Internet

14/07/2015 11h55 - Atualizado em 14/07/2015 12h12

Firefox passa a bloquear o Flash Player; Facebook reclama do plugin

João Kurtz
por
Para o TechTudo

O crescente número de vulnerabilidades do Adobe Flash Player está cobrando seu preço. O plugin, que já foi um dos mais usados na Internet, passou a ser oficialmente bloqueado por padrão na nova versão do Mozilla Firefox. A decisão ocorreu devido ao grande número de problemas que atingem o software para navegadores, que só em 2015 já foi vítima de pelo menos três falhas graves diferentes.

Hackers exploram falha ainda sem solução no Flash; saiba como se proteger

Falha no Flash Player permite que sistemas afetados possam ser invadidos (Foto: Reprodução/Adobe) (Foto: Falha no Flash Player permite que sistemas afetados possam ser invadidos (Foto: Reprodução/Adobe))Falha no Flash Player permite que sistemas afetados possam ser invadidos (Foto: Reprodução/Adobe)


A mudança foi informada pelo chefe da equipe de suporte do Firefox, Mark Schmidt, através de sua conta no Twitter. Segundo ele, isto ocorreu devido ao grande número de falhas descobertas no software, mas o bloqueio é temporário.

“O Flash só será bloqueado até a Adobe lançar uma versão que não seja ativamente explorada [por hackers]”, explica Schmidt.

Como forçar e ativar o Flash no Firefox?

Apesar da atualização bloquear o Flash por padrão, isto não significa que o Firefox deixou de funcionar com o plugin. Caso deseje, um usuário pode habilitá-lo novamente a partir do menu de complementos do navegador, clicando na aba “Plugins”, selecionando o Flash e clicando na opção “Sempre ativar” ou "Perguntar Antes de Ativar".

O Flash sempre foi um plugin essencial para navegar na web, mas há anos ele tem sido gradualmente substituído por outras alternativas mais modernas e que usam menos recursos e energia dos dispositivos. O YouTube, por exemplo, passou a usar o player de HTML5 por padrão no início de 2015.

Mozilla Firefox bloqueia por padrão o Adobe Flash Player dos navegadores (Foto: Reprodução/Mozilla)Mozilla Firefox bloqueia por padrão o Adobe Flash Player dos navegadores (Foto: Reprodução/Mozilla)

Facebook reclama do plugin

O primeiro golpe de peso contra o Flash ocorreu no lançamento do primeiro iPhone, que não era compatível com a tecnologia. Na época, Steve Jobs, o CEO da Apple, explicou que a decisão foi tomada por que o plugin não foi desenhado para telas em touch screen e consumia muita energia.

Outro fator que influenciou Jobs foram as constantes falhas de segurança do Flash. Desde o início de 2015, por exemplo, foram descobertas pelo menos três vulnerabilidades graves no plugin, algumas inclusive permanecem até o momento sem solução.

Isto fez também com que, na segunda-feira (13), o chefe de segurança do Facebook, Alex Stamos, declarasse no Twitter que já passou da hora da Adobe aposentar o software, cheio de problemas. 

Chefe de segurança do Facebook, Alex Stamos, reclama do Flash no Twitter (Foto: Reprodução/Twitter)Chefe de segurança do Facebook, Alex Stamos, reclama do Flash no Twitter (Foto: Reprodução/Twitter)


Via Mozilla, Engadget e The Verge

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Leonardo Freitas
    2015-07-14T22:48:03

    a nova atualização do flash corrige o problema, mas no meu o java está tendo o mesmo problema, se alguem puder me dizer o que pode ser isso ? Obrigado .

  • Reinaldo Santana
    2015-07-14T16:40:23  

    No meu Firefox (v. 39.0), a opção "sempre ativar" está desabilitada.

    recentes

    populares

    • Reinaldo Santana
      2015-07-14T16:40:23  

      o meu tbm, o java tbm está bloqueado

  • Professor
    2015-07-14T13:55:46

    Obrigado FIREFOX...agora minhas páginas abrem mais rapidamente.

  • Leandro Soares
    2015-07-14T13:53:18

    Enquanto isso todos os vídeos da globo estão usando essa maldito plugin.