Internet

27/07/2015 16h04 - Atualizado em 27/07/2015 16h15

Google+ vai deixar de ser obrigatório para usar YouTube

Juliana Pixinine
por
Para o TechTudo

Depois de substituir o Fotos e despedaçar o Google+ em Hangouts e Streams, agora é a vez do YouTube ganhar mais autonomia da rede social do Google+, que não decolou como esperado. Em um post chamado “Tudo em seu devido lugar”, o Google anunciou, nesta segunda-feira (27), que não será mais obrigatório ter uma conta no Google+ para usar a plataforma de vídeos e fazer comentários.

Google+ (Foto: Divulgação/Google)Google+ (Foto: Divulgação/Google)


Bradley Horowitz, vice-presidente para os produtos Streams, Photos e Sharing do Google, conta que “nos disseram que o acesso a todas as suas coisas com uma conta Google torna a vida muito mais fácil. Mas também ouvi dizer que não faz sentido ter o seu perfil do Google+ como sua identidade em todos os outros produtos”, explica, introduzindo uma série de mudanças para os serviços Google.

Por isso, Horowitz afirma que a gigante de buscas teve que repensar algumas ferramentas e aumentar a autonomia de dos produtos, para se adequar melhor ao perfil do usuário. O primeiro a contar com a novidade será o YouTube, que em poucas semanas não irá mais exigir conta no Google+ para acessar canais e permitir que, a partir de hoje, os comentários nos vídeos não apareçam no perfil do Google+.

"Nós decidimos que é hora de corrigir isso, não só no YouTube, mas ao longo de toda a experiência do usuário no Google. Queremos retirar formalmente a noção de que uma adesão Google+ é necessária para qualquer coisa no Google ... à exceção de usar próprio Google+", disse Horowitz no Google+. 

Perfis

Nos próximos meses, tudo o que você vai precisar para compartilhar conteúdo, comentar publicações e criar canais será uma conta no Google. O YouTube será o primeiro produto a fazer a mudança, mas a promessa é de que isso se expanda. Como sempre, sua conta no Google não será encontrada nos resultados de busca, como acontece atualmente com os perfis públicos de pessoas do Google+.

Comentários

Se os perfis começam a mudança nos próximos meses, a novidade em relação aos comentários já está no ar. A partir de agora, seus comentários em vídeos no YouTube não irão aparecer no Google+, e vice-versa. As opções de moderação e revisão de comentários serão mantidas como elas estão.

Canais

Se você ainda não tem um canal no YouTube, nas próximas semanas já será possível criá-lo sem ter uma conta no Google+. Se você já tem um canal, criou uma conta no Google+ só para isso, e deseja deletá-la, isso também será possível.

Deletando contas

Nos próximos meses, será possível remover seu perfil do Google+ sem perder qualquer dado, arquivo ou informação de sua conta no YouTube. Porém, espere até que o Google divulgue que a opção está no ar, porque se o fizer antes disso, irá perder todo o conteúdo do seu canal.

Novidades

Removendo algumas ferramentas, o Google está investindo em uma experiência focada no Google+, onde os usuários se envolvem em interesses em comum e conteúdos compartilhados. Novas funções, como o Google+ Coleções continuarão a ser adicionadas à rede social, que "não morreu".

Via Google, YouTube e BradleyHorowitz/Google+

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • italo pinto
    2015-07-28T10:22:01

    Concordo que obrigar a criar um perfil no Google+ foi invasivo e perturbador. No entanto, a rede social em questão tem alguns pontos positivos em relação a seus concorrentes. O sistema de círculos é mais eficaz que o tradicional ao Facebook. Além disso, o layout e o funcionamento do stream é bem mais agradável que os demais concorrentes. Acho que é questão de dar chance à rede. Ela não te aproximará das pessoas conhecidas, pois elas não estão lá em sua maioria. Mas tem sido muito útil para acesso a assuntos variados e ao compartilhamento de conteúdos por interesses.

  • Flavia Vieira
    2015-07-28T03:06:58

    Graças a Deus acabou essa porrinhação de fazer um perfil no Google + para poder comentar no Youtube. Uma ótima noticia pq vou deletar meu perfil no Google +. Não adianta impor uma rede social que nasceu fardada ao fracasso.

  • Newton Carneiro
    2015-07-27T17:15:13

    passou da hora de um gigante separar do outro ,pós parece um meio racista de um internet moderna ou melhor ,cada qual deve seguir seu caminho livre um do outro ,pra o bem da modernização e o mundo tecnologico