Amazon começa vender livros físicos no Brasil com 150 mil títulos impressos

Melissa Cruz
por
Da Redação

A Amazon começa nesta quinta-feira (21) as vendas de livros físicos na loja brasileira. A varejista passa a oferecer 150 mil títulos impressos em português, além dos e-readers da família Kindle e outros dois milhões de e-books. A espera de dois anos pelo início das vendas de obras em papel no país será compensada não só com o catálogo extenso, mas também com novos recursos que reúnem o melhor do mundo digital e do impresso.

Veja como ler quadrinhos no Kindle

Amazon  (Foto: Reprodução: Melissa Cruz)Amazon começa a vender livros físicos no Brasil (TechTudo/MelissaCruz)


Maior catálogo

Com a novidade, a decisão da compra de um livro digital ou físico é do leitor. Segundo Alex Szapiro, Country Manager da Amazon no Brasil, este é o maior catálogo de obras impressos já oferecido por uma loja virtual no país. "São 150 mil titulos impressos e outros 35 mil títulos em versão digital, todos em português. Se somados os e-books em outras línguas, esse número chega a 2.2 milhões", diz.

O acervo abrange títulos de todos os gêneros, incluindo ficção, não-ficção, infantis, acadêmicos e outros. Os fãs de best-sellers poderão comparar os preços e escolher o formato que mais agrada a leitura de títulos como A Culpa é das Estrelas, de John Green ou 1889, de Laurentino Gomes. Lembrando que, como já acontece nos livros digitais, há recomendações de outros leitores em comentários no site.

Logística

Ainda de acordo com o executivo, a relação entre a Amazon e as mais de duas mil editoras é de fornecedor e revenda. Ou seja, todos os livros ficarão locados nos armazéns da Amazon Brasil. Sendo assim, será possível fazer entregas rápidas, dentro de um dia útil, para consumidores de São Paulo (SP). Com excessão de alguns CEPs específicos, pedidos feitos até 11h da manhã serão entregues até o dia seguinte da compra, quando feitos de segunda a sexta-feira.

Lembrando que quem costuma comprar livros físicos em inglês pode continuar a fazê-lo na loja americana da Amazon. Na versão brasileira, há cópias digitais em outras línguas, todas faturadas em real.

Frete Grátis e Amostra

Outros dois atrativos prometem alegrar os consumidores de livros de papel. A loja vai oferecer frete grátis para todo o Brasil em pedidos a partir de R$ 69. Além do serviço de transporte, a Amazon vai oferecer ainda um trecho do livro adquirido, em versão digital. Assim, o consumidor pode começar a leitura a partir do momento da compra, sem precisar esperar a entrega.

"Temos uma novidade que é o 'Leia Enquanto Enviamos'. Se trata de um catálogo mais limitado, são 13 mil livros, mas certamente muitos desses 13 mil são os mais populares e os mais vendidos, que estarão disponíveis [no ato da compra]", explica. O recurso vai aparecer na página de agradecimento do pedido com dados da compra e vai abrir, no browser, uma amostra digital da obra impressa.

Dois anos de espera

A Amazon, gigante varejista americana, começou a operar no Brasil em dezembro de 2012. Na ocasião, foram lançados a Loja Kindle Brasil, o Kindle Direct Publishing (KDP) e os e-readers Kindle, oferecidos em lojas parceiras como o Ponto Frio. O ano seguinte foi marcado pela chegada da Amazon Appstore, loja de aplicativos e jogos para Android e em fevereiro deste ano foi dado início às vendas do Kindle e do Kindle Paperwhite diretamente no site da Amazon para o país. 

Loja de livros impressos da Amazon Brasil (Foto: Reprodução/Amazon)Livros impressos na Amazon (Foto: Reprodução/Amazon)

O começo das vendas de livros físicos aproxima ainda mais a versão brasileira da loja do que é Amazon nos Estados Unidos, uma verdadeira central de artigos de todos os tipos. Segundo Szapiro, a varejista passou os últimos dois anos estudando o consumidor para entregar ao mercado a melhor opção.

"Quando abrimos a loja no Brasil há dois anos atrás, pensamos em melhorar a maneira de comprar o livro digital e as recomendações. Tudo isso nos mostrou que havia uma oportunidade. Só abrimos uma loja quando sentimos que estamos prontos. Isso significa ter o maior catálogo de livros, uma boa oferta de frete e diferenciais como o 'leia enquanto enviamos'", afirma.

Portanto, se você não resiste a um bom livro, prepare o bolso. A loja de livros impressos da Amazon Brasil entra no ar nesta quinta-feira (21). De acordo com a varejista, não há um horário definido para que as operações de venda dos títulos em papel iniciem. Porém, ao longo do dia, as obras estarão à disposição em amazon.com.br/LIVROS.

Como faço para comprar livros em outros idiomas na Play Livros e na Amazon?

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares