Internet

21/08/2015 14h10 - Atualizado em 21/08/2015 14h10

Novo pacote de dados do Ashley Madison vaza com dobro do tamanho

João Kurtz
por
Para o TechTudo

O pesadelo do Ashley Madison continua. Um novo pacote de dados, com supostas informações privadas dos usuários foi publicado nesta quinta-feira (20), com o dobro do tamanho do primeiro vazamento. O pacote revela notas internas do site e dados pessoais do fundador e CEO.

Real ou farsa? Descubra se seu perfil no Ashley Madison vazou

A Avid Life Media, responsável pelo Ashley Madison, não fez nenhum comentário sobre os novos vazamentos. O grupo já havia negado que as informações de cartões de crédito disponibilizadas eram reais e informou que estava fazendo sua própria investigação interna sobre o caso.

Novo vazamento possui 20 GB de dados privados do Ashley Madison (Foto: Reprodução/Ashley Madison)Novo vazamento possui 20 GB de dados privados do Ashley Madison (Foto: Reprodução/Ashley Madison)


A Avid Life Media também procurou tranquilizar os usuários, dizendo que a rede social não armazena o número completo de cartões de crédito. Apesar da recusa, muitas das informações reveladas já foram confirmadas por usuários da rede social de infidelidade, indicando que o vazamento é real.

Qual é o melhor antivírus grátis? Comente no Fórum do TechTudo.

O novo pacote foi divulgado através de um arquivo torrent contendo cerca de 20 GB de dados, o dobro do anterior. A mensagem também debocha do CEO da ALM, Noel Biderman, por se recusar a admitir o vazamento para os membros do site e a imprensa.

As informações pessoais dele e de outros usuários do site estariam inclusas no download, mas aparentemente esses arquivos foram corrompidos e não podem ser acessados.

A estimativa é que os dados de mais de 37 milhões de usuários do site tenham sido roubados. Já existe, inclusive, um serviço que permite descobrir se sua conta foi comprometida com o hack.

Via The Next Web

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares