Jogos de ação

NOTA tt
7.8

Review Battleborn

Novo MOBA da Gearbox tem tiroteio eletrizante. Confira o review completo com os prós e contras de Battleborn

Thomas Schulze
por
em

Battleborn é um novo MOBA desenvolvido pela Gearbox e publicado pela 2K Games. Com versões para PS4, Xbox One e PC (Steam), o jogo de tiro em primeira pessoa apresenta visual cartunesco, bastante humor e divertidos combates inspirados em outros FPS de sucesso, como Borderlands, mas peca pela falta de variedade e originalidade. Confira a análise completa.

Battleborn é um MOBA que lidera os primeiros lançamentos de maio

Híbrido competente

Battleborn é uma espécie de híbrido entre os MOBA, que conquistaram os apreciadores de e-sports, e os jogos de tiro em primeira pessoa feitos sob medida para o público que só quer curtir algumas partidas rápidas.

Battleborn traz o melhor dos MOBA para o FPS (Foto: Divulgação/Gearbox)Battleborn traz o melhor dos MOBA para o FPS (Foto: Divulgação/Gearbox)

A campanha principal, que pode ser jogada por até quatro pessoas cooperativamente, dura pouco menos de 8 horas e apresenta os conceitos do título com uma curva de aprendizado amigável.

É recomendável curtir o game em pequenas doses, já que a estrutura das fases pode ficar repetitiva na medida em que o jogador enfrenta hordas de oponentes sem carisma. Ao menos há um constante sentimento de progresso conforme os novos equipamentos e poderes são habilitados, além de chefes criativos e desafiadores no fim das missões.

“Podemos ser heróis”

O grande atrativo de Battleborn é o elenco farto. São mais de 20 personagens à disposição, cada um com seus próprios poderes e árvores de habilidade. Vale a pena jogar com todos, já que há um certo desbalanceamento entre os heróis, com alguns personagens mais poderosos do que outros.

Battleborn conta com mais de 20 heróis (Foto: Divulgação/Gearbox)Battleborn conta com mais de 20 heróis (Foto: Divulgação/Gearbox)

O mais interessante é explorar todas as habilidades que, por meio de uma árvore repleta de ramificações, são habilitadas e aprimoradas de acordo com a vontade do jogador. É um sistema rico e cheio de variáveis, o que premia a experimentação.

Cada herói tem um ataque corporal básico, arma primária e secundária, três habilidades ativas e um ataque especial que só pode ser usado de tempos em tempos. Tudo é integrado em uma dinâmica arcade e ligeira, já que não há qualquer sistema de cobertura ou esquiva para quebrar o ritmo das partidas.

Cada herói de Battleborn tem seus próprios poderes (Foto: Divulgação/Gearbox)Cada herói de Battleborn tem seus próprios poderes (Foto: Divulgação/Gearbox)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Battleborderlands

É difícil não comparar o visual de Battleborn com o da série Borderlands, a franquia mais popular da Gearbox. Ao longo do jogo é comum sentir uma espécie de déjà vu enquanto personagens cartunescos exploram cenários coloridos e descontraídos.

As similaridades vão além e englobam também o senso de humor: o tempo inteiro o jogador é bombardeado por piadas, o que deixa o clima do tiroteio bem leve. As sequências animadas também merecem destaque, já que foram inspiradas nos desenhos da década de 1980, o que garante uma dose extra de carisma.

Battleborn possui um ótimo senso de humor (Foto: Divulgação/Gearbox)Battleborn possui um ótimo senso de humor (Foto: Divulgação/Gearbox)


Batalhas online

O multiplayer de Battleborn é competente e diverte em qualquer modo escolhido. Incursion é a opção mais popular, talvez por se assemelhar aos MOBA de sucesso. Aqui, vários inimigos se enfrentam na arena enquanto os times rivais fortalecem suas próprias bases, exigindo cooperação e sincronia afiada.

Os outros modos de jogo são Meltdown, que obriga as equipes a alimentarem uma divindade com o sangue dos inimigos, e Capture, que se resume a boa e velha conquista e proteção de territórios espalhados pela arena. Felizmente os servidores são estáveis, com apenas alguns segundos para montar partidas.

Battleborn permite customizar os poderes dos heróis (Foto: Divulgação/Gearbox)Battleborn permite customizar os poderes dos heróis (Foto: Divulgação/Gearbox)


Conclusão

Battleborn é uma boa opção para os jogadores interessados em MOBA e FPS. A nova empreitada da Gearbox apresenta um sistema online competente, multiplayer divertido e uma boa oferta de personagens e equipamentos para experimentar. No entanto, corre o risco de ser esquecido por sua natureza derivativa e pouca inovadora, o que diminui a relevância do título em um mercado com ampla oferta de jogos de tiro e MOBA.

Você acha que o mercado já está saturado de MOBAs? Opine no fórum do TechTudo!


Nota TechTudo

NOTA tt
7.8
Gráficos
9
Jogabilidade
7
Diversão
7
Som
8

Prós

  • Belos gráficos e direção de arte
  • Senso de humor
  • Online estável

Contras

  • Falta de identidade própria
  • Fica repetitivo rapidamente
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Eduardo Silva
    2016-05-09T11:50:50  

    Prefiro Mário....

    recentes

    populares

    • Eduardo Silva
      2016-05-09T11:50:50  

      O Marcos que te pegou atrás do Armário...

    recentes

    populares

    • Eduardo Silva
      2016-05-09T11:50:50  

      O Marcos que te catacrou atrás do armário