01/10/2014 14h23 - Atualizado em 01/10/2014 16h09

Brasil tem conexão mais lenta que Argentina, Chile e Uruguai, diz estudo

Pedro Cardoso
por
Para o TechTudo

No segundo trimestre deste ano, o Brasil ficou em 89º lugar em ranking de média de velocidade de conexão à Internet, com 2,9 Mbps, e está abaixo da média mundial, de 4,6 Mbps. É o que informa a pesquisa "State of the Internet", realizada pela empresa Akamai. O valor fica bem atrás de médias da Argentina (4,2 Mbps), Chile (4,4 Mbps) e Uruguai (5,6 Mbps). O estudo avaliou dados de acesso à web de 238 países ou regiões, o que representa mais de 788 milhões de endereços IP.

Testamos Internet 4G dos primeiros ônibus com a tecnologia em São Paulo

Internet está potente demais no padrão IPv4 (Foto: Creative Commons/Flickr/nrkbeta) (Foto: Internet está potente demais no padrão IPv4 (Foto: Creative Commons/Flickr/nrkbeta))Número de rotas IPv4 no mundo atingiu o limite do padrão TCAM (Foto: Creative Commons/Flickr/nrkbeta)


De acordo com o estudo, é a primeira vez que a média global de velocidade de conexão à Internet atinge 4,6 Mbps, o que significa um aumento de 21% para o intervalo de abril a junho de 2014. O número é superior à velocidade média considerada "banda larga", de 4 Mbps. A média no Brasil é dez vezes menor do que a média global, segundo a Akamai. Quem lidera nessa lista é a Coreia do Sul, que se mantém no primeiro lugar, com média de 24,6 Mbps, um crescimento de 4% em comparação a período antecedente.

Como controlar a largura de banda da sua rede sem roteador? Veja no Fórum do TechTudo.

Na Argentina, no Chile e no Uruguai, houve 30% de aumento dessa média para cada uma das nações. No nosso continente, a Bolívia registrou a pior média de velocidade, apenas 1,1 Mbps. Em relação ao trimestre anterior, o Brasil teve um crescimento de 11%, mas, mesmo assim, caiu duas posições nessa média.

Picos de velocidade de conexão

No que diz respeito à média de picos de conexão, o Brasil registrou um aumento de 13% em relação ao período entre janeiro e março deste ano, o que corresponde à velocidade de 20,2 Mbps. Em comparação ao ano passado, o aumento foi de 8,1%. Foram 139 países ou regiões analisados nesse quesito.

Apenas para servir como comparativo, a média global de picos de conexão foi de 25,4 Mbps, um aumento de 20% no segundo trimestre de 2014. A liderança do ranking ficou com Hong Kong, que teve 73,9 Mbps como pico de velocidade e um aumento de 12% em relação ao primeiro trimestre.

Ataques na Internet

O material publicado pela Akamai também fornece outras estatísticas da web, como “tráfego de ataques e portas mais vulneráveis”. O Brasil subiu uma colocação em categoria sobre ameaças cibernéticas. O país é agora apontado pelo relatório como a 7ª maior fonte de ataques do mundo. Entretanto, o próprio estudo diz que, mesmo registrando o país de origem dos ataques, não é possível afirmar se o hacker reside nele ou não.

Velocidade móvel

No que diz respeito à conectividade móvel, o Brasil registrou média de 1,5 Mbps, contra velocidade média de 15,2 Mbps da Coreia do Sul, líder do ranking global. Na categoria de adoção de banda larga móvel, o Brasil não passou de 0,5% no período avaliado.

Endereços de IPs únicos

Em relação aos três primeiros meses do ano, o relatório afirma que o Brasil obteve um aumento de 6,7% na adoção de novos endereços IPv4, indo na contramão da média global, que registrou queda de 0,9%. Dentre os 10 países que têm mais endereços de IPs únicos, o Brasil aparece na terceira posição. Além disso, o Brasil teria apresentado também maior crescimento em endereços IPv4 no último período de um ano, com 43% de aumento em relação ao segundo trimestre de 2013.

*Colaborou com a matéria Larissa Ferrari.

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Eliane Santos
    2014-11-25T10:33:06

    nos pagamos por um produto e não recebemos o que pagamos, se pagamos por 15 GB deveríamos receber exatamente isto, sem historinha de trafego mas se a própria Anatel acata quem ira nos proteger? respeito ao consumidor e a diferença dos outros países para o Brasil aqui e terra de ninguém! TUPINIQUIM e ainda se acha que estão no 2 mundo não conseguimos sair deste atoleiro simplesmente por que e cômodo para nossos políticos!

  • Luiz Fernando
    2014-10-02T15:50:27  

    Eu não tenho do que reclamar, minha internet é 30 mega, vivo medindo a velocidade via Wi-Fi e está sempre em torno de 26 a 28 mega. Faço downloads de jogos de 13GB em apenas 1 hora no máximo. E pago apenas 80 reais por mês.

    recentes

    populares

    • Luiz Fernando
      2014-10-02T15:50:27  

      Você é burro ou está de sacanagem? Não entendeu o texto?

    recentes

    populares

    • Luiz Fernando
      2014-10-02T15:50:27  

      Haters, Haters...

  • Jonas Santos
    2014-10-14T08:40:33

    Zona Leste de SP boa parte não passa do 2 megas sem sinal. Tim GVT CLARO Não chegam na região (Lixo)

  • Ricardo Lima
    2014-10-13T21:24:56

    Banda larga deveria ser de graça 2 megas.

  • João Moura
    2014-10-01T15:58:38  

    Alguém teria alguma opinião sobre, onde está o problema?

    recentes

    populares

    • João Moura
      2014-10-01T15:58:38  

      O problema está no word!

  • Radames Silva
    2014-10-01T17:09:54  

    O Brasil é um pais muito grande com má infra estrutura e com um povo que aceita pagar caro em coisa que não vale 1/5 do que realmente vale, então as empresas não tão ai pra nada e abusa mesmo.

    recentes

    populares

    • Radames Silva
      2014-10-01T17:09:54  

      A questào não é que o povo aceita pagar caro. Até porque não tem outra opção, ou paga a internet ruim cara ou fica sem internet.

  • Rafael Silveira
    2014-10-01T16:00:20

    Internet banda larga trafegando por fio de telefone da época do Gran Bell, preços abusivos, serviço caótico, e por aí vai. Fora que em mtos bairros aqui de são paulo a infra é tão totô que só chega link de 128kpbs, e as pessoas têm coragem de pagar R$50,00 por esse lixo. Essa é a face das conexões de internet do brasil, um país de tolos.