Internet

19/09/2014 06h00 - Atualizado em 22/09/2014 10h00

Bleep: mensageiro ultrasseguro do BitTorrent lança app Android e Mac

João Kurtz
por
Para o TechTudo

Dois meses após começar os testes de seu mensageiro Bleep, a BitTorrent liberou o aplicativo – ainda em fase alpha – para o público. Além da já existente versão para Windows, agora ele também está disponível para Mac e Android. O lançamento ocorre após os usuários da fase pré-alpha, na qual era necessário um convite para usar o aplicativo, terem gerado feedback suficiente para a correção de diversos bugs. Junto com as novas versões, também foi anunciada uma nova identidade visual e logo.

Tango ou WhatsApp: veja qual é o melhor mensageiro

Bleep, mensageiro do BitTorrent, agora com versão Windows, Mac e Android (Foto: Divulgação/BitTorrent)Bleep, mensageiro do BitTorrent, agora com versão Windows, Mac e Android (Foto: Divulgação/BitTorrent)

Mensagens em P2P

O Bleep - talvez um novo rival para o WhatsApp - procura se diferenciar de outros programas de bate-papo por ser focado em enviar mensagens criptografadas através de P2P, um sistema semelhante ao usado em programas para baixar arquivos e músicas como o antigo Napster, antes da renovação. 

Peer-to-peer (ponto-a-ponto, em inglês) ou apenas P2P, é um tipo de arquitetura de redes em que cada um dos pontos funciona tanto como cliente quanto como servidor. Isso permite o compartilhamentos de dados sem a necessidade de um servidor central. São comuns para compartilhar músicas, vídeos, imagens ou qualquer outra dado em formato digital usando um mesmo software, sempre compatível.

Além disso, segundo a BitTorrent, que desenvolveu o app, o aplicativo só armazena conteúdo nos dispositivos conectados e não em um servidor central. Isto dá ao usuário a opção de deletar seu histórico de mensagens a vontade, sem se preocupar com vazamentos por parte do próprio serviço.

Liberado para o público, mensageiro do BitTorrent está disponível também para Mac e Android (foto: Reprodução/BitTorrent)Liberado para o público, mensageiro do BitTorrent chega para Mac e Android (Foto: Reprodução/BitTorrent)

Para usar o Bleep, os usuários podem fazer login com e-mail, número de celular ou mesmo acessar em modo incógnito, que não compartilha informações. Também é possível importar contatos do Google e adicionar novos amigos por e-mail, SMS, código QR ou através de uma chave pública do seu contato.

Por estar ainda em fase alpha, o Bleep e pode apresentar problemas e bugs. Um deles é que, embora possa receber mensagens em múltiplos dispositivos, elas ainda não são mostradas em todos eles. No momento, também não é possível enviar mensagens e fotos para usuários que estão offline.

Como participar de um grupo no WhatsApp? Veja no Fórum do TechTudo

O BitTorrent também avisa que os usuários da versão Android devem usar o aplicativo apenas com Wi-Fi, já que ele ainda possui problemas com o uso de bateria e de quantidade de dados. É possível importar uma conta do Bleep diretamente do desktop para um dispositivo móvel, mas o contrário ainda não foi habilitado.

Identidade visual do Bleep, mensageiro do BitTorrent (Foto: Divulgação/BitTorrent)Identidade visual do Bleep, mensageiro do BitTorrent ultrassecreto todo em P2P (Foto: Divulgação/BitTorrent)


Via BitTorrent e The Next Web

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares