Jogos casuais

NOTA tt
9.0

Review Dragon Quest Builders

Conheça Dragon Quest Builders, jogo que mistura RPG com elementos de construção à la Minecraft

Victor Alcaíde Teixeira
por
em

Dragon Quest Builders é o novo spin-off da icônica franquia da Square Enix. Com versões para PS4 e PS Vita, o título traz uma típica aventura de RPG, além de mecânicas de construção sandbox semelhantes às de Minecraft. Confira a análise completa do game exclusivo para as plataformas PlayStation:

PlayStation VR é lançado, saiba todos os segredos e funções do aparelho

Mine Quest 

Em Dragon Quest Builders, o protagonista é Bildrick, um jovem que descobre ser o lendário construtor, cuja tarefa é reestruturar o mundo de Alefgard, que também foi palco dos eventos do primeiro Dragon Quest. A história pode não ter a complexidade dos RPGs da série, é verdade, mas ao menos serve como um bom pano de fundo.

Dragon Quest Builders: confira a análise (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Dragon Quest Builders: confira a análise (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)

Apesar de ser voltado ao sistema de criação e ter um início bastante lento com atividades simples de coleta de recursos, o game conta com personagens secundários, diálogos e missões. Diferentemente de Minecraft, Dragon Quest Builders aponta os objetivos e conduz o personagem pela narrativa como em um típico RPG. No entanto, você ainda tem liberdade suficiente para criar objetos no ritmo que bem entender.

As primeiras horas se resumem a cortar árvores, colher frutas e apanhar gravetos. Embora seja uma aventura em mundo aberto, o título é dividido em áreas. Uma vez que todas as missões de construção forem concluídas em um determinado cenário, o carismático protagonista Bildrick pode avançar a um novo capítulo para conhecer outros ecossistemas.

No modo campanha, é importante ressaltar que os ambientes não são gerados de forma randômica. Ainda que seja possível seguir a história sem a necessidade de realizar missões secundárias, você terá que passar dezenas de horas na mesma ilha, visto que há, de fato, muito a se fazer.

Dragon Quest Builders: aventura é dividida em longos capítulos (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Dragon Quest Builders: aventura é dividida em longos capítulos (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)

Entre blocos e espadas

A jogabilidade em terceira pessoa é variada e funciona de forma exemplar. Você pode montar e desmontar objetos com extrema facilidade, e ainda há um sistema de combate em tempo real bastante acessível e eficiente, que coloca o herói para confrontar criaturas memoráveis da série, como Slimes e Drackys.

Os monstros deixam itens valiosos ao serem abatidos, portanto as batalhas se tornam cada vez mais frequentes em momentos avançados da trama. Bildrick é capaz de construir armas especiais, como machados e espadas de aço, além de equipamentos de proteção, o que inclui armaduras mágicas conhecidas dos fãs.

Assim que o modo história é finalizado, ainda há conteúdo de sobra no modo livre, onde é possível projetar e compartilhar mapas com os amigos. Isso faz com que a aventura tenha uma sobrevida considerável depois de ter sido concluída. As criações da comunidade, no entanto, ainda não são numerosas.

Dragon Quest Builders: combate é simples, porém eficiente (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)Dragon Quest Builders: combate é simples, porém eficiente (Foto: Reprodução/Victor Teixeira)

Mesmo com um mundo 3D pixelado semelhante ao de Minecraft, o grande diferencial de Dragon Quest Builders é ter seus personagens desenhados pelo gênio Akira Toriyama. O estilo de arte característico da série é muito bem-vindo e garante um charme peculiar ao mundo de blocos de Alefgard. Apesar do visual simples, o capricho com as modelagens de personagens, monstros e objetos é nítido.

Conclusão

Dragon Quest Builders consegue aliar com perfeição o charme da franquia às mecânicas de construção estabelecidas por Minecraft. O resultado é um jogo robusto, divertido e acessível, com conteúdo de sobra para manter o jogador empenhado em arquitetar mundos.

É melhor comprar um PlayStation 4 ou montar um PC Gamer? Comente no Fórum do TechTudo!

Nota TechTudo

NOTA tt
9.0
Gráficos
9
Jogabilidade
9
Diversão
9
Som
9

Prós

  • Robusto sistema de criação
  • Jogabilidade acessível
  • Mecânicas de RPG
  • Combate simples, porém eficiente
  • Conteúdo imensurável
  • Modo livre

Contras

  • Problemas de câmera
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares