Redes sociais

27/11/2015 08h00 - Atualizado em 27/11/2015 08h00

Por trás dos testes do Facebook: Permissões de uso são pura polêmica

João Kurtz
por
Para o TechTudo

Muitos usuários do Facebook gostam de fazer testes online e postar os resultados nos feeds para comentar com amigos. O problema é que, para isto, os sites pedem informações sobre seus perfis na rede social que podem violar sua privacidade.

Dicas de Facebook; truques e tutoriais 

Um exemplo para a situação é o VonVon, um dos serviços mais usados na rede social e responsável pelo teste “As Palavras Mais Usadas no Facebook”, que se tornou viral em novembro. 

Uma análise na sua política de privacidade revela que o teste pode ter acesso a fotos, lista de amigos e endereço IP. Quando o usuário faz o teste do VonVon pela primeira vez, o aplicativo pede login usando a conta do Facebook, o que significa dar permissão para acessar várias informações diferentes.

Teste da VonVon revela palavras mais usadas no Facebook (Foto: Divulgação/VonVon)Teste da VonVon revela palavras mais usadas no Facebook (Foto: Divulgação/VonVon)

Invasão de privacidade

Neste caso, os dados cedidos são nome, foto do perfil, idade, gênero, data de nascimento, lista completa de amigos, todos os conteúdos postados no feed de notícias, fotos postadas ou marcadas, histórico educacional, localização, lista de conteúdo curtido, endereço de IP e informações sobre dispositivos usados para acessar a rede social.

A polêmica ocorre nos termos de privacidade do VonVon, os mesmos que os usuários concordam, muitas vezes, sem ter lido. O texto informa que o site se dá o direito de manter os dados armazenados pelo tempo que achar necessário para “providenciar produtos e serviços”.

Política do VonVon garante acesso a dados que podem ser vendidos a sites de terceiros (Foto: Reprodução/Facebook) (Foto: Política do VonVon garante acesso a dados que podem ser vendidos a sites de terceiros (Foto: Reprodução/Facebook))Política do VonVon garante acesso a dados que podem ser vendidos a sites de terceiros (Foto: Reprodução/João Kurtz)

Além disso, a plataforma é capaz de continuar a usar qualquer informação não identificada para fins de análise e estatísticas mesmo após o encerramento da conta do usuário ou de um serviço. 

Os termos também informam que os dados obtidos não podem ser compartilhados com outras empresas, a não ser com a devida permissão do usuário ou através de um aviso dado na política de privacidade. O VonVon esclarece que seus termos deixam de ser aplicados nestas entidades, que estariam liberadas para fazer o que quiserem com estes dados.

Facebook não carrega? Comente no Fórum do TechTudo. 

Sem dar acesso ao perfil

A recomendação para os usuários é que evitem fazer este tipo de teste quando pedir acesso aos dados sensíveis do perfil. Além disso, uma boa dica é só compartilhar o conteúdo de sites que não peçam acesso a informações.

Outra dica importante é que é possível limitar o acesso aos dados fornecidos no momento de confirmar o acesso do aplicativo do VonVon. Desta forma, é possível fazer os testes sem passar qualquer tipo de informação, com exceção do nome do perfil.

Se você usa o VonVon, mas mudou de ideia, saiba como revogar o acesso de apps no Facebook.

Via Social Times

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Sueli Mori
    2015-12-28T23:21:22

    2015 FOI UM ANO muito difícil mas 2016 será um ano de esperança de mudança

  • Sueli Mori
    2015-12-28T23:20:13

    Feliz 2016

  • Maisa Bela
    2015-12-25T14:13:56

    Gostei bem elaborado

  • Diego Correa
    2015-11-29T09:51:35

    Redes sociais sao pra deficientes mentais/sociais. Só isso.

  • Amado Júnior
    2015-11-27T16:16:13

    A melhor dica mesmo é NÃO fazer esses testes! Além de não ter nenhuma utilidade, ainda ficam poluindo a página pq normalmente as pessoas fazem uns 10 testes desses por dia! E, pra piorar, ainda tem esse agravante acima!