Tablet

18/09/2015 09h01 - Atualizado em 18/09/2015 09h01

Apple Pencil: saiba tudo sobre a canetinha stylus do iPad Pro

Gabriel Ribeiro
por
Para o TechTudo

O que parecia improvável aconteceu: a Apple se rendeu à caneta stylus. O acessório vendido separadamente – e compatível apenas com o novo iPad Pro – chega ao mercado para dar sobrevida ao tablet da companhia, adicionando mais precisão e se tornando uma opção para designers e ilustradores.

iPad Pro tem 12,9 polegadas e 'canetinha'; veja evolução desde o iPad Air 2

A Apple Pencil foi apresentada no último dia 9, junto com os novos iPhone 6S e iPhone 6S Plus, além do próprio iPad Pro. Em 2007, porém, ao anunciar o primeiro iPhone, Steve Jobs disse que as pessoas não precisavam de uma caneta stylus. Jobs não está mais na empresa e Tim Cook, o atual CEO, resolveu contrariar o antigo chefe e resgatou o acessório, agora com o iPad Pro.

Conheça mais sobre a Apple Pencil e saiba do que ela é capaz de fazer.

iPhone Apple (Foto: Reprodução/Apple)Apple Pencil oferece o dobro de precisão do que os dedos (Foto: Reprodução/Apple)


Precisão

A Apple Pencil tem uma tecnologia que consegue oferecer uma precisão duas vezes maior do que os dedos. Ao entrar em contato com a tela, o acessório faz uma leitura de 240 vezes por segundo. Com isso, o tempo de resposta do iPad não passa de alguns milissegundos.

Isso quer dizer que, ao passar a Apple Pencil no display, uma linha será feita quase que instantaneamente. Além disso, a tela multi-touch do iPad Pro também está mais inteligente, o que é interessante para quem pretende utilizar o novo tablet da Apple para trabalhar. Além dos apps de edição de imagem, a stylus será compatível com diversos aplicativos nativos, como o Email e o Notas.

Sensores

Acessório conta com sensor de inclinação (Foto: Divulgação/Apple)Acessório conta com sensor de inclinação (Foto: Divulgação/Apple)

O iPad Pro não tem a tela 3D Touch dos iPhones 6S e 6S Plus. Agora, com a Apple Pencil, a companhia oferece uma recurso semelhante, que consegue reconhecer os níveis de pressão. Se o usuário quiser fazer uma linha mais grossa, por exemplo, basta colocar um pouco mais de força na Apple Pencil. Se quiser mais fina, é só pegar um pouco mais leve.

Além disso, o acessório conta com um sensor de ângulo, ou seja, consegue identificar se a caneta está mais ou menos inclinada. Com isso, é possível fazer o efeito de sombreamento e até mesmo diminuir a intensidade da cor.

Bateria

Acessório tem conector Lightning (Foto: Divulgação/Apple)Acessório tem conector Lightning (Foto: Divulgação/Apple)


Existe tablet bom e barato? Descubra no Fórum do TechTudo

Outro ponto impressionante da Apple Pencil é a bateria. A fabricante não informa a quantidade de mAh que ela tem, apenas o tempo de autonomia. Com uma única carga, o acessório pode funcionar 12 horas sem interrupção.

Além disso, a caneta conta com um carregamento ultra-rápido. Com apenas 15 segundos de carga, ela consegue 30 minutos de autonomia – bem que a Apple podia levar isso a outros acessórios da empresa, como o Magic Mouse. A carga é feita por um conector Lightning embutido na ponta do acessório, que pode ser conectado direto no iPad Pro.

Preço

Apple Pencil oferece o dobro de precisão do que os dedos (Foto: Divulgação/Apple)Apple Pencil será vendida separadamente (Foto: Divulgação/Apple)

A má notícia é que a Apple Pencil não virá na caixa junto com o iPad Pro. Quem quiser adquirir o acessório deve desembolsar mais US$ 100 (equivalente a R$ 388).

O iPad Pro, assim como a Apple Pencil, estará disponível para venda em novembro, com o preço a partir de US$ 799 (R$ 3.100) para o modelo de 32GB. Ainda não há informações de preço e nem de quando o dispositivo chegará ao Brasil.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares