Jogos de ação

18/06/2015 09h35 - Atualizado em 18/06/2015 09h35

Just Cause 3 ‘satiriza’ games de ação com gameplay louco e explosivo

Viviane Werneck
por
Da E3 2015

Just Cause 3, com lançamento marcado para dezembro deste ano, foi um dos destaques do estande Square Enix na E3 2015. No entanto, os fãs da série tiveram que se contentar apenas com um pouco do gameplay explosivo do jogo em um telão, onde ao longo do dia, foram exibidas várias sessões demonstrando um pouco das loucuras possíveis de se fazer no jogo de ação. Veja algumas das nossas impressões.

Acompanhe o Tempo Real da E3 2015 no TechTudo

Just Cause (Foto: Viviane Werneck/TechTudo)Conferimos um gameplay de Just Cause 3, veja o que achamos (Foto: Viviane Werneck/TechTudo)

A primeira coisa que chama a atenção, além do retorno do protagonista Rico Rodriguez, é a infinidade de movimentos e ações possíveis ao se usar o arpéu característico do personagem. Uma espécie de anzol que fisga em qualquer lugar, ajudando Rico a escalar prédios, se projetar para alcançar lugares mais difíceis, arremessar objetos de vários tamanhos em inimigos, arremessar os próprios inimigos contra paredes e helicópteros (isso mesmo), etc. A dica dos desenvolvedores é usar a sua imaginação, pois são quase infinitivas as possibilidades de interação com o cenário.

Na demonstração interativa exibida, era possível que a plateia escolhesse determinadas ações para que Rodriguez as fizesse. Numa delas, o personagem roubou um avião e o atirou contra um posto de gasolina, com o protagonista conseguindo escapar segundos antes. Em outro momento era possível dirigir loucamente pelas ruas, destruindo casas, atropelando pessoas e batendo em outros veículos. O ápice do caos foi comandar um navio para destruir a principal ponte da cidade do jogo.

Diversão para os amantes da destruição

A premissa da série Just Cause nunca foi entregar uma narrativa densa, com personagens complexos e escolhas difíceis. O tipo de jogador que possivelmente vai curtir Just Cause 3 é o mesmo tipo de gamer que gosta de algo como Saints Row, por exemplo. Ou seja, o game é uma verdadeira sátira dos jogos de ação atuais. Em outros gameplays foi possível ver o personagem surfar um míssil para depois pular em um carro e continuar a ação.

Just Cause (Foto: Viviane Werneck/TechTudo)Rico pode transformar o cenário num completo caos (Foto: Viviane Werneck/TechTudo)

Veículos, armas, explosões… Tudo isso junto

Como dito antes, em Just Cause 3 o jogador não precisa usar somente as armas tradicionais (ou nem tão tradicional assim) espalhadas pelo mundo do jogo. Os próprios veículos, e Rodriguez sabe dirigir todos eles, podem se tornar armas poderosas também - se usadas para disseminar o caos.

Você terá a sua disposição carros de passeio, monster trucks, caminhões, aviões, navios, tanques de guerra, helicópteros, dentre outros. Vai da sua imaginação, de repente, prender uma bomba no teto de um carro e arremessá-lo - com o arpéu - em direção a um helicóptero e derrubá-lo. Sim, isso é possível.

Just Cause (Foto: Viviane Werneck/TechTudo)Diversos veículos estão livres para uso e abuso do jogador (Foto: Viviane Werneck/TechTudo)

Quais são as suas apostas para a E3 2015? Opine no TechTudo!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Hugo Fraga
    2015-06-18T19:19:30

    O 2 e muito enjoativo