Video game

11/02/2017 06h00 - Atualizado em 11/02/2017 06h00

Comprar PS3 usado vale a pena? Saiba se o preço mais barato compensa

Felipe Demartini
por
Para o TechTudo

A ideia de comprar um PS3 com cara de novo, apesar de usado, por um preço mais barato que o cobrado normalmente pela Sony pode parecer tentadora para muitos no Brasil. Jogadores podem se interessar, principalmente, porque o console ainda é compatível com games atuais, como GTA 5 e Call of Duty. Embora seja vendido por um valor mais baixo, o videogame usado normalmente vem acompanhado de vários jogos e até mesmo um controle adicional – o que pode aumentar a procura por um PlayStation 3 de segunda mão.

Lista reúne os melhores jogos gratuitos do console PS3

No entanto, para garantir que não tenha problemas, o comprador precisa tomar uma série de cuidados. Confira, nesta lista, alguns pontos que devem ser levados em conta na hora de comprar um PS3 usado, e como evitar possíveis dores de cabeça no futuro.

PS3 Super Slim é o único fabricado pela Sony no momento (Foto: Divulgação/Sony)PS3 Super Slim é o único fabricado pela Sony no momento (Foto: Divulgação/Sony)

Aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no seu celular

Pontos positivos

1. Preço mais baixo

Atualmente, o PlayStation 3 é vendido em grandes varejistas por preços que variam dos R$ 1 mil a R$ 1,3 mil. Em lojas menores, é possível encontrar o videogame por a partir de R$ 800. Em todos os casos, estamos falando sobre a versão Super Slim, a mais recente lançada pela Sony, com tampa manual na parte de cima para colocação do disco, disco rígido de 500 GB e um controle, ambos na cor preta.

É difícil encontrar modelos mais antigos, como o Slim e, principalmente, o Fat, novos. No mercado informal, entretanto, eles podem ser encontrados usados de maneira simples, com valores que variam muito e vão desde os R$ 400 até R$ 700, de acordo com o estado de conservação e o tempo de uso.

PlayStation 3 (Foto: Divulgação)Detalhes do PlayStation 3 (Foto: Divulgação/Sony)

Mas o principal fator que acaba afetando o preço desta maneira é a quantidade de jogos. Dificilmente, o comprador encontrará um console usado sendo vendido sozinho, e, normalmente, os vendedores incluem também uma lista de games disponíveis tanto de forma digital, no HD, quanto em disco. Isso sem falar em acessórios, como joysticks adicionais ou docas de carregamento, que podem fazer com que o preço suba um pouco mais.

Essa é a principal vantagem de adquirir um aparelho usado, pois, normalmente, o jogador recebe um pacote completo, e pode ficar sem ter que gastar com novos títulos por um bom tempo.

2. Modelos antigos e funções adicionais

A Sony, de tempos em tempos, reformula completamente sua linha de produção de consoles, como aconteceu recentemente com a chegada das versões Slim e Pro do PS4. O mesmo aconteceu também com o PlayStation 3, que, além de modelos com design reformulado, também chegou a ter edições de aspecto semelhante, mas com diferentes funcionalidades.

Primeiras versões do PS3 traziam até suporte a jogos de PS2 (Foto: Divulgação/Sony)Primeiras versões do PS3 traziam até suporte a jogos de PS2 (Foto: Divulgação/Sony)

É o caso, principalmente, do PS3 que roda também jogos de PlayStation 2 por meio de emulação, comercializados somente até agosto de 2007. A Sony decidiu acabar com o recurso de forma a reduzir o custo do console, além de evitar problemas de compatibilidade, deixando muitos fãs órfãos. O videogame também teve edições com leitor de cartão de memória e detalhes cromados, bem como portas USB cobertas por uma tampa na parte frontal do aparelho.

Tais consoles somente podem ser achados, hoje, no mercado de usados. Em alguns casos, são considerados raridade, sendo até mesmo difíceis de se encontrar. Um PlayStation 3 retrocompatível com PS2, por exemplo, pode sair por R$ 1,4 mil, mais do que o cobrado em um console novo. Cabe a cada um pesar as opções e perceber qual parece mais vantajosa.

3. Modificações

Uma das grandes novidades do PS3 em relação aos consoles anteriores da Sony foi não apenas a existência de um HD em todas as unidades, mas também a possibilidade de troca simples deste componente. Por usar uma peça semelhante às de notebooks, um jogador poderia substituir facilmente o disco rígido original do console por um novo, ampliando o espaço para download de jogos digitais.

Levando em conta a ascensão desse mercado e o fato de que o PS3 chegou a ser comercializado com HDs pequenos, de apenas 20 GB, essa se torna uma decisão bastante acertada. No mercado de usados, acabou se tornando mais um fator interessante para quem deseja comprar um aparelho de segunda mão, tendo acesso a aparelhos modificados e diferentes das versões padronizadas lançadas pela Sony.

Outras possibilidades de modificação disponíveis somente no mercado de seminovos são as carcaças personalizadas, com temas de alguns dos principais jogos da plataforma. Há ainda os controles DualShock 3 com alterações específicas para jogos de tiro ou botões turbo, por exemplo.

Pontos negativos

1. Durabilidade e estado de conservação

Nem sempre o fato de um console estar bonito e sem marcas de uso significa que ele está em bom estado. Fatores externos, não associados a mau uso, também podem contribuir para problemas ou defeitos no PS3, podendo transformar o valor mais barato em uma grande dor de cabeça que, no final, acaba saindo mais cara.

Carcaça em bom estado nem sempre reflete condições internas do PS3 (Foto: Divulgação/Sony)Carcaça em bom estado nem sempre reflete condições internas do PS3 (Foto: Divulgação/Sony)

Elementos do meio, como ventilação, poeira ou umidade, assim como o tempo de uso e as condições nas quais a jogatina era realizada, podem interferir na saúde dos componentes internos. Elementos como processadores, ventoinhas, chips, transistores e pastas térmicas estão sujeitos, o tempo todo, a diferentes condições que podem acabar reduzindo a longevidade de um PS3.

Por isso, na hora de comprar, o ideal é não se atentar apenas à aparência externa do dispositivo. Uma forma rápida, mas superficial, de verificar o estado interno do aparelho é observar as saídas de ar. Se elas estiverem muito sujas, é sinal de um console com bastante tempo de uso, e, possivelmente, que passou por maus tratos. Compre aparelhos apenas de pessoas de confiança e, se possível, leve o PS3 em um técnico também recomendado antes de fazer a aquisição, para que ele possa dar uma olhada por dentro.

2. Falta de garantia

A negociação de um console usado, normalmente, acontece entre jogadores. Isso significa também que, para o vendedor, é praticamente impossível oferecer garantia de manutenção ou troca, por exemplo, uma vez que não há nem mesmo uma estrutura de loja por trás para fazer isso.

Usuários comuns não podem dar garantia para o PS3 e acessórios (Foto: Divulgação/Sony)Usuários comuns não podem dar garantia para o PS3 e acessórios (Foto: Divulgação/Sony)

Por isso, mais uma vez, é importante se certificar de que o console realmente está em bom estado antes de comprá-lo. Novamente, o ideal é procurar apenas vendedores indicados e, se possível, levar o PS3 a um técnico também recomendado antes da aquisição. Dessa forma, o profissional pode avaliar os componentes internos e até mesmo realizar uma manutenção preventiva, de forma a evitar problemas futuros.

3. Condições de pagamento

Ao adquirir um PS3 usado, procure sempre um vendedor de confiança (Foto: Divulgação/Sony)Ao adquirir um PS3 usado, procure sempre um vendedor de confiança (Foto: Divulgação/Sony)

Em mais um reflexo decorrente da condição de pessoas “comuns” dos envolvidos, a venda de consoles usados, normalmente, não envolve condições de pagamento muito favoráveis. A negociação direta abre as portas para a pechincha. Mas, por outro lado, o pagamento normalmente é feito com dinheiro em espécie e à vista, a não ser que o vendedor conheça e confie muito em você para aceitar um parcelamento sem garantias.

Uma boa alternativa, por outro lado, são sites de leilão. Alguns costumam intermediar os pagamentos e, sendo assim, oferecem alternativas utilizando parcelamento e cartão de crédito. O lado ruim é que, dificilmente, será possível ver o produto antes de comprar. Entretanto, o valor só é liberado ao vendedor após a entrega, o que minimiza os riscos de golpe.

4. Banimentos

Em um aspecto que somente pode ser verificado com o console ligado e funcionando, o comprador deve verificar se o PS3 que está adquirindo não está banido da PSN. Isso significa que, mesmo com uma conta válida do serviço da Sony, ele será incapaz de jogar online ou adquirir jogos digitais, com as funcionalidades online sendo completamente bloqueadas.

Desbloqueio pode gerar banimento do PS3 da rede online da Sony (Foto: Divulgação/Sony)Desbloqueio pode gerar banimento do PS3 da rede online da Sony (Foto: Divulgação/Sony)

Isso, normalmente, acontece com aparelhos desbloqueados, em que as alterações são detectadas por atualizações de sistema e verificações online feitas pela Sony. Mais uma vez, o ideal para evitar essa situação é testar na frente do vendedor, e não efetuar a compra caso exista qualquer sinal de irregularidade.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Humberto Torres
    2017-09-12T09:48:11

    Comprei um ps3 usado e não me arrependo. Quem for comprar procure o super slim 250gb ou o 500gb. Esses são os últimos modelos lançados e tem em média entre 4 a 1 ano de uso. Procure encontrar um com a maior quantidade de jogos possíveis e com bons títulos variados dessa forma vai ficar abastecido de jogos por um bom tempo. Procure se familiar com os melhores títulos de ps3 para ir comprando usado e em bom estado.

  • André Fontes
    2017-02-14T08:42:55

    Para quem está com pouco dinheiro compensa, mesmo que alguns jogos novos sejam lançados apenas para Ps4.

  • Alessandro Silva
    2017-02-11T12:48:03

    a parada é o seguinte! pra quem não tem condição de comprar um ps4... compensa sim, compra um ps3.... a sony vai demorar um pouco ainda pra aposenta-lo

  • Raúl Gomes
    2017-02-11T11:28:09  

    Eu não jogo games, mas entendo de tecnologia e sempre estou antenado na área. Uma coisa que eu posso afirmar é que se existe um PS4 para que alguém vai comprar o defasado do PS3? É jogar dinheiro fora, gastar o que for em uma coisa obsoleta não é inteligente

    recentes

    populares

    • Raúl Gomes
      2017-02-11T11:28:09  

      Raúl Gomes até pouco tempo no Brasil vendia mais ps4 do que ps4, somos um país de terceiro mundo... aqui lançamentos mundial demoram muito pra ficar acessível pro povão...

    recentes

    populares

    • Raúl Gomes
      2017-02-11T11:28:09  

      *mais ps3

  • Carlos Schneider
    2017-02-11T09:58:43  

    Com ctz vale a pena, tô com o meu mais de 5 anos, estado de NOVO e ainda nem completei a metade da biblioteca de jogos essenciais q ele tem disponível, tirando o fato de jogar online grátis, as salas estão ainda sempre cheias, uso Netflix, Crunchyroll e uma pancada de aplicativos.

    recentes

    populares

    • Carlos Schneider
      2017-02-11T09:58:43  

      Otima maquina, tenho tos desde ps1.

    recentes

    populares

    • Carlos Schneider
      2017-02-11T09:58:43  

      400 reais pra jogar o the last of us, uncharted e god of war, acho que vale sim. Se lançassem pra PC, eu pagaria 120 reais (que é o preço de um AAA) em cada um dos jogos, ou seja, comprar o console hoje vale a pena. Já o 4 nao vale, vale mais o Pro.