Produtividade

11/07/2016 15h24 - Atualizado em 11/07/2016 15h24

Minerar bitcoin ficou mais caro com medida contra inflação; entenda

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

Extrair (ou minerar) Bitcoin se tornou mais difícil desde o último sábado (9). O motivo é a correção realizada na moeda digital para combater o risco de inflação que, na prática, diminui pela metade o ritmo de emissão de bitcoins, tornando o ato de exploração da cripto moeda bem mais difícil.

Como ganhar Bitcoins grátis?

A medida já vinha sendo antecipada por quem extrai a moeda há algum tempo, já que é prevista para surtir efeito a cada quatro anos. Entretanto, deve impactar quem está começando a investir na exploração da moeda virtual, assim como interessados em ingressar nesse mercado.

Tendo-se em vista custos de energia elétrica e de equipamentos, a medida pode tornar a exploração doméstica de mineração de bitcoin virtualmente impossível para quem pretende lucrar com isso.

Medida serve para garantir a escassez do bitcoin, preservando o valor da moeda e combatendo a inflação (Foto: Divulgação/FISL)Medida serve para garantir a escassez do bitcoin, preservando o valor da moeda e combatendo a inflação (Foto: Divulgação/FISL)

A alteração que passou a surtir efeito no último sábado já era prevista. Desde que foi criado, o bitcoin conta com um mecanismo desenvolvido para evitar inflação: a correção pode tornar o ritmo de obtenção da moeda mais difícil com o passar do tempo como medida para impedir que o mercado fique inundado de bitcoins, algo que causaria erosão do valor da moeda (queda acentuada).

Como investir em Bitcoins e por quê? Veja no Fórum do TechTudo.

Bitcoin mais difícil

Para entender melhor o que isso significa em termos de lucratividade, basta fazer um exercício simples: suponha uma máquina de mineração que poderia extrair 50 bitcoins em um mês a um gasto X de energia elétrica. Agora, a mesma máquina continuará gastando X para obter apenas 25 bitcoins. Sob qualquer ponto de vista, a queda é brutal e deve provocar mudanças no perfil dos investidores.

A aplicação dessa correção visa combater a inflação. Assim como nas crises monetárias que atingem dinheiro de verdade, inflação em termos de bitcoins se refere a uma oferta enorme de moeda na praça. Se há muito bitcoin disponível, e é fácil gerar a moeda em casa, há uma perda de valor por conta da oferta.

A correção aplicada a cada quatro anos visa dificultar a extração justamente para impedir esse cenário, já que a cada ano computadores mais rápidos e eficientes no processo de mineração são lançados. Em 2020, nova rodada de correção deve tornar o bitcoin ainda mais difícil de se obter.

Via Fortune, Bitcoin Magazine

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares