Placas

14/12/2016 13h59 - Atualizado em 14/12/2016 13h59

Saiba tudo sobre o AMD Ryzen, processador que pode competir com a Intel

Filipe Garrett
por
Para o TechTudo

A AMD revelou os detalhes dos novos processadores Ryzen, que usam a aguardada arquitetura Zen, na última terça (13). O primeiro chip da nova geração da marca foi revelado com uma série de especificações técnicas que prometem colocar uma CPU da AMD em pé de igualdade, em termos de desempenho, com a Intel depois de mais de uma década. Os destaques são a contagem de núcleos, o aumento de 40% de instruções por ciclo (clock) do processador e comparações positivas com alternativas da Intel.

Novas placas Radeon Instinct da AMD têm foco em computadores smart

AMD batiza novo processador de Ryzen e promete competição acirrada com a Intel (Foto: Divulgação/AMD)AMD batiza novo processador de Ryzen e promete competição acirrada com a Intel (Foto: Divulgação/AMD)

O Ryzen deve desembarcar no mercado já nos primeiros três meses de 2017. O chip apresentado pela AMD usa os núcleos Summit Ridge (são oito deles), possui velocidade de 3,4 GHz, pode rodar com 16 núcleos simulados via hyper threading, tem 20 MB de cache, além de uma série de novas tecnologias criadas pela AMD para fazer com que seus processadores sejam mais eficientes.

Comparando com a Intel

No momento, existem algumas tabelas com resultados de benchmarks circulando na Internet, que apresentam o novo Ryzen em comparações muito positivas com alguns dos principais processadores da Intel na atualidade. Em relação aos registros divulgados pela AMD, o Ryzen se equipara em performance ao Core i7 6900K, uma das principais CPUs da linha de sexta geração da concorrente.

É claro que o desempenho é só metade da equação. Para que a AMD seja interessante ao consumidor, é preciso que seus produtos mantenham a tradição dos preços mais em conta, algo que não foi mencionado durante a apresentação e deixa questões em aberto sobre o custo-benefício do AMD Ryzen.

Aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no seu celular 

Baixo consumo e calor

Ao longo dos últimos anos, os processadores da AMD ganharam má fama em uma série de departamentos, em especial no que tange o consumo e aquecimento. A AMD parece ter se conscientizado do problema porque o Ryzen de oito núcleos demonstrado roda com 100 watts, número bem menor do que os 140 watts atingidos pelas CPUs octa-core Broadwell-E da Intel.

O que é o SenseMI?

SenseMI conta com uma série de ferramentas que racionalizam o consumo e funcionamento do novo processador da AMD (Foto: Divulgação/AMD)SenseMI conta com uma série de ferramentas que racionalizam o consumo e funcionamento do novo processador da AMD (Foto: Divulgação/AMD)

Uma das novidades divulgadas pela AMD em seu novo processador é o SenseMI, um conjunto de tecnologias que racionaliza o consumo de energia e eleva a performance do processador. Esse conjunto contempla: Pure Power, que envolve componentes especializados para diminuir desperdício na entrega de energia ao processador; Precision Boost, usa a informação do regime de alimentação oferecida pelo Pure Power para ajustar o turbo do processador sem gargalos. Mas não acaba aí.

Há o Extended Frequency Range (XFR), função de aceleração que eleva a velocidade acima do limite teórico do chip, caso o usuário tenha um sistema de refrigeração bem robusto. Na prática, isso significa que o overclock será automatizado e acessível mesmo para iniciantes.

Por fim, o SenseMI conta com o Neural Net Prediction e Smart Prefetch, funções que servem para mover dados em processamento pela CPU de forma mais eficiente, contribuindo para os tais 40% de aumento no número de instruções por ciclo do processador.

O que falta saber sobre o Ryzen?

Ryzen deve chegar ao mercado nos primeiros três meses de 2017 (Foto: Divulgação/AMD)Ryzen deve chegar ao mercado nos primeiros três meses de 2017 (Foto: Divulgação/AMD)

A AMD mostrou um processador, não toda a linha. É preciso, ainda, conhecer preços dessa unidade e das outras versões dos novos processadores para entender onde eles se encaixam no mercado atual e, crucialmente, em que medida essa nova série de CPUs da AMD se compara, positiva ou negativamente, com as alternativas da Intel.

Outra omissão da apresentação foi uma data cravada para o lançamento dos processadores. Ao se referir ao primeiro trimestre de 2017, a AMD deixa a data em aberto por 90 dias, período em que as placas-mãe AM4 precisam ser lançadas pelos fabricantes e em que a Intel deverá por no mercado os processadores Kaby Lake para desktops.

Qual GPU é melhor para jogos atuais? Comente no Fórum do TechTudo 

Via PCWorld, Ars Technica

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • ibrain abrao
    2017-06-07T13:43:13

    Alguem sabe um modelo de Notebook com este processador? Quero um para rodar os novos games do Play Station One. Essa pergunta faço ao comentario do André Oliveira, sabidão

  • Edivaldo Alcantara
    2017-01-01T13:35:37  

    A AMD sempre foi muito melhor de custo beneficio, escolha inteligente para quem precisa de maquinas de media e baixa performance, espero que invistam em desempenho, mas mantenham.os processadores baratos que suprem as necessidades da maior parte da população.

    recentes

    populares

    • Edivaldo Alcantara
      2017-01-01T13:35:37  

      ainda bem que tem mais de uma empresa nesse ramo imagina so uma unica empresa os consumidores iram pagar muito mais caro!

  • Carlos Lucena
    2017-02-15T13:24:51

    eu uso AMD não me arrependo e um ótimo processador para jogo então nem se fala Intel nem pensar já mas alem de ser caro ele vem bloqueado para fazer overclock

  • André Oliveira
    2017-01-25T12:02:50  

    processador AMD só é bom pra quem não entende de informática ou "técnico formatador de windows". Desde o lançamento dos péssimos FX em 2011/2012 a AMD passou vergonha e reconheceu que o projeto foi um grande erro e teve que conviver com esse pesadelo. Um FX 6100 é tão ruim que com overclock a 4.7GHZ não conseguia ser melhor que um i3 3240 em jogos, segundo benchmarks realizados pela xbitlabs.

    recentes

    populares

    • André Oliveira
      2017-01-25T12:02:50  

      Vc esta equivocado...

    recentes

    populares

    • André Oliveira
      2017-01-25T12:02:50  

      André, os novos processador da AMD da série Ryzen serão similares ao PS4, que contem memória HMB2, que é dezenas de vezes mais rápido que o PS4 da primeira geração e infinitas vezes mais rápido para games do que qualquer core i7 do mercado. Acredito que aqueles que quiserem comprar uma placa de vídeo por exemplo, terão a escolha de comprar este processador, ao invés de pagar 2 ou 3 mil em um produto com desempenho similar. Assim sendo, acredito que as chances de a AMD virar uma Ferrari e uma core I7 uma carroça movida por um jegue pode realmente acontecer.

  • André Oliveira
    2017-01-25T12:02:38

    q?

  • Homem Negativo
    2016-12-14T22:53:37  

    kkk.. competir com a Intel é o que eles tentam a vida inteira..

    recentes

    populares

    • Homem Negativo
      2016-12-14T22:53:37  

      Não, não amigo sem nenhum conhecimento, a AMD nunca quis competir no mercado de performance, a AMD sempre quis oferecer um processador com preço bom, tanto que hoje podemos comprar um FX8320E por 400R$ que muito é superior a um i5 4430 de 800R$, mas agora a AMD vai vir para o mercado de performance, acredite, se eles dizem que terão até 40% mais performance, não é propaganda, mas infelizmente provavelmente vão largar o mercado CxB...

    recentes

    populares

    • Homem Negativo
      2016-12-14T22:53:37  

      mano a amd foi criada um ano após a intel, a amd já dominou o mercado de processadores, hj está um pouco atrás, mas msm assim não perde seu mérito e muito menos sua qualidade... e pode perder em desempenho nos processadores, e é por pouco, mais o custo benefício e qualidade é sua grande vitória, consegue entregar produtos bons de qualidade e em um valor bem mais acessível, além de seus processadores gráficos das apus estarem anos luz à frente da intel! eles competem sim, e em pé de igualdade, pq o que falta em um, também falta no outro, o que um tem o outro não tem e vice versa!

  • Zenobio Saraiva
    2017-01-01T16:26:37

    Se você quer continuar a pagar mais por desempenho enganoso, continue a comprar Intel. Se você quer pagar o justo por aquilo que te entregam, AMD é a solução, sempre foi.

  • Eduardo Fonseca
    2016-12-20T21:57:22

    é muito bom saber disso.eu também sou usuario da AMD e possuo um FX8350.se realmente o preço for bom,e valer a pena fazer a troca do processador,eu vendo meu kit,e parto pro outro sem pensar duas vezes!

  • Antonio Cury
    2016-12-14T17:46:46  

    Espero sinceramente, que enfim, tenhamos alguma concorrência no mercado. Nosso bolso agradece!

    recentes

    populares

    • Antonio Cury
      2016-12-14T17:46:46  

      Também sou usuário AMD, mas sem aquela coisa de fanboy... só não uso Intel por achar que, na maioria dos casos, ela cobra um valor fora da curva em seus produtos. Que venha a nova geração da AMD, para que nosso bolso agradeça!

    recentes

    populares

    • Antonio Cury
      2016-12-14T17:46:46  

      Faço suas minhas palavras, mas também me pergunto se a AMD vai continuar com o seu custo benéfico, não a nada que garanta que seus valores subam tanto quanto a Intel, infelizmente.

  • Junior
    2016-12-16T08:49:05

    Bom.