Internet

19/12/2015 11h00 - Atualizado em 19/12/2015 16h17

Algoritmo do MIT consegue prever selfies ruins com análise de fotos

João Kurtz
por
Para o TechTudo

Pesquisadores do Instituto Tecnológico de Massachusetts (MIT) criaram um algoritmo capaz de prever se uma imagem é memorável. Chamado de LaMem, o sistema usa tecnologia de aprendizagem de máquinas, e pode reconhecer as áreas mais importantes nas fotos com uma análise quase humana, prevendo selfies ruins.  

'Foto perfeita': Google e MIT criam tecnologia que retira objetos das imagens

Uma versão de testes gratuita do serviço foi disponibilizada online no endereço (memorability.csail.mit.edu/demo). No entanto, a expectativa é de que o LaMem seja lançado para dispositivos móveis, ajudando a identificar melhores e piores selfies feitas nos smartphones. Segundo os desenvolvedores, o algoritmo é 30% melhor que os concorrentes. Ao analisar uma imagem, o sistema consegue exibir um mapa de calor com as partes mais atrativas. 

Use a câmera frontal e tente fazer a foto do seu selfie por cima do rosto (Foto: Pond5)Use a câmera frontal e tente fazer a foto do seu selfie por cima do rosto (Foto: Pond5)


A ferramenta foi desenvolvida com tecnologias de aprendizagem de máquinas, o que significa que pode melhorar os resultados conforme é usada. A desvantagem é que, enquanto não for "treinada" o suficiente, será incapaz de reconhecer certos tipos de imagens.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

No momento, por exemplo, o LaMem não funciona corretamente em logos. “Ele ainda não viu muitas variações em cores e tipos, o que pode afetar o resultado da análise em marcas. Para melhorar isso, é só capturar mais dados, que é algo que esperamos poder fazer no futuro”, explica o cientista da computação Aditya Khosla.

Khosla acrescenta que o sistema estuda objetos e cenários nas imagens, e que é difícil explicar exatamente quais são os elementos importantes. “Nossa análise inicial mostrou que partes do corpo expostas são mais memoráveis, enquanto cenários abertos como praias ou horizontes são esquecíveis”, esclarece.

O treinamento inicial do LaMem foi feito com mais de 5 mil pessoas expostas a uma variedade de imagens, em que deveriam apertar um botão toda vez que encontrassem uma fotografia memorável. Cada imagem foi vista por uma média de 80 indivíduos.

Os usos previstos para a tecnologia incluem compartilhar fotos mais relevantes em redes sociais, assim como criar um app para profissionais da área conseguirem aumentar o impacto das publicações. 

Ferramenta é capaz de identificar áreas de imagem que são mais memoráveis (Foto: Reprodução/MIT)Ferramenta é capaz de identificar áreas de imagem que são mais memoráveis (Foto: Reprodução/MIT)

Qual é a melhor câmera para selfies? Comente no Fórum do TechTudo.

De acordo com os pesquisadores, a plataforma também poderá ser usada em tratamentos especializados para melhorar a memória das pessoas ou ajudar a diagnosticar doenças ligadas à capacidade de memorizar cenas. 

Via MIT e TechCrunch

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Luis Andre
    2015-12-20T10:05:30

    Tudo é mágico para o TechTudo, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Antonio Mattos
    2015-12-19T15:19:42  

    kkkkkkkkkkkk....No Título da Matéria. Não seria "Prever" ao invés de, " perver selfies ruins " ??

    recentes

    populares

    • Antonio Mattos
      2015-12-19T15:19:42  

      A CULPA É DO PT

    recentes

    populares

    • Antonio Mattos
      2015-12-19T15:19:42  

      Burrooooossss